Forró e saúde: Por que essa dança faz tão bem para o corpo? Veja 5 razões

Das festas juninas para as academias! Esse é o forró, estilo de dança tão tradicional no Brasil e que também pode ser um ótimo exercício físico para a saúde
Das festas juninas para as academias! Esse é o forró, estilo de dança tão tradicional no Brasil e que também pode ser um ótimo exercício físico para a saúde

Para quem busca bem-estar, autoconfiança e qualidade de vida, qualquer momento é propício para cuidar da saúde. Até mesmo em um simples forró, dança brasileira tão tradicional em nossas festas juninas, é possível tirar bons proveitos para o nosso corpo. Tanto que, atualmente, diversas academias de ginástica passaram a implantar a prática dentre as aulas de atividades aeróbicas oferecidas para quem deseja tonificar os músculos, principalmente das pernas, e precisa perder calorias de forma natural e extremamente prazerosa.

Dançar é uma atividade incrível para a saúde. E, muito mais do que meros "dois pra lá e dois pra cá", o forró está enraizado na cultura brasileira. O som feito por triângulos, zabumbas e sanfonas, traz melodias agradáveis, dançantes e muito animadas para praticar a dois. Para o professor de dança Leandro Rocha, as razões principais pelas quais o forró faz contagiar as academias são os seus benefícios para a saúde e o ritmo que a dança embala naturalmente o corpo dos praticantes:

"O forró ganhou espaço nas academias por ser uma atividade que ajuda na melhora da coordenação motora e, praticada com frequência, ajuda no fortalecimento muscular, principalmente pernas. Além disso, atua naturalmente no alívio do estresse, como uma dança alegre e quando o praticante mantém uma regularidade contribui com a perda peso", explica o professor, reiterando a frequêcia ideal para um iniciante:

"Fazer duas a três aulas de forró por semana já é uma ótima forma de renovação de energia corporal e mental", finaliza Leandro Rocha.

Conheça os 5 principais benefícios do forró para sua saúde

1 - Controla a ansiedade: Por ser uma atividade que exige concentração nos passos, ritmos e no parceiro de dança, a prática ajuda a controlar a ansiedade em outros âmbitos da sua vida. Quando você dançar forró, tente libertar seus pensamentos e aproveitar o momento de dança e alegria que o ritmo proporciona.

2 - Favorece a perda de peso: Para quem quer diminuir as medidas e conquistar o peso ideal, o forró também pode te ajudar! Cerca de uma hora de dança em um ritmo mais acelerado, é capaz de queimar mais de 200 calorias.

3 - Tonifica os músculos: O forró não beneficia apenas os músculos inferiores, é possível conquistar aquela barriga sarada com a prática constante da dança. O ritmo ainda ajuda a melhorar a flexibilidade e evitar as cãibras.

4 - Afasta a depressão: A dança favorece a socialização, a conhecer novas pessoas, conversar e ter um novo hobby, ajudando na liberação de serotonina, o hormônio do bem-estar que atua no combate a depressão.

5 - Melhora o equilíbrio: São tantos "dois pra lá e dois pra cá", giros e controle no ritmo que exercitamos o nosso equilíbrio a cada aula, fazendo com que os passos sejam feitos com mais segurança e até agilidade.

Todo mundo pode dançar forró?

Uma dança tão alegre e contagiante, não podia ser seletiva, não é mesmo? Segundo o professor Leandro Rocha, o forró é democrático e todos podem praticar: "A dança não tem limites, hoje em dia temos projetos que até pessoas em cadeira de rodas dançam. Lógico, tem uma certa adaptação para que a dança em geral tenha um campo cada vez maior de público para atingir em qualidade de vida. Mas não existem restrições e sim alguns cuidados para que a atividade seja feita com segurança e apenas proporcione saúde, bem-estar e alegria", explica o especialista.

* Leandro Rocha (SPDRJ nº 37110 - Sindicato dos profissionais de dança RJ) é professor de forró, zouk e ritmos no Rio de Janeiro, ensinando aulas em academias, particulares e em grupos, além de empresas e condomínio. Para contato, o professor disponibiliza o seu celular: 21 97215-4946

Últimas
Receitas
Ver Mais

Últimas Matérias

Como fazer creme de leite caseiro e evitar o industrializado

Como fazer creme de leite caseiro e evitar o industrializado Como fazer creme de leite caseiro e evitar o industrializado

Muito usado no preparo de molhos para carnes ou massas, caldas e diferentes sobremesas (como mousses e pudins), o creme de leite é um ingrediente que não...

> Leia mais
4 maneiras de ajudar o próximo sem sair de casa

4 maneiras de ajudar o próximo sem sair de casa 4 maneiras de ajudar o próximo sem sair de casa

Doar parte do seu tempo (e energia) para ajudar o próximo é uma verdadeira prova de empatia - e, ao mesmo tempo, uma forma de promover autoconhecimento e...

> Leia mais
Qual carne tem mais colágeno? Saiba onde encontrar boas quantidades da proteína

Qual carne tem mais colágeno? Saiba onde encontrar boas quantidades da proteína Qual carne tem mais colágeno? Saiba onde encontrar boas quantidades da proteína

Para manter a saúde da pele e prevenir o envelhecimento precoce, é muito importante manter uma alimentação rica em colágeno. A boa notícia é que existem...

> Leia mais
Alimentação para quem está com dengue: o que priorizar se estiver doente

Alimentação para quem está com dengue: o que priorizar se estiver doente Alimentação para quem está com dengue: o que priorizar se estiver doente

Causada por um arbovírus transmitido pela picada do mosquito Aedes aegypti, a dengue é uma doença infecciosa que precisa ser tratada com seriedade. Ela causa...

> Leia mais
Como ocorre o processo de absorção dos nutrientes? Aprenda a aumentá-lo

Como ocorre o processo de absorção dos nutrientes? Aprenda a aumentá-lo Como ocorre o processo de absorção dos nutrientes? Aprenda a aumentá-lo

Entender como o nosso corpo absorve os nutrientes é um passo importante para quem quer montar uma dieta mais eficiente. Afinal, algumas substâncias podem...

> Leia mais
Para que serve a canela de velho? 5 benefícios dessa planta incomum

Para que serve a canela de velho? 5 benefícios dessa planta incomum Para que serve a canela de velho? 5 benefícios dessa planta incomum

Popularmente conhecida por auxiliar em tratamentos contra artrose, artrite e dores nas articulações, a canela de velho (Miconia albicans) é uma planta cheia...

> Leia mais
O que não pode comer no jejum? Descubra o que evitar para não passar mal

O que não pode comer no jejum? Descubra o que evitar para não passar mal O que não pode comer no jejum? Descubra o que evitar para não passar mal

Ficar muitas horas sem comer - como na prática do jejum intermitente - e depois ingerir uma refeição de estômago vazio, pode ser algo extremamente...

> Leia mais
5 alimentos com glutamato monossódico para deixar de consumir

5 alimentos com glutamato monossódico para deixar de consumir 5 alimentos com glutamato monossódico para deixar de consumir

Identificado como realçador de sabor, MSG ou umami, o glutamato monossódico é um aditivo químico presente em diversos alimentos industrializados que pode...

> Leia mais
Como o corpo desenvolve intolerância alimentar? Descubra se é possível evitá-la

Como o corpo desenvolve intolerância alimentar? Descubra se é possível evitá-la Como o corpo desenvolve intolerância alimentar? Descubra se é possível evitá-la

Você já deve ter ouvido falar na intolerância à lactose (açúcar presente nos leites e derivados) - problema que pode acometer pessoas em diferentes fases da...

> Leia mais
Almoço japonês: conheça os pratos populares na culinária nipônica

Almoço japonês: conheça os pratos populares na culinária nipônica Almoço japonês: conheça os pratos populares na culinária nipônica

Você também gosta de experimentar comidas de culinárias diferentes? A gastronomia japonesa, para quem não conhece, costuma usar muitos legumes, vegetais,...

> Leia mais