Dia mundial da alimentação: Nós somos aquilo que comemos!

Nós somos aquilo que comemos? Com toda a certeza! Por isso, no dia mundial da alimentação, é mais do que importante ressaltar o poder que bons hábitos alimentares geram a nossa vida. De remédios naturais a padrões estéticos, alguns nutrientes essenciais ao nosso corpo só são conquistados através dos mais diversos ingredientes.
Nós somos aquilo que comemos? Com toda a certeza! Por isso, no dia mundial da alimentação, é mais do que importante ressaltar o poder que bons hábitos alimentares geram a nossa vida. De remédios naturais a padrões estéticos, alguns nutrientes essenciais ao nosso corpo só são conquistados através dos mais diversos ingredientes.

16 de outubro é o "Dia Mundial da Alimentação"! A data, mais do que nunca, serve para conscientização sobre a importância de seguirmos os mandamentos de uma alimentação saudável e funcional, afinal, como o ditado diz: "Nós somos aquilo que comemos!".

Os alimentos orgânicos são considerados remédios naturais que curam ou previnem as mais diversas doenças e regula o bom trabalho do nosso organismo. Tudo aquilo que ingerimos refletem diretamente em nossa vida. Se tivermos bons hábitos alimentares, nosso corpo responderá com mais saúde, energia e força. Segundo a nutricionista dos Vigilantes do Peso, Renata Migueis, por essas e outras razões, temos que escolher elementos que contenham os chamados nutrientes fundamentais, aqueles que nosso corpo não produz sozinho, mas são indispensáveis para viver, como as vitaminas, minerais, carboidratos e alguns aminoácidos. Ela enumera esses nutrientes e explica qual a função de cada um deles no nosso organismo:

1 - Aminoácidos: Representam a menor unidade elementar de uma proteína. Existem os chamados essenciais e não essenciais. "Os essenciais são chamados assim pois só são obtidos por meio da alimentação, já os não essenciais, podem ser produzidos pelo próprio organismo", explica a nutricionista. Eles devem ser diversificados, de origem vegetal e animal, e atuam na formação de músculos e ossos.

2 - Carboidratos: São a nossa principal fonte de energia. "Existem diferentes tipos de carboidratos, mas, de maneira geral, falamos dos simples e dos complexos. Carboidratos simples são aqueles que nosso corpo não precisa trabalhar para digerir e fazem mal à saúde quando consumidos em excesso. Já os complexos possuem fibras em sua composição e carregam com eles uma quantidade significativa de vitaminas e minerais", esclarece Renata Migueis.

3 - Vitaminas e Minerais: Estão presentes em todo o tipo de alimento in natura ou minimamente processado, como frutas, legumes, verduras, grãos integrais, leguminosas e carnes magras. Esses micronutrientes são essenciais para o corpo como um todo, desde a área cerebral, manutenção do ritmo cardíaco, agindo na contração muscular e regulando enzimas e hormônios.


Benefícios de uma boa alimentação


Os benefícios à saúde trazidos por uma alimentação equilibrada são inúmeros: "Melhora da disposição e do humor, controle adequado do peso, intestino regulado, pele, cabelos e unhas firmes e vistosos são alguns dos exemplos que uma boa alimentação pode proporcionar", afirma a nutricionista.


Renata Migueis garante que os efeitos ruins trazidos pelo estresse, como a falta de sono e o mau humor como consequências da rotina agitada, podem certamente ser minimizados com uma boa alimentação. Além da alimentação que inclui todos esses nutrientes, cuidados como ter uma rotina de exercícios e evitar alimentos industrializados são igualmente importantes.


"Uma alimentação inadequada, por si só, já pode causar vários problemas de saúde, porém, quando aliada à maus hábitos como pouca ou nenhuma atividade física, tabagismo, consumo de bebidas alcoólicas e excesso de peso, os prejuízos podem ser ainda maiores. Como exemplos de complicações de saúde ligadas à alimentação desequilibrada, podemos citar: diabetes, doenças cardiovasculares, hipertensão e câncer", finaliza a nutricionista.

Últimas
Receitas
Ver Mais

Últimas Matérias

As características da laranja-bahia e como ela se diferencia das outras

As características da laranja-bahia e como ela se diferencia das outras As características da laranja-bahia e como ela se diferencia das outras

Você sabia que existem diferentes tipos de laranja que variam, principalmente, em termos de sabor e textura? A laranja-bahia, por exemplo, é uma alternativa...

> Leia mais
Como evitar o aquecimento global através da alimentação

Como evitar o aquecimento global através da alimentação Como evitar o aquecimento global através da alimentação

Você sabia que é possível combater o aquecimento global através de pequenas atitudes no dia a dia? Mudar hábitos alimentares, de consumo e estilo de vida é...

> Leia mais
O que é gordura visceral e como perdê-la com hábitos saudáveis

O que é gordura visceral e como perdê-la com hábitos saudáveis O que é gordura visceral e como perdê-la com hábitos saudáveis

O excesso de acúmulo de gordura no corpo pode ser prejudicial para o organismo como um todo, acarretando em doenças do coração, por exemplo. A gordura...

> Leia mais
4 tipos de tangerina e as características nutricionais de cada um deles

4 tipos de tangerina e as características nutricionais de cada um deles 4 tipos de tangerina e as características nutricionais de cada um deles

Existente em diferentes versões, a tangerina é uma fruta cítrica rica em vitaminas A, C e sais minerais que fortalecem a imunidade e melhoram a saúde do...

> Leia mais
Fezes verde pode ser alimentação! Descubra o que fazer

Fezes verde pode ser alimentação! Descubra o que fazer Fezes verde pode ser alimentação! Descubra o que fazer

Você tem o hábito de reparar na frequência diária em que vai ao banheiro evacuar? Para garantir a saúde do intestino, é muito importante ter uma alimentação...

> Leia mais
O que é curau? Como fazer essa receita de milho verde

O que é curau? Como fazer essa receita de milho verde O que é curau? Como fazer essa receita de milho verde

Chamado de canjica em estados do Nordeste, o curau é um prato de origem afro-brasileira que faz muito sucesso nas festas de São João. Feito basicamente com...

> Leia mais
Qual quantidade de uva passa posso comer por dia? Aprenda a não exagerar

Qual quantidade de uva passa posso comer por dia? Aprenda a não exagerar Qual quantidade de uva passa posso comer por dia? Aprenda a não exagerar

Versáteis, práticas e ricas em nutrientes, as frutas secas são ótimas para incrementar iogurtes, bolos, panetones e funcionam como lanche rápido (fácil de...

> Leia mais
As frutas com H que você talvez não conheça, mas são supernutritivas

As frutas com H que você talvez não conheça, mas são supernutritivas As frutas com H que você talvez não conheça, mas são supernutritivas

Para fortalecer a imunidade e matar a vontade de comer doce no dia a dia, uma ótima dica é incluir diferentes tipos de frutas na dieta. Além das mais...

> Leia mais
Gelatina vegana existe! Aprenda a prepará-la com diferentes ingredientes

Gelatina vegana existe! Aprenda a prepará-la com diferentes ingredientes Gelatina vegana existe! Aprenda a prepará-la com diferentes ingredientes

Fonte importante de colágeno, a gelatina pode trazer uma série de benefícios para a saúde dos ossos, articulações e da pele. Para quem não sabe, ela é feita...

> Leia mais
Como fazer chuchu deixando o prato delicioso

Como fazer chuchu deixando o prato delicioso Como fazer chuchu deixando o prato delicioso

Muito usado no preparo de sopas, refogados, gratinados e saladas, o chuchu é um fruto bem nutritivo - rico em vitaminas (A, B e C), antioxidantes, fibras e...

> Leia mais