Da branca à vermelha: os tipos de pimenta-do-reino e como usá-los na cozinha

Não importa se a pimenta-do-reino é preta, vermelha, branca ou verde: todos os tipos são benéficos para a saúde
Não importa se a pimenta-do-reino é preta, vermelha, branca ou verde: todos os tipos são benéficos para a saúde

Se a gente te disser que a famosa pimenta-do-reino preta também possui outras três cores diferentes? É real! A deliciosa especiaria proveniente da planta Piper nigrum L. pode ser encontrada em diversos estágios de maturação e, justamente por isso, apresenta diferentes colorações - sendo comercializada nas cores preta, verde, branca e vermelha. Amplamente consumida no Brasil, tudo o que você precisa é aprender como usar cada um desses tipos de pimenta na cozinha. Mas, fica tranquilo, que a gente se ensina. Vem conferir!

Pimenta-do-reino preta é a mais famosa de todas

Pimenta-preta, pimenta-do-reino preta, pimenta-redonda, "king of spices", ou rainha das especiarias. A especiaria que possui diferentes variações também possui mais de uma nomenclatura. E independente do nome que você atribuir a ela, uma coisa é certa: este é o tipo de pimenta mais comercializado do mundo. Para muitos, inclusive, é o ingrediente básico de qualquer tipo de receita salgada!

Picante na medida certa, o condimento pode ser utilizado para realçar o sabor das massas, incrementar um delicioso molho de tomate, por exemplo, temperar carnes vermelhas e aguçar vários outros sabores. Muito mais do que um tipo de tempero qualquer, a pimenta-do-reino preta se diferencia quanto ao seu aroma e textura, e é considerada imatura quanto ao seu estágio de maturação.

Fora que ela é cheia de benefícios! Rica em vitamina A e K, betacaroteno, cálcio, magnésio, fósforo, potássio, manganês e fibras dietéticas - os grãos da especiaria contêm propriedades terapêuticas e podem ser utilizados no tratamento de doenças respiratórias. Tá bom ou quer mais?

Pimenta-do-reino branca pode ser utilizada em caldos e molhos brancos

Colhida depois do seu amadurecimento, a pimenta-do-reino branca possui o sabor mais brando e suave. Assim como as outras, ela é utilizada para complementar pratos culinários (sobretudo caldos e molhos claros ou brancos) e pode ser encontrada na forma seca, em grãos ou moída.

Referência na gastronomia francesa, tailandesa e chinesa, esse tipo de especiaria causa um certo "formigamento" no primeiro contato - o que, para muitas pessoas, é o toque especial do alimento. O melhor de tudo é que ela também é indicada para auxiliar tratamentos médicos, como os que envolvem dores na articulação, artrite, congestão nasal e intoxicação alimentar.

Considerada 'imatura' a pimenta-do-reino verde é a menos picante

A pimenta-do-reino verde é colhida no mesmo estágio de maturação que a preta. A diferença está no processo de desidratação (a preta é seca ao sol e a verde é rapidamente desidratada para que a sua cor natural seja preservada), no método de conserva (a verde normalmente é vendida em salmouras ou imersa no vinagre), no aroma menos acentuado, na textura lisa e na "falta" de ardência.

Se você quiser, por exemplo, acrescentar sabor a algum molho de salada sem que ele fique picante, esse é o tipo de condimento perfeito. Vale utilizá-lo para o preparo de peixes, carnes e aves, temperar saladas, saborizar vegetais e todas as outras combinações que você desejar.

Suave e picante ao mesmo tempo, a pimenta-do-reino vermelha é rara e menos comercializada

Proveniente de frutos maduros e erroneamente reconhecida como pimenta rosa (que provém de uma outra árvore chamada aroeira), a pimenta-do-reino vermelha tem um sabor suave e picante por dentro. Ela é mais rara (devido a dificuldade na colheita) e muito menos comercializada.

Vendida em forma de salmoura, a especiaria avermelhada tem o uso culinário parecido com a verde e a preta, sendo mais voltada para o tempero de proteínas e molhos.

Pimentas-do-reino possuem diversos benefícios em comum para o organismo

Todos os tipos de pimentas-do-reino são bons para a saúde! Elas possuem uma substância chamada "piperina" em sua composição, que é responsável por aumentar a absorção de vários nutrientes - incluindo vitaminas -, estimular enzimas digestivas, digerir mais rapidamente os alimentos e acelerar o metabolismo. Ou seja, a pimenta é um poderoso alimento termogênico! Boa para o emagrecimento saudável, aumentar a libido, eliminar o excesso de radicais livres do corpo e muito mais.

Mais noticias com...
Receitas:
Carne bovina
Ver Mais

Últimas Matérias

Como fazer óleo de abacate e usá-lo na alimentação diária

Como fazer óleo de abacate e usá-lo na alimentação diária Como fazer óleo de abacate e usá-lo na alimentação diária

Indicado para fortalecer a imunidade, favorecer a perda de peso e a saúde da pele, o óleo de abacate é um ingrediente natural altamente nutritivo que pode (e...

> Leia mais
O que é Inktober? Conheça quem aderiu ao desafio de desenhar todos os dias

O que é Inktober? Conheça quem aderiu ao desafio de desenhar todos os dias O que é Inktober? Conheça quem aderiu ao desafio de desenhar todos os dias

Desde 2009, um desafio anual que incentiva a prática de desenhos e ilustrações durante o mês de outubro vem conquistando milhares de artistas ao redor do...

> Leia mais
Manteiga é fonte de vitamina A! Entenda se ainda assim ela é benéfica

Manteiga é fonte de vitamina A! Entenda se ainda assim ela é benéfica Manteiga é fonte de vitamina A! Entenda se ainda assim ela é benéfica

Ter o hábito de passar manteiga em pães e biscoitos no dia a dia não é necessariamente prejudicial à saúde. Apesar de ser comumente tachada como gordurosa e...

> Leia mais
6 frutas com D para variar no cardápio

6 frutas com D para variar no cardápio 6 frutas com D para variar no cardápio

O universo das frutas é tão amplo e diverso que existe até mesmo uma área científica da horticultura, chamada de pomologia, que é dedicada exclusivamente...

> Leia mais
Chá de poejo serve para relaxar e ajuda na respiração! Conheça outros benefícios

Chá de poejo serve para relaxar e ajuda na respiração! Conheça outros benefícios Chá de poejo serve para relaxar e ajuda na respiração! Conheça outros benefícios

Dono de nomes populares, como hortelãzinho, menta-selvagem e erva-de-são-lourenço, o poejo (Mentha pulegium) é uma planta medicinal muito conhecida por conta...

> Leia mais
Transtorno alimentar infantil existe! Saiba como tratá-lo

Transtorno alimentar infantil existe! Saiba como tratá-lo Transtorno alimentar infantil existe! Saiba como tratá-lo

Engana-se quem pensa que distúrbios relacionados à alimentação (como anorexia ou bulimia) atingem apenas adolescentes e adultos. Desde a infância, é possível...

> Leia mais
O que são alimentos reguladores e por que é importante consumi-los

O que são alimentos reguladores e por que é importante consumi-los O que são alimentos reguladores e por que é importante consumi-los

Você já ouviu falar nos alimentos reguladores? Responsáveis por regular as diferentes funções do organismo (como digestão e circulação sanguínea), eles...

> Leia mais
Existem alimentos sem nutrientes? Descubra o que é melhor evitar consumir

Existem alimentos sem nutrientes? Descubra o que é melhor evitar consumir Existem alimentos sem nutrientes? Descubra o que é melhor evitar consumir

Você já parou para pensar se todos os alimentos são realmente nutritivos - isto é, fornecem minerais, vitaminas, fibras, proteínas ou carboidratos para a...

> Leia mais
Como preparar tapioca de diferentes tipos

Como preparar tapioca de diferentes tipos Como preparar tapioca de diferentes tipos

Quando se trata de preparar um lanche mais leve, rápido e livre de glúten (indicado para celíacos), a tapioca é uma das melhores opções - pode ser recheada...

> Leia mais
As receitas de salada de frutas simples e incrementadas

As receitas de salada de frutas simples e incrementadas As receitas de salada de frutas simples e incrementadas

Substituir sobremesas calóricas (como sorvetes, bolos e biscoitos) pela salada de frutas é uma ótima dica para quem quer cuidar melhor da alimentação. Rica...

> Leia mais