Exercício de prancha: como fazer e por que fortalecer a área abdominal

Para fazer exercício de prancha simples, deite-se de barriga para baixo e apoie os antebraços e a ponta dos pés no chão, mantendo o corpo esticado
Para fazer exercício de prancha simples, deite-se de barriga para baixo e apoie os antebraços e a ponta dos pés no chão, mantendo o corpo esticado

Muito indicada para fortalecer a região do tronco e da lombar, a prancha abdominal é um exercício de resistência que ajuda a melhorar a postura, o equilíbrio e a prevenir lesões nos músculos a longo prazo. A melhor parte é que ela pode ser praticada em qualquer lugar (de preferência, com um tapetinho), por pessoas iniciantes ou experientes. Para que você aprenda mais sobre esse exercício, nós preparamos uma matéria ensinando como fazer prancha de forma correta. Confira!

Como fazer prancha? Exercício pode ser feito em diferentes posições

A primeira coisa que você precisa saber é que existem diferentes versões de exercício de prancha. A mais comum é a frontal com cotovelos apoiados, na qual os antebraços e as pontas dos pés ficam apoiados no chão. A nossa sugestão é aprender diferentes posições de prancha para ir variando no dia a dia de exercício. Dá uma olhada em algumas sugestões:

Prancha frontal simples

Fazer a posição de prancha mais comum (frontal simples) é mais fácil do que parece: deite-se de barriga para baixo (em um tapete de exercício, de preferência), apoie os antebraços no chão, erga o tronco e mantenha o equilíbrio com as pontas dos pés. A ideia é deixar o tronco e as pernas alinhadas, mantendo o peso do corpo nos antebraços e nos pés. Deixe o abdômen bem contraído e tente permanecer nessa posição por pelo menos 30 segundos - o ideal é que você vá aumentando o tempo com a prática a longo prazo.

Prancha frontal com os braços esticados

Indicada para alunos mais avançados, a prancha frontal com os braços esticados é ótima para fortalecer a musculatura do abdômen e dos braços. Neste caso, em vez de ficar com os antebraços apoiados no chão, você deve apoiar as palmas das mãos no piso e ficar com os braços bem esticados (semelhante à posição de fazer flexão). Assim, o peso será mantido pelas pontas dos pés e pelos braços.

Caso a ideia seja dificultar ainda mais, deixe as mãos e os pés bem afastados. Mantenha-se nessa posição por pelo menos 30 segundos e, depois, repita o procedimento. A longo prazo, você vai perceber uma boa melhora na resistência do corpo, pode apostar!

Prancha frontal com um braço e uma perna esticados

Quando o objetivo é melhorar o equilíbrio do corpo, uma ótima dica é apostar na prancha frontal com um braço e uma perna esticados. Neste caso, faça a posição de prancha frontal simples (com os antebraços e as pontas dos pés apoiados) e, depois, estique o braço direito e levante a perna esquerda - de modo que o braço esquerdo e a perna direita ainda se mantenham no chão. Fique atento para deixar o quadril e os ombros alinhados e fique nessa posição por alguns segundos. Depois, inverta a posição dos braços e das pernas e prontinho!

Prancha escalada

Para fazer esse exercício, coloque-se na posição de prancha frontal com os braços esticados. Depois, movimente um dos joelhos em direção ao abdômen, retorne e, em seguida, faça o mesmo com o outro. Repita esse procedimento algumas vezes, atentando para manter os ombros e o quadril sempre alinhados. Assim, além de fortalecer a região abdominal, você também trabalha a musculatura das pernas.

Prancha lateral simples

Em vez de fazer um exercício de prancha frontal, você também pode apoiar a lateral do corpo para fortalecer outros músculos e trabalhar melhor a resistência física. A prancha lateral simples, em especial, é bem fácil de fazer: deite-se de lado, apoie um dos antebraços no chão e levante o corpo com as pernas esticadas (de modo que os pés fiquem alinhados um em cima do outro). A ideia é manter o peso do corpo em apenas um antebraço e na lateral dos pés. Mantenha-se nessa posição por pelo menos 30 segundos e, depois, faça o mesmo do outro lado. Bem simples, né?

Prancha lateral com os joelhos apoiados

Caso o objetivo seja fazer um exercício mais leve, você pode experimentar a prancha lateral com os joelhos apoiados. Neste caso, em vez de esticar as pernas (para que parte do peso seja mantido pelos pés), você deve apoiar a lateral do joelho no chão. Mantenha-se nessa posição por alguns segundos e, depois, inverta o lado. Essa posição de prancha é mais indicada para quem é iniciante, pois não exige muito da musculatura.

Últimas
Receitas
Ver Mais

Últimas Matérias

Dieta sem carboidratos funciona? Veja a opinião de uma especialista

Dieta sem carboidratos funciona? Veja a opinião de uma especialista Dieta sem carboidratos funciona? Veja a opinião de uma especialista

Já ouviu falar da dieta cetogênica? Em outras palavras, as pessoas que seguem esse cardápio diferenciado se adequam a uma dieta sem carboidrato. É uma...

> Leia mais
Café da manhã saudável e rápido: 4 ideias para não pular essa refeição

Café da manhã saudável e rápido: 4 ideias para não pular essa refeição Café da manhã saudável e rápido: 4 ideias para não pular essa refeição

Conciliar um café da manhã saudável com uma rotina mais corrida não precisa ser um problema. Você sabia que existem opções nutritivas bem rápidas de...

> Leia mais
Pimentão verde: truques para evitar indisgestão ao consumir o alimento

Pimentão verde: truques para evitar indisgestão ao consumir o alimento Pimentão verde: truques para evitar indisgestão ao consumir o alimento

Muito usado no preparo de saladas, refogados, molhos (como o vinagrete), risotos e moquecas, o pimentão verde é um tipo de vegetal bem nutritivo e saboroso,...

> Leia mais
Pão ou tapioca? Qual é o melhor para a saúde?

Pão ou tapioca? Qual é o melhor para a saúde? Pão ou tapioca? Qual é o melhor para a saúde?

Para reduzir o consumo de carboidratos, muita gente prefere evitar pães (e outras massas) e dar preferência a receitas com tapioca nos lanches. Mas será que...

> Leia mais
Leite de castanha do pará: como fazer e quais são seus benefícios

Leite de castanha do pará: como fazer e quais são seus benefícios Leite de castanha do pará: como fazer e quais são seus benefícios

Que tal fazer leite de castanha do Pará para aproveitar os benefícios da oleaginosa? É sempre bom ter opções diferentes de receitas para incluir na rotina...

> Leia mais
Ervilha congelada: 3 receitas simples para o dia a dia

Ervilha congelada: 3 receitas simples para o dia a dia Ervilha congelada: 3 receitas simples para o dia a dia

Quantas receitas com ervilha você conhece? E com ervilha congelada? Apesar da enorme praticidade que o legume apresenta, nem todos sabem como usá-lo no dia a...

> Leia mais
Tipos de tomate: conheça as diferenças entre eles

Tipos de tomate: conheça as diferenças entre eles Tipos de tomate: conheça as diferenças entre eles

Você sabe quais e quantos são os tipos de tomate? A famosa fruta compõe as mais variadas receitas de saladas e é um dos orgânicos queridinhos para...

> Leia mais
Geleia de pimenta combina com o que? 4 dicas de acompanhamentos

Geleia de pimenta combina com o que? 4 dicas de acompanhamentos Geleia de pimenta combina com o que? 4 dicas de acompanhamentos

De sabor adocicado levemente picante, a geleia de pimenta é um ótimo acompanhamento para lanches com queijos, pães e carnes, pois concede um toque mais...

> Leia mais
Chá verde: para que serve?

Chá verde: para que serve? Chá verde: para que serve?

Muito indicado para fazer um detox no organismo, o chá verde é uma bebida rica em propriedades medicinais, vitaminas e outros nutrientes importantes para o...

> Leia mais
6 exercícios de academia para fazer em casa

6 exercícios de academia para fazer em casa 6 exercícios de academia para fazer em casa

Não é todo mundo que gosta de frequentar academia regularmente, mas fazer musculação, exercícios aeróbicos, de força e resistência é fundamental para se...

> Leia mais