Endometriose: entenda como a alimentação pode aliviar seus sintomas

Para amenizar os sintomas da endometriose (ou até mesmo prevenir a doença), uma boa dica é consumir mais alimentos ricos em ômega 3, como o brócolis, couve, espinafre e principalmente peixes
Para amenizar os sintomas da endometriose (ou até mesmo prevenir a doença), uma boa dica é consumir mais alimentos ricos em ômega 3, como o brócolis, couve, espinafre e principalmente peixes

Você sabia que março é considerado o Mês Mundial da Conscientização da Endometriose? Essa doença se desenvolve quando o endométrio (tecido que reveste o útero) aparece em outros lugares do corpo, como nos ovários, trompas e até mesmo em órgãos - o que faz com que surja sangue em locais inapropriados. O problema é que ela pode se desenvolver para quadros mais graves, podendo ocasionar, por exemplo, a infertilidade.

O bom é que existem alimentos e nutrientes que ajudam a evitar a endometriose e aliviar seus sintomas. Aproveitando que estamos no mês de conscientização da doença, resolvemos fazer uma lista de quais são os que podem ajudar - dá uma conferida!

Alimente-se com peixes, oleaginosas e alimentos fontes de ômega 3

Uma boa dica para tratar a endometriose é incluir no cardápio alimentos ricos em ômega 3 - tais como peixes (salmão, atum e sardinha), oleaginosas (castanhas, nozes, amêndoas, avelãs etc.) e até folhas verde-escuras, como couve, brócolis e espinafre. Isto porque essa substância atua como anti-inflamatório, amenizando os focos de endometriose no organismo.

Fibras ajudam a diminuir a concentração de estrogênio

Consumir alimentos ricos em fibra também é uma solução para quem está tratando endometriose. Isto porque esse nutriente ajuda a diminuir o nível de estrogênio no organismo - hormônio que "alimenta" a endometriose e pode fazer com que os focos aumentem. Para combater isso, o ideal é que você inclua leguminosas - como feijão, lentilha, grão-de-bico -, grãos integrais (arroz e centeio, por exemplo), nozes, semente, cereais e alguns tipos de frutas, como o abacate e a goiaba.

Outra vantagem dos alimentos fontes de fibra é que eles ajudam a regular o intestino, auxiliando na digestão e, inclusive, prolongando a sensação de saciedade. Para quem sofre com endometriose, é sempre importante manter os órgãos e outras partes do corpo em bom funcionamento.

Vitaminas do complexo B e C também são importantes

Para manter o bom funcionamento das glândulas endócrinas (responsáveis pela produção dos hormônios) e fortalecer o organismo, é fundamental manter uma dieta rica em vitaminas do complexo B e C. Por auxiliarem no controle sobre o funcionamento hormonal, as vitaminas B conseguem conter o estrogênio no organismo - o que ameniza os sintomas da endometriose.

Além disso, a vitamina C é rica em antioxidantes - que combatem a atuação dos radicais livres - e, quando associada a outras substâncias, também ganha propriedades anti-inflamatórias. Por isso, para o combate da endometriose, o ideal é adicionar à dieta frutas cítricas (como a tangerina, limão, abacaxi e laranja), ovos, carnes, leites e outros alimentos ricos nessas vitaminas.

Evite café, frituras, carnes vermelhas e alimentos processados

Além de se alimentar com os alimentos recomendados acima, também é necessário fazer uma reeducação alimentar, cortando (ou ao menos diminuindo) o consumo de alimentos que agravam o quadro de endometriose.

Entre esses alimentos, estão os mais gordurosos - como chocolates, frituras e até mesmo carnes vermelhas e alimentos processados. Isso porque eles podem causar um desequilíbrio no organismo e impulsionar processos inflamatórios. Além disso, existem estudos que relacionam o consumo excessivo de carnes vermelhas e alimentos processados ao surgimento da endometriose.

Outra dica importante é evitar alimentos que tenham fitoestrógenos na composição, como a soja. Isto porque essa substância é quimicamente semelhante ao estrogênio, de modo que pode ser prejudicial ao corpo neste período.

Receitas:
Feijão
Ver Mais

Últimas Matérias

Chutney: o que é e como preparar esse condimento indiano

Chutney: o que é e como preparar esse condimento indiano Chutney: o que é e como preparar esse condimento indiano

Quem gosta de experimentar diferentes culinárias com certeza vai gostar do chutney. De origem indiana, esse molho pode ser feito a base de diferentes...

> Leia mais
Já provou de novo algo que não gosta? Saiba como a mente pode estar te sabotando

Já provou de novo algo que não gosta? Saiba como a mente pode estar te sabotando Já provou de novo algo que não gosta? Saiba como a mente pode estar te sabotando

É muito comum encontrar crianças que não gostam de comer determinado alimento, seja pela cor, sabor ou mesmo por acharem eles nada atraentes. Mas aí a pessoa...

> Leia mais
Os alimentos que 'roubam' o cálcio dos ossos e como consumi-los com inteligência

Os alimentos que 'roubam' o cálcio dos ossos e como consumi-los com inteligência Os alimentos que 'roubam' o cálcio dos ossos e como consumi-los com inteligência

Você sabia que alguns alimentos dificultam a absorção do cálcio pelo nosso organismo? Muitos, inclusive, são conhecidos por "roubarem" o mineral dos ossos,...

> Leia mais
Já ouviu falar em zoodles? Conheça essa tendência vegana preparada com abobrinha

Já ouviu falar em zoodles? Conheça essa tendência vegana preparada com abobrinha Já ouviu falar em zoodles? Conheça essa tendência vegana preparada com abobrinha

O nome pode não soar familiar, mas os zoodles nada mais são do que uma excelente alternativa para um dos pratos mais comuns do nosso dia a dia: o macarrão!...

> Leia mais
Receitas com spirulina: como usar esse superalimento na dieta de forma variada

Receitas com spirulina: como usar esse superalimento na dieta de forma variada Receitas com spirulina: como usar esse superalimento na dieta de forma variada

Você já ouviu falar na spirulina (ou espirulina)? Ela é considerada um superalimento e pode ser usada de diversas formas na dieta do dia a dia. O grande...

> Leia mais
Os benefícios cherovia, raiz versátil que deixa as refeições mais nutritivas

Os benefícios cherovia, raiz versátil que deixa as refeições mais nutritivas Os benefícios cherovia, raiz versátil que deixa as refeições mais nutritivas

Você já ouviu falar na cherovia (ou pastinaca)? Parecida com a cenoura, ela também é pertencente à família das raízes e traz vários benefícios para a saúde....

> Leia mais
Nabo e rabanete são a mesma coisa? Descubra suas propriedades e diferenças

Nabo e rabanete são a mesma coisa? Descubra suas propriedades e diferenças Nabo e rabanete são a mesma coisa? Descubra suas propriedades e diferenças

Muita gente costuma confundir o nabo com o rabanete, pois os dois têm um aspecto bem semelhante - são arredondados e têm uma coloração roxa. Além disso,...

> Leia mais
Grupos alimentares e suas funções: conheça as 8 categorias dessa pirâmide

Grupos alimentares e suas funções: conheça as 8 categorias dessa pirâmide Grupos alimentares e suas funções: conheça as 8 categorias dessa pirâmide

Quem gosta de conhecer bem os alimentos que consome, de manter dietas e um estilo de vida saudável já deve ter ouvido falar nos grupos alimentares. Eles são...

> Leia mais
Aceitamos o desafio de fazer meditação guiada por 10 dias! Descubra como foi

Aceitamos o desafio de fazer meditação guiada por 10 dias! Descubra como foi Aceitamos o desafio de fazer meditação guiada por 10 dias! Descubra como foi

Já quis fazer meditação e não sabe por onde começar? A meditação guiada pode ser uma boa opção! Afinal, você pode praticá-la em casa, ouvindo apenas a voz da...

> Leia mais
O que é ruibarbo? Conheça os benefícios dessa hortaliça fitoterápica

O que é ruibarbo? Conheça os benefícios dessa hortaliça fitoterápica O que é ruibarbo? Conheça os benefícios dessa hortaliça fitoterápica

Apesar de não ser muito conhecido ou usado no Brasil, o ruibarbo é uma planta medicinal extremamente benéfica e terapêutica. De origem asiática, ele é muito...

> Leia mais