Dia mundial da alimentação: Nós somos aquilo que comemos!

Nós somos aquilo que comemos? Com toda a certeza! Por isso, no dia mundial da alimentação, é mais do que importante ressaltar o poder que bons hábitos alimentares geram a nossa vida. De remédios naturais a padrões estéticos, alguns nutrientes essenciais ao nosso corpo só são conquistados através dos mais diversos ingredientes.
Nós somos aquilo que comemos? Com toda a certeza! Por isso, no dia mundial da alimentação, é mais do que importante ressaltar o poder que bons hábitos alimentares geram a nossa vida. De remédios naturais a padrões estéticos, alguns nutrientes essenciais ao nosso corpo só são conquistados através dos mais diversos ingredientes.

16 de outubro é o "Dia Mundial da Alimentação"! A data, mais do que nunca, serve para conscientização sobre a importância de seguirmos os mandamentos de uma alimentação saudável e funcional, afinal, como o ditado diz: "Nós somos aquilo que comemos!".

Os alimentos orgânicos são considerados remédios naturais que curam ou previnem as mais diversas doenças e regula o bom trabalho do nosso organismo. Tudo aquilo que ingerimos refletem diretamente em nossa vida. Se tivermos bons hábitos alimentares, nosso corpo responderá com mais saúde, energia e força. Segundo a nutricionista dos Vigilantes do Peso, Renata Migueis, por essas e outras razões, temos que escolher elementos que contenham os chamados nutrientes fundamentais, aqueles que nosso corpo não produz sozinho, mas são indispensáveis para viver, como as vitaminas, minerais, carboidratos e alguns aminoácidos. Ela enumera esses nutrientes e explica qual a função de cada um deles no nosso organismo:

1 - Aminoácidos: Representam a menor unidade elementar de uma proteína. Existem os chamados essenciais e não essenciais. "Os essenciais são chamados assim pois só são obtidos por meio da alimentação, já os não essenciais, podem ser produzidos pelo próprio organismo", explica a nutricionista. Eles devem ser diversificados, de origem vegetal e animal, e atuam na formação de músculos e ossos.

2 - Carboidratos: São a nossa principal fonte de energia. "Existem diferentes tipos de carboidratos, mas, de maneira geral, falamos dos simples e dos complexos. Carboidratos simples são aqueles que nosso corpo não precisa trabalhar para digerir e fazem mal à saúde quando consumidos em excesso. Já os complexos possuem fibras em sua composição e carregam com eles uma quantidade significativa de vitaminas e minerais", esclarece Renata Migueis.

3 - Vitaminas e Minerais: Estão presentes em todo o tipo de alimento in natura ou minimamente processado, como frutas, legumes, verduras, grãos integrais, leguminosas e carnes magras. Esses micronutrientes são essenciais para o corpo como um todo, desde a área cerebral, manutenção do ritmo cardíaco, agindo na contração muscular e regulando enzimas e hormônios.


Benefícios de uma boa alimentação


Os benefícios à saúde trazidos por uma alimentação equilibrada são inúmeros: "Melhora da disposição e do humor, controle adequado do peso, intestino regulado, pele, cabelos e unhas firmes e vistosos são alguns dos exemplos que uma boa alimentação pode proporcionar", afirma a nutricionista.


Renata Migueis garante que os efeitos ruins trazidos pelo estresse, como a falta de sono e o mau humor como consequências da rotina agitada, podem certamente ser minimizados com uma boa alimentação. Além da alimentação que inclui todos esses nutrientes, cuidados como ter uma rotina de exercícios e evitar alimentos industrializados são igualmente importantes.


"Uma alimentação inadequada, por si só, já pode causar vários problemas de saúde, porém, quando aliada à maus hábitos como pouca ou nenhuma atividade física, tabagismo, consumo de bebidas alcoólicas e excesso de peso, os prejuízos podem ser ainda maiores. Como exemplos de complicações de saúde ligadas à alimentação desequilibrada, podemos citar: diabetes, doenças cardiovasculares, hipertensão e câncer", finaliza a nutricionista.

Últimas
Receitas
Ver Mais

Últimas Matérias

Qual carne tem mais colágeno? Saiba onde encontrar boas quantidades da proteína

Qual carne tem mais colágeno? Saiba onde encontrar boas quantidades da proteína Qual carne tem mais colágeno? Saiba onde encontrar boas quantidades da proteína

Para manter a saúde da pele e prevenir o envelhecimento precoce, é muito importante manter uma alimentação rica em colágeno. A boa notícia é que existem...

> Leia mais
Alimentação para quem está com dengue: o que priorizar se estiver doente

Alimentação para quem está com dengue: o que priorizar se estiver doente Alimentação para quem está com dengue: o que priorizar se estiver doente

Causada por um arbovírus transmitido pela picada do mosquito Aedes aegypti, a dengue é uma doença infecciosa que precisa ser tratada com seriedade. Ela causa...

> Leia mais
Como ocorre o processo de absorção dos nutrientes? Aprenda a aumentá-lo

Como ocorre o processo de absorção dos nutrientes? Aprenda a aumentá-lo Como ocorre o processo de absorção dos nutrientes? Aprenda a aumentá-lo

Entender como o nosso corpo absorve os nutrientes é um passo importante para quem quer montar uma dieta mais eficiente. Afinal, algumas substâncias podem...

> Leia mais
Para que serve a canela de velho? 5 benefícios dessa planta incomum

Para que serve a canela de velho? 5 benefícios dessa planta incomum Para que serve a canela de velho? 5 benefícios dessa planta incomum

Popularmente conhecida por auxiliar em tratamentos contra artrose, artrite e dores nas articulações, a canela de velho (Miconia albicans) é uma planta cheia...

> Leia mais
O que não pode comer no jejum? Descubra o que evitar para não passar mal

O que não pode comer no jejum? Descubra o que evitar para não passar mal O que não pode comer no jejum? Descubra o que evitar para não passar mal

Ficar muitas horas sem comer - como na prática do jejum intermitente - e depois ingerir uma refeição de estômago vazio, pode ser algo extremamente...

> Leia mais
5 alimentos com glutamato monossódico para deixar de consumir

5 alimentos com glutamato monossódico para deixar de consumir 5 alimentos com glutamato monossódico para deixar de consumir

Identificado como realçador de sabor, MSG ou umami, o glutamato monossódico é um aditivo químico presente em diversos alimentos industrializados que pode...

> Leia mais
Como o corpo desenvolve intolerância alimentar? Descubra se é possível evitá-la

Como o corpo desenvolve intolerância alimentar? Descubra se é possível evitá-la Como o corpo desenvolve intolerância alimentar? Descubra se é possível evitá-la

Você já deve ter ouvido falar na intolerância à lactose (açúcar presente nos leites e derivados) - problema que pode acometer pessoas em diferentes fases da...

> Leia mais
Almoço japonês: conheça os pratos populares na culinária nipônica

Almoço japonês: conheça os pratos populares na culinária nipônica Almoço japonês: conheça os pratos populares na culinária nipônica

Você também gosta de experimentar comidas de culinárias diferentes? A gastronomia japonesa, para quem não conhece, costuma usar muitos legumes, vegetais,...

> Leia mais
Como cozinhar mandioca e deixar o alimento macio

Como cozinhar mandioca e deixar o alimento macio Como cozinhar mandioca e deixar o alimento macio

Presente na nossa alimentação antes mesmo de o Brasil ser descoberto pelos portugueses, a mandioca (também chamada de macaxeira ou aipim) é uma raiz...

> Leia mais
6 aplicativos de meditação que vão te ajudar a acalmar a mente

6 aplicativos de meditação que vão te ajudar a acalmar a mente 6 aplicativos de meditação que vão te ajudar a acalmar a mente

Separar poucos minutos do dia para meditar, relaxar o corpo e a mente pode ser algo muito benéfico, sabia? Cuidar da saúde mental e emocional requer pequenos...

> Leia mais