Excesso de minerais é perigoso para o organismo! Saiba com quais tomar cuidado

O excesso de sódio pode ocasionar em aumento da pressão arterial, doenças cardiovasculares, pedras nos rins e até comprometer a absorção de cálcio pelo organismo
O excesso de sódio pode ocasionar em aumento da pressão arterial, doenças cardiovasculares, pedras nos rins e até comprometer a absorção de cálcio pelo organismo

Para manter o corpo saudável e em equilíbrio é essencial consumir os alimentos de forma regrada - ou seja, sem exagerar em nada (inclusive nas frutas e verduras). O que muita gente não sabe é que alguns minerais, quando consumidos em excesso, acabam prejudicando o funcionamento do organismo. Com isso, ocasionam doenças, fraqueza nos músculos e, em alguns casos, surtem um efeito tóxico no corpo. Para que você não erre a mão no consumo dos minerais, nós listamos aqueles que devem ser consumidos com parcimônia. Dá uma conferida!

Sódio em excesso causa pressão alta e estimula a perda de cálcio

O sódio é um dos principais minerais que precisa ser consumido de forma moderada, sabia? Isso porque, quando em excesso no sangue, ele tende a aumentar a pressão arterial, podendo ocasionar hipertensão e, consequentemente, doenças cardiovasculares mais graves. Além disso, se consumido de forma exagerada a longo prazo, o sódio pode ocasionar pedras nos rins e interferir no equilíbrio do organismo - ele é capaz de reduzir, por exemplo, a absorção do cálcio pelo organismo (mineral fundamental para a saúde dos ossos).

Tendo isso em mente, uma boa dica é tentar reduzir no dia a dia o uso de sal no preparo de comidas. O ideal é substituir o ingrediente por outros temperos naturais e saudáveis, como pimentas e hortaliças. Essa é uma ótima sugestão para quem procura um estilo de vida mais saudável!

Excesso de cálcio pode enfraquecer os ossos

Engana-se quem pensa que o cálcio pode ser consumido de forma ilimitada. Apesar de o mineral ser importante para o fortalecimento dos ossos e músculos - e ser indispensável na alimentação diária -, ele também não pode ser consumido em excesso.

A hipercalcemia, que consiste na concentração elevada de cálcio no sangue, pode ocasionar problemas em todo o organismo: enfraquecimento dos ossos e músculos, dores, contrações musculares e até mesmo náuseas e irritabilidade. Por isso, é muito importante tomar cuidado para não exagerar no consumo de alimentos ricos em cálcio (tais como leite e derivados).

Quando consumido em excesso, o ferro pode causar fraqueza e cansaço

O ferro é outro mineral que não pode ficar de fora da dieta! Afinal, ele é o responsável pelo transporte de oxigênio no sangue, previne a anemia e auxilia na produção de elastina e colágeno (sendo importante para a saúde da pele). Mas, apesar de ser essencial para o funcionamento do organismo, ele também não pode ser consumido em excesso.

O que muita gente não sabe é que, quando consumido de forma exagerada, o ferro pode ser intoxicante, causar cansaço, fraqueza, queda de cabelo e até mesmo ocasionar alterações no ciclo menstrual. O excesso de ferro ocorre, geralmente, quando a pessoa consome suplementos sem o devido acompanhamento médico. Por isso, é fundamental buscar a ajuda de um profissional adequado e realizar dietas equilibradas.

Excesso de fósforo pode ocasionar problemas no músculo e na circulação sanguínea

Você já ouviu falar na hiperfosfatemia? Esse problema consiste na concentração elevada de fósforo no sangue, o que ocasiona problemas como má circulação sanguínea, enfraquecimento muscular, cansaço, dormência e formigamento nos músculos. Assim como o cálcio, o fósforo é um mineral importante para a saúde dos ossos, músculos e dentes. Por isso, ele também deve ser consumido no dia a dia, mas sempre de forma moderada.

Manganês em excesso surte efeito tóxico no organismo

Na lista dos minerais que devem ser consumidos com moderação, o manganês é um dos que mais se destacam. Apesar de ele ser importante para o funcionamento do cérebro e do metabolismo, ele acaba tornando-se tóxico quando consumido em grandes quantidades. Caso fique em excesso no organismo, o mineral acaba intoxicando o fígado e comprometendo o funcionamento do sistema nervoso. Por isso, é fundamental consumir manganês com cautela, sempre de forma regrada e sem exageros. No fim, a palavra-chave para nunca ter problemas alimentícios é sempre a mesma: equilíbrio.

Últimas
Receitas
Ver Mais

Últimas Matérias

Vitaminas K1, K2 e K3: as diferenças e semelhanças entre elas

Vitaminas K1, K2 e K3: as diferenças e semelhanças entre elas Vitaminas K1, K2 e K3: as diferenças e semelhanças entre elas

Ter uma alimentação rica em vitaminas é fundamental para fortalecer a imunidade e garantir o bom funcionamento do organismo como um todo. O complexo K, em...

> Leia mais
Suco de graviola: 6 receitas refrescantes e nutritivas com a fruta

Suco de graviola: 6 receitas refrescantes e nutritivas com a fruta Suco de graviola: 6 receitas refrescantes e nutritivas com a fruta

Preparar sucos naturais é uma ótima alternativa para refrescar nos dias mais quentes e manter o corpo hidratado. E, para variar no cardápio de bebidas, que...

> Leia mais
Como comemorar o Dia dos Pais de forma criativa sem sair de casa

Como comemorar o Dia dos Pais de forma criativa sem sair de casa Como comemorar o Dia dos Pais de forma criativa sem sair de casa

Tem coisa melhor que passar o Dia dos Pais junto com a família contando histórias, comendo, fazendo jogos e brincadeiras? A melhor parte é que nem é preciso...

> Leia mais
Os nutrientes do eryngui e como preparar esse cogumelo

Os nutrientes do eryngui e como preparar esse cogumelo Os nutrientes do eryngui e como preparar esse cogumelo

Usar cogumelos para incrementar receitas veganas ou vegetarianas é sempre uma boa opção. Afinal, eles acrescentam muito em termos nutricionais e agregam mais...

> Leia mais
Mozarela de búfala tem lactose? Saiba tudo sobre esse queijo

Mozarela de búfala tem lactose? Saiba tudo sobre esse queijo Mozarela de búfala tem lactose? Saiba tudo sobre esse queijo

Você sabia que a mozarela de búfala é um dos tipos de queijos brancos mais consumidos do mundo? Conhecida pela sua textura cremosa e suculenta, ela tem como...

> Leia mais
Macarrão sem farinha de trigo: 4 opções ótimas para celíacos

Macarrão sem farinha de trigo: 4 opções ótimas para celíacos Macarrão sem farinha de trigo: 4 opções ótimas para celíacos

Você sabia que é possível preparar receitas de macarrão sem necessariamente usar farinha de trigo? Quem é celíaco, por exemplo, deve passar longe de pratos...

> Leia mais
6 lanches veganos supernutritivos para comer a qualquer hora

6 lanches veganos supernutritivos para comer a qualquer hora 6 lanches veganos supernutritivos para comer a qualquer hora

Às vezes pode parecer difícil seguir uma dieta vegana e ter tempo para preparar lanches sem ingredientes de origem animal durante a correria do dia a dia....

> Leia mais
O que é sagu? Conheça a fécula muito usada no preparo de sobremesas gaúchas

O que é sagu? Conheça a fécula muito usada no preparo de sobremesas gaúchas O que é sagu? Conheça a fécula muito usada no preparo de sobremesas gaúchas

Se você gosta de experimentar comidas típicas de diferentes regiões do Brasil, é bem provável que já conheça o sagu - uma sobremesa feita com vinho tinto...

> Leia mais
Pimenta-rosa: 5 benefícios dessa planta brasileira na sua alimentação

Pimenta-rosa: 5 benefícios dessa planta brasileira na sua alimentação Pimenta-rosa: 5 benefícios dessa planta brasileira na sua alimentação

Fruto da aroeira-vermelha, a pimenta-rosa é uma planta brasileira de ardência leve, sabor adocicado e aparência delicada. Mas além de características e...

> Leia mais
4 receitas com coco ralado fresco que são supernutritivas

4 receitas com coco ralado fresco que são supernutritivas 4 receitas com coco ralado fresco que são supernutritivas

Considerado um superalimento, o coco é uma fruta das frutas mais nutritivas que existe. Ele é rico em minerais importantes como cálcio, magnésio, cobre,...

> Leia mais