Alimentos vivos: Conheça uma dieta a base de comida não cozida

Os alimentos crus são ricos em enzimas, que levam os nutrientes às células do organismo
Os alimentos crus são ricos em enzimas, que levam os nutrientes às células do organismo

Produto recomendado

Rúcula orgânica higienizada Taeq 150g

Rúcula orgânica higienizada Taeq 150g

Botão do Pão de Açúcar Delivery

A célebre frase que tantas vezes ouvimos na vida – principalmente de nossas mães – de que "apressado como cru", pode, enfim, ganhar uma conotação positiva, através de nossa incessante busca por uma alimentação saudável. A "dieta viva", denominada oficialmente "crudivorismo", entrou em pauta no cardápio de regime de diversas pessoas que desejam incrementar sabores e benefícios gastronômicos além dos fornos e fogões.

Criado nos EUA na década de 80, o crudivorismo passou por fases de desconfiança até entrar de vez em dietas nutricionais pelo mundo. Com a premissa de consumo dos alimentos na fonte, em sua forma genuína, a alimentação é baseada em alimentos crus, frutas frescas ou desidratadas, vegetais, sementes, grãos germinados ou brotos como trigo, arroz, cevada, centeio, aveia, lentilha, grão-de-bico, ervilha, alfafa e algas, apesar de tolerar iguarias de origem animal, como mel, lacticínios e até peixes, desde que não sejam preparados ao fogo, pois, a partir de 40º C, as comidas perdem grande quantidades de seus nutrientes.

Pela visão científica, a dieta crudivorista é benéfica, pois trata de uma "alimentação enzimática". Os alimentos crus são ricos em enzimas, que levam os nutrientes às células do organismo. Segundo a teoria crudívora, ao cozermos os alimentos, essas enzimas são destruídas, enquanto, se os comermos crus, haverá uma melhor digestão, não sobrecarregando as reservas do corpo. Primeiro pesquisador a estudar a importância das enzimas na alimentação, Dr. Edward Howell, já destacava o crudivorismo. "A falta de enzimas na comida cozida é ainda uma das maiores razões do envelhecimento e morte precoce. É ainda a causa subjacente da maior parte das doenças".

Emagrecer saudável e com prazer!

Optar por essa dieta, explica a nutricionista Juliana Rocha, não significa abdicar do prazer de comer. Mesmo que a pessoa coma bastante, inclusive alimentos calóricos como oleaginosas, azeites e óleos essenciais, o emagrecimento ocorre. "Primeiro por desintoxicar o corpo e, depois, por ocorrer uma restrição calórica natural. É uma alimentação tão rica em nutrientes, que o corpo passa a se regular de forma única e acabamos comendo menos. Ficamos satisfeitos de uma forma realmente intrigante", destacou a nutricionista, apresentando alguns alimentos e equipamentos indispensáveis para o crudivorismo.

"Alimentos orgânicos, superalimentos como maçã andina, spirulina havaiana, chlorella, pólen, óleo de coco, goji berries, cacau orgânico, entre outros. Mas, o principal mesmo, são os itens de cozinha: liquidificador de alta potência, processador, coadores de tecido, faca de chef, desidratador", disse a nutricionista.

Veja um cardápio crudivorista:

Principais frutas – Limão, maçãs, laranjas, abacates, bananas e coco verde.

Vegetais – Couve, espinafre, alface, pepinos, salsão, salsa, abobrinha, cebola, tomate e pimentões.

Ervas – Menta, manjericão, alecrim, orégano.

Oleaginosas – Nozes, castanha do pará, amêndoa, macadâmia, semente de abóbora, girassol, linhaça e chia. (Recomenda-se deixar todas de molho por 4 horas e depois desidratar por mais 8 horas para eliminar fungos e fatores antinutricionais).

Grãos – Sarraceno, trigo comum, lentilha, grão-de-bico.

Manteigas vegetais – Manteigas de gergelim, amêndoa, e castanhas.

Óleos – Azeite de oliva, óleo de linhaça, óleo de coco extravirgem, óleo de gergelim não torrado

Sais – Sal rosa do Himalaia e sal celta.

Condimentos – Vinagre balsâmico, vinagre de maçã, shoyo, misso.

Temperos – Curry, cúrcuma, açafrão, gengibre, pimenta, alho em pó, noz-moscada, gengibre seco

Frutas secas – Ameixas, damascos e tâmaras

Adoçantes naturais – Agave, stevia

Mais noticias com...
Receitas:
Couve
Ver Mais

Últimas Matérias

Comer carne uma vez por semana é suficiente? Aprenda a substituir o alimento

Comer carne uma vez por semana é suficiente? Aprenda a substituir o alimento Comer carne uma vez por semana é suficiente? Aprenda a substituir o alimento

Na hora de montar o prato do almoço tem gente que ama caprichar na quantidade de carne, né? Só que isso não é algo muito indicado para quem busca uma...

> Leia mais
Para que serve o anis-estrelado e quais seus benefícios para a nossa saúde

Para que serve o anis-estrelado e quais seus benefícios para a nossa saúde Para que serve o anis-estrelado e quais seus benefícios para a nossa saúde

Originário da China e do Vietnã, o anis-estrelado é uma planta medicinal fonte de nutrientes importantes e rica em propriedades terapêuticas: auxilia na...

> Leia mais
Como incrementar a farofa para deixá-la mais saudável e saborosa

Como incrementar a farofa para deixá-la mais saudável e saborosa Como incrementar a farofa para deixá-la mais saudável e saborosa

É difícil associar a farofa a uma alimentação saudável, né? Afinal, esse prato (que não costuma faltar no churrasco brasileiro) é geralmente preparado com...

> Leia mais
Uso do celular durante as refeições faz mal à saúde! Entenda os malefícios

Uso do celular durante as refeições faz mal à saúde! Entenda os malefícios Uso do celular durante as refeições faz mal à saúde! Entenda os malefícios

Imagine esta cena: você está em um restaurante, e observa algumas pessoas, seja um grupo de amigos ou uma família, em volta de uma mesa com suas refeições,...

> Leia mais
7 alimentos que você pode (e deve) comer com casca

7 alimentos que você pode (e deve) comer com casca 7 alimentos que você pode (e deve) comer com casca

Para aproveitar todos os nutrientes que os alimentos têm a oferecer, é importante que você consuma não apenas a polpa, mas também as suas cascas e sementes....

> Leia mais
Seitan ao forno, à parmegiana e mais: as melhores formas de preparar a proteína

Seitan ao forno, à parmegiana e mais: as melhores formas de preparar a proteína Seitan ao forno, à parmegiana e mais: as melhores formas de preparar a proteína

É muito bom descobrir maneiras novas de preparar os alimentos, né? Seja usando temperos ou métodos de cozimento variados, é sempre possível inovar na...

> Leia mais
Os perigos do Bisfenol A e como identificar se ele foi usado nos potes plásticos

Os perigos do Bisfenol A e como identificar se ele foi usado nos potes plásticos Os perigos do Bisfenol A e como identificar se ele foi usado nos potes plásticos

Encontrado em diversos tipos de plástico, policarbonato, resina e alumínio, o Bisfenol A - também chamado de BPA - é uma substância química utilizada para...

> Leia mais
Como ter um sono tranquilo? 5 chás para tomar à noite antes de dormir

Como ter um sono tranquilo? 5 chás para tomar à noite antes de dormir Como ter um sono tranquilo? 5 chás para tomar à noite antes de dormir

Para quem sofre com insônia ou problemas para dormir, tomar chás calmantes na parte da noite é uma ótima dica. Existem diversas plantas medicinais, frutas e...

> Leia mais
Os alimentos que contêm elastina e retardam o envelhecimento da pele

Os alimentos que contêm elastina e retardam o envelhecimento da pele Os alimentos que contêm elastina e retardam o envelhecimento da pele

O maior órgão do nosso corpo é a pele. Sendo assim, nada mais justo do que se preocupar com a sua saúde. Uma das substâncias que ajudam a cuidar da...

> Leia mais
Tomar suco de melancia à noite faz mal? Saiba em que momentos consumir a bebida

Tomar suco de melancia à noite faz mal? Saiba em que momentos consumir a bebida Tomar suco de melancia à noite faz mal? Saiba em que momentos consumir a bebida

A melancia é uma das frutas preferidas dos brasileiros: conhecida pelo seu sabor doce e grande quantidade de água, ela é muito consumida por ser um alimento...

> Leia mais