Diabéticos podem comer doce? Descubra boas opções para a alimentação sem açúcar

Diabéticos podem ou não comer doce? Descubra como manter o equilibrío de açúcar na dieta sem abrir muita mão de um docinho na alimentação!
Diabéticos podem ou não comer doce? Descubra como manter o equilibrío de açúcar na dieta sem abrir muita mão de um docinho na alimentação!
Caroline Miranda

Consultor:

Caroline Miranda

Formada em Nutrição pela UNIRIO, possui pós-graduação em Clínica Funcional, em Fitoterapia Funcional e é coach de Emagrecimento e Qualidade de Vida

Pessoas diabéticas podem comer doce? A boa notícia é que esse velho dilema da vida de quem precisa controlar diariamente as taxas de açúcar no sangue, não precisa ser tão radical assim. Cada vez mais, com o maior conhecimento científico sobre a doença e às adaptações da gastronomia saudável, é possível manter, com os devidos cuidados, uma dieta alimentar sem eliminar as deliciosas receitas doces no dia a dia!

De acordo com a Sociedade Brasileira de Diabetes, cerca de 13 milhões de brasileiros são portadores da doença, 69% da população. E, dentre as principais causas do problema, são justamente os níveis elevados de glicose na corrente sanguínea que dificultam o trabalho do organismo em produzir a insulina necessária para absorver a glicose ingerida e transportá-la para as células do corpo. Por isso, a restrição do açúcar é tão importante, devendo ser consumido moderadamente, como explica a nutricionista Caroline Miranda:

"Ao receber o diagnóstico de diabetes, uma das primeiras orientações em relação à alimentação é cortar os doces, o que gera tristeza e escolhas equivocadas de produtos para substituí-los. É fundamental que a partir do diagnóstico, as pessoas deem atenção especial a composição das suas refeições, pois o descontrole do nível de açúcar no sangue ao longo do tempo pode gerar complicações ainda mais graves nos olhos, rins, nervos, coração e casos sanguíneos. Além de episódios de hipoglicemia e hiperglicemia em curto prazo", explica a profissional, ressaltando outros cuidados dos diabéticos com o açúcar refinado:

"Além da preocupação da quantidade de carboidratos presente nos alimentos, é importante associar a qualidade também. Desta forma é possível incluir doces na dieta para diabéticos desde que respeitem determinados itens como: ausência de açúcar refinado sendo este substituído pelo adoçante dietético Stévia. É importante associar fontes de fibras na preparação como: biomassa de banana verde, farinha de linhaça, farinha de maracujá, aveia e outras. Desta forma, a adesão a uma alimentação saudável é facilitada e consequentemente gera controle da doença e melhor qualidade de vida", completa a profissional destacando, abaixo, 5 exemplos de sobremesas para incluir no dia a dia dos diabéticos.

5 opções de doces para a dieta de diabéticos:

1 – Mousse de Cacau

Ingredientes

- 5 colheres de sopa de abacate (que ele esteja maduro - mais cremoso - para misturar bem

com o restante dos ingredientes)

- 5 colheres de chá cheias de cacau em pó

- 4 colheres de chá de estévia em pó

- 1 colher de chá de semente de chia

Modo de preparo: Triture tudo em um mixer. Coloque em tacinhas e deixe na geladeira. Consuma gelada.

2 - Creme de Manga com Coco

Ingredientes

- 2 mangas bem maduras;

- 200 ml de leite de coco;

- 2 colheres de sopa de gel de chia;

- 1 colher de sopa de coco ralado;

- 1 colher de sopa de Stévia

Modo de Preparo: Liquidificar tudo, exceto o coco ralado que deverá ser acrescentado manualmente por último e levar a geladeira.

3 – Bolo de Banana com Canela de Micro-ondas

Ingredientes

- 1 Banana amassada

- 1 Ovo

- 5 colheres de sobremesa de Aveia em Flocos

- Canela a gosto

Modo de Preparo: Misturar todos os ingredientes

4- Bolo de cacau sem farinha

Ingredientes

- 3 colheres (sopa) de azeite de oliva ou óleo de coco

- 5 ovos

- 1 xícara (chá/250g) de biomassa de banana verde

- 1 xícara (chá) adoçante em pó para forno

- 3 colheres (sopa) de cacau em pó

- 4 colheres (sopa) de coco ralado

- 1 colher (sopa) de fermento em pó

Modo de preparo: No liquidificador, bata o azeite e os ovos por 3 minutos e passe na peneira. Volte a bater essa mistura com a biomassa, o adoçante e o cacau. Coloque em uma fôrma de bolo inglês antiaderente e untada e asse em forno preaquecido a 180oC por 30 minutos.

5- Cupcake de coco

Ingredientes

- 1 colher (sopa) de óleo de coco

- 1 ovo

- 2 colheres (sopa) de água

- 4 colheres (sopa) de farinha de coco

- 1 colher (sopa) de coco ralado

- 1/2 colher (café) de fermento em pó

Modo de preparo: Coloque a mistura em caneca e leve por 2 minutos no micro-ondas

Cuidados necessários para o controle da Diabetes

Segundo a nutricionista, alguns cuidados são de suma importância, já que a doença possui duas variações: Diabetes tipo 1 e tipo 2: "Por exemplo, no Diabetes tipo 2, o tratamento pode acontecer apenas com dieta e atividade física, ou com medicações orais e insulina. Já, no Diabetes tipo 1 são utilizadas múltiplas doses de insulina e neste caso a atenção a quantidade de carboidrato associada com a dose de insulina para cada refeição será de extrema importância", explica a profissional.

"A contagem de carboidratos é a chave do tratamento do diabetes e deve ser inserida no contexto de uma alimentação saudável. Esses carboidratos devem vir principalmente das frutas, dos vegetais e de grãos integrais de forma equilibrada. Há restrição do açúcar (presentes em biscoitos, bolos, doces, pão branco e outros). Em geral o consumo de açúcar total (presentes em todos os alimentos) pode chegar até 10% do valor calórico ideal para cada pessoa sendo o consumo recomendado variável de acordo com o controle da glicose. Dessa forma, a monitoração das glicemias ainda é considerada um guia eficaz para identificar as respostas específicas de cada alimento sobre a glicemia de cada pessoa. Procure orientação nutricional em caso de dúvidas", finaliza a Dra. Caroline Miranda.

Mais noticias com...
Receitas:
Ovo
Ver Mais

Últimas Matérias

Centella asiática: para que serve essa planta medicinal indiana

Centella asiática: para que serve essa planta medicinal indiana Centella asiática: para que serve essa planta medicinal indiana

Também chamada de gotu kola, pegaga e antanan, a centella asiática é uma planta medicinal de origem indiana muito usada pela medicina ayurvédica - ótima para...

> Leia mais
Lambedor de abacaxi, beterraba e mais: como fazer receitas desse xarope caseiro

Lambedor de abacaxi, beterraba e mais: como fazer receitas desse xarope caseiro Lambedor de abacaxi, beterraba e mais: como fazer receitas desse xarope caseiro

Você sabia que é possível fazer xaropes caseiros usando frutas, raízes e ervas medicinais de forma simples? A nossa dica é recorrer sempre a ingredientes bem...

> Leia mais
O que causa gordura no fígado e a dieta para tratar o problema

O que causa gordura no fígado e a dieta para tratar o problema O que causa gordura no fígado e a dieta para tratar o problema

Caracterizada pelo acúmulo de gordura no fígado, que pode levar a sintomas de inchaço, dor e fraqueza, a esteatose hepática é geralmente causada por hábitos...

> Leia mais
Os benefícios do açafrão-da-terra, a famosa cúrcuma

Os benefícios do açafrão-da-terra, a famosa cúrcuma Os benefícios do açafrão-da-terra, a famosa cúrcuma

O açafrão-da-terra, também conhecido como cúrcuma, é um tipo de raiz que pertence à mesma família do gengibre - é altamente aromático, tem uma cor amarela...

> Leia mais
Conheça o camapu, a planta amazônica que ajuda a tratar o mal de Alzheimer

Conheça o camapu, a planta amazônica que ajuda a tratar o mal de Alzheimer Conheça o camapu, a planta amazônica que ajuda a tratar o mal de Alzheimer

Encontrado, principalmente, nas regiões do Pará, o camapu é uma planta amazônica que vem sendo muito estudada pelos pesquisadores do Norte do Brasil. Devido...

> Leia mais
Como fazer shawarma, a receita árabe que se popularizou no Brasil

Como fazer shawarma, a receita árabe que se popularizou no Brasil Como fazer shawarma, a receita árabe que se popularizou no Brasil

Conhecido como o famoso sanduíche árabe, a receita de shawarma se popularizou em diversas regiões do Brasil nos últimos anos. Chamado também de gyros, kebab...

> Leia mais
Chá de marcela serve para tratar dores! Conheça os benefícios da bebida

Chá de marcela serve para tratar dores! Conheça os benefícios da bebida Chá de marcela serve para tratar dores! Conheça os benefícios da bebida

Dono de propriedades medicinais que ajudam a tratar dores no corpo, o chá de marcela é o produto de uma planta brasileira muito consumida no Sul do país....

> Leia mais
O que é creatina e quais alimentos possuem a substância

O que é creatina e quais alimentos possuem a substância O que é creatina e quais alimentos possuem a substância

Conhecida como um tipo de suplemento alimentar usado para melhorar a performance em diversas atividades físicas, a creatina costuma fazer parte do mundo dos...

> Leia mais
Como fazer molho branco vegano

Como fazer molho branco vegano Como fazer molho branco vegano

Preparado, normalmente, com leite, creme de leite e manteiga, o molho branco - também conhecido como o famoso molho bechamel - é uma das principais opções...

> Leia mais
Dia da Consciência Negra: 6 comidas de origem africana para celebrar a data

Dia da Consciência Negra: 6 comidas de origem africana para celebrar a data Dia da Consciência Negra: 6 comidas de origem africana para celebrar a data

Marcado por muitas memórias e heranças culturais, o Dia da Consciência Negra, celebrado em 20 de novembro no Brasil, relembra a data da morte de Zumbi dos...

> Leia mais