Fast-food saudável? Aprenda a substituir alimentos gordurosos por nutritivos

Combinar pão integral com salada é uma ótima forma de preparar um hambúrguer saudável
Combinar pão integral com salada é uma ótima forma de preparar um hambúrguer saudável

Produto recomendado

Farinha integral Taeq

Farinha integral Taeq

Botão do Pão de Açúcar Delivery

Hambúrguer, batata frita, refrigerantes, pizza... São muitas opções irresistíveis de fast-food! Por isso, para a maioria das pessoas seguir uma alimentação saudável não é assim tão fácil se não houver muito foco e determinação - afinal, pelo menos no começo, todos esses lanches parecem muito mais apetitosos que uma salada.

Mas você sabia que é possível fazer algumas substituições que não tornem tão difícil assim dizer adeus a esse tipo de comida? Para te ajudar nessa missão, conversamos com a nutricionista Sheila Basso, que alertou sobre os malefícios do fast-food e deu ótimas dicas para preparar lanches nutritivos em casa.

Não é só questão de estética: fast-food em excesso faz mal para a saúde

Cortar o fast-food é uma das primeiras ações de quem começa uma dieta para perder peso. No entanto, não é só quem deseja perder alguns quilos que precisa se preocupar com esse tipo de alimento: independentemente das medidas do corpo, hambúrguer, batata frita e derivados devem ser consumidos com muita cautela por fazerem mal para a saúde. "Dentre os diversos malefícios que consumo excessivo desse tipo de alimentação traz, podemos listar hipertensão, diabetes, obesidade e colesterol alto", esclarece a nutricionista Sheila Basso.

Mas, apesar desse alerta já ser muito conhecido, a profissional aponta que muitas pessoas preferem continuar apostando no fast-food por conta da praticidade e do sabor que só esse tipo de comida tem. Por isso, para ficar mais fácil se despedir do lanche - ou, pelo menos, diminuir o consumo -, ela dá a dica de fazer substituições que vão deixar a refeição gostosa e nutritiva ao mesmo tempo.

Atenção redobrada com as crianças! Dica é fazer substituições que tornem a comida mais atraente

Se para um adulto já é difícil trocar o combo de hambúrguer com batata frita por uma salada, imagina para uma criança que já estava acostumada com esse tipo de lanche? Por isso, a dica de Sheila Basso é apostar em alimentos nutritivos que lembrem o fast-food que elas tanto gostam para que fique mais fácil fazer com que se alimentem bem e fiquem longe dos riscos que vêm junto com as refeições gordurosas e altamente calóricas. "Já pensou em oferecer para as crianças água com gás misturada às frutas no lugar do refrigerante? Ou batatas assadas crocantes ao invés de batata frita? Outra dica importante é também oferecer alimentos saudáveis de maneira divertida, como bolachas caseiras em forma de bichinhos ou espetinhos de frutas, por exemplo", recomenda.

De acordo com a nutricionista, é importante não fazer proibições - mas sim tentar alternativas mais saudáveis. "A pipoca, por exemplo, ao invés daquela preparada no micro-ondas, com todos os conservantes, pode ser a pipoca feita na panela, com pouco sal e óleo", diz.

Preparar o lanche em casa é a melhor maneira de fugir das opções pouco saudáveis

Assim como as crianças, adultos também devem apostar em substituições saudáveis e saborosas para ficarem bem longe do fast-food - e, para isso, o ideal é preparar os lanches na própria casa. A pizza, por exemplo, pode ser feita com farinha integral e ingredientes menos calóricos para que fique mais leve.

Já com o hambúrguer, uma das maiores tentações para quem quer seguir uma rotina saudável, Sheila Basso dá a receita ideal para que o lanche fique nutritivo e tão delicioso quanto um fast-food: "Escolha uma carne magra - como o patinho ou maminha, no caso da bovina. Para facilitar, compre a carne já moída. Pegue tempero, cebola, ovo e farinha de aveia. Misture-os com a carne e você já terá o hambúrguer pronto para ir ao fogo. Para fechar, acrescente salada, pão de hambúrguer integral, molho sem adição de açúcar e batatas rústicas assadas ou feitas em fritadeira elétrica", finaliza.

Viu como alimentação regrada não precisa ser sinônimo de sofrimento? Dessa forma, você consegue comer bem sem precisar dizer adeus a um lanche que gosta.

* Sheila Basso (CRN 21.557) é especialista em nutrição clínica e em obesidade, emagrecimento e saúde pela Universidade Federal de São Paulo (Unifesp)

Receitas:
Carne bovina
Ver Mais

Últimas Matérias

5 apps para se exercitar que vão te ajudar a ter uma rotina mais saudável

5 apps para se exercitar que vão te ajudar a ter uma rotina mais saudável 5 apps para se exercitar que vão te ajudar a ter uma rotina mais saudável

Para ter uma rotina saudável não basta comer bem: é preciso se movimentar. A boa notícia é que, para isso, não é necessário frequentar uma academia, já que é...

> Leia mais
Como se alimentar no pós-parto? Nutricionista indica o que evitar nesse período

Como se alimentar no pós-parto? Nutricionista indica o que evitar nesse período Como se alimentar no pós-parto? Nutricionista indica o que evitar nesse período

Durante o período da maternidade é necessário ter alguns cuidados com a alimentação - tanto na gestação quanto no pós-parto/ amamentação. Existem alguns...

> Leia mais
Comer amendoim faz mal? Entenda por que é preciso consumi-lo com parcimônia

Comer amendoim faz mal? Entenda por que é preciso consumi-lo com parcimônia Comer amendoim faz mal? Entenda por que é preciso consumi-lo com parcimônia

O amendoim vem sendo incorporado cada vez mais no cardápio dos brasileiros, seja na sua forma torrada, cozida ou em pasta. Embora ele proporcione uma série...

> Leia mais
As curiosidades sobre a comida brasileira que valem a pena conhecer

As curiosidades sobre a comida brasileira que valem a pena conhecer As curiosidades sobre a comida brasileira que valem a pena conhecer

Quando falamos em culinária brasileira logo surgem na mente várias comidinhas típicas: pão de queijo, feijoada, brigadeiro, açaí e por aí vai... alimentos...

> Leia mais
Fast-food vegano: as comidas que adeptos dessa dieta podem consumir

Fast-food vegano: as comidas que adeptos dessa dieta podem consumir Fast-food vegano: as comidas que adeptos dessa dieta podem consumir

Quem conhece bem o estilo de vida vegano sabe que a alimentação desse grupo é bem restritiva - afinal, o veganismo consiste em um consumo consciente e...

> Leia mais
Como conservar frutas e legumes na geladeira? As dicas para eles não estragarem

Como conservar frutas e legumes na geladeira? As dicas para eles não estragarem Como conservar frutas e legumes na geladeira? As dicas para eles não estragarem

Quem não adora abrir a geladeira e encontrá-la toda colorida recheada de frutas e legumes? Essenciais no nosso dia a dia para repor nutrientes e proporcionar...

> Leia mais
Os alimentos azulados que você pode consumir sem medo

Os alimentos azulados que você pode consumir sem medo Os alimentos azulados que você pode consumir sem medo

Quando pensamos nos grupos alimentares (frutas, legumes, verduras, carboidratos, carnes e por aí vai) logo surgem na mente comidas de diversas cores -...

> Leia mais
6 formas de incluir o tomate seco na sua alimentação diária

6 formas de incluir o tomate seco na sua alimentação diária 6 formas de incluir o tomate seco na sua alimentação diária

Muito usado pela alta gastronomia, o tomate seco é um ingrediente sofisticado que rende diferentes pratos e receitas. Além disso, por ter passado por um...

> Leia mais
Adrenalina a mil! Conheça aventuras que você pode viver no Brasil

Adrenalina a mil! Conheça aventuras que você pode viver no Brasil Adrenalina a mil! Conheça aventuras que você pode viver no Brasil

Se você gosta de se aventurar por lugares com trilhas, praias, cachoeiras e muita natureza, saiba que existem vários cantinhos aqui no Brasil (muito...

> Leia mais
5 dicas que toda nutricionista quer que você saiba

5 dicas que toda nutricionista quer que você saiba 5 dicas que toda nutricionista quer que você saiba

Manter um estilo de vida saudável demanda alguns cuidados. Afinal, não se trata apenas de prestar atenção na alimentação, mas também de zelar pelo corpo,...

> Leia mais