Como fazer para as crianças comerem mais fibras nas refeições? Veja 5 dicas

Fazer o seu filho ou a sua filha ingerir mais fibras nas refeições pode ser mais simples do que parece. Veja algumas dicas que podem te ajudar!
Fazer o seu filho ou a sua filha ingerir mais fibras nas refeições pode ser mais simples do que parece. Veja algumas dicas que podem te ajudar!
Fazer o seu filho ou a sua filha ingerir mais fibras nas refeições pode ser mais simples do que parece. Veja algumas dicas que podem te ajudar!
Fazer o seu filho ou a sua filha ingerir mais fibras nas refeições pode ser mais simples do que parece. Veja algumas dicas que podem te ajudar!
Fazer o seu filho ou a sua filha ingerir mais fibras nas refeições pode ser mais simples do que parece. Veja algumas dicas que podem te ajudar!
Fazer o seu filho ou a sua filha ingerir mais fibras nas refeições pode ser mais simples do que parece. Veja algumas dicas que podem te ajudar!
Fazer o seu filho ou a sua filha ingerir mais fibras nas refeições pode ser mais simples do que parece. Veja algumas dicas que podem te ajudar!
Fazer o seu filho ou a sua filha ingerir mais fibras nas refeições pode ser mais simples do que parece. Veja algumas dicas que podem te ajudar!
Fazer o seu filho ou a sua filha ingerir mais fibras nas refeições pode ser mais simples do que parece. Veja algumas dicas que podem te ajudar!
Fazer o seu filho ou a sua filha ingerir mais fibras nas refeições pode ser mais simples do que parece. Veja algumas dicas que podem te ajudar!
Fazer o seu filho ou a sua filha ingerir mais fibras nas refeições pode ser mais simples do que parece. Veja algumas dicas que podem te ajudar!
Fazer o seu filho ou a sua filha ingerir mais fibras nas refeições pode ser mais simples do que parece. Veja algumas dicas que podem te ajudar!
Fazer o seu filho ou a sua filha ingerir mais fibras nas refeições pode ser mais simples do que parece. Veja algumas dicas que podem te ajudar!
Carine Rodrigues

Consultor:

Carine Rodrigues

Formada pela Universidade do Estado do Rio de Janeiro (UERJ), é pós-graduanda em Terapia Nutricional pela GANEP.

Produto recomendado

Mini cenoura higienizada Taeq 100g

Mini cenoura higienizada Taeq 100g

Botão do Pão de Açúcar Delivery

Negociar a alimentação com os filhos é uma missão desafiadora para qualquer papai ou mamãe, afinal, crianças gostam mesmo é de passar o dia comendo guloseimas, não é mesmo? Por isso, estar atento a tudo que os pequenos consomem é essencial para os seus desenvolvimentos e, dentre os nutrientes mais importantes, as fibras alimentares desempenham um papel indispensável para o crescimento natural e saudável. Confira como podemos aumentar a ingestão dessas fibras na alimentação infantil e os ingredientes mais indicados para esse processo.

Encontradas em grandes concentrações em frutas, legumes e verduras, grãos, sementes e cereais, as fibras alimentares são nutrientes que estimulam os processos metabólicos do nosso organismo. Serve, por exemplo, para regular o apetite, fortalecer o intestino e facilitar a digestão, evitando, por exemplo, as constantes azias estomacais e prisões de ventre, tão comuns na infância. Por isso, segundo a nutricionista Carine Rodrigues, o consumo adequado de fibras é essencial para os pequenos, pois ajudam a controlar o peso, prevenir a obesidade. Ela explica a importância dos pais servirem de exemplo para melhorar a alimentação das crianças:

"Quando a criança senta-se à mesa e vê seus pais se alimentando de forma saudável, com frutas e hortaliças, isso a encoraja também a consumir estes alimentos. Já que os bons hábitos são formados nos primeiros anos de vida e nesse momento é muito frequente a introdução de alimentos industrializados, fazendo com que as crianças se desinteressem por alimentos saudáveis, que são fontes de vitaminas, minerais e fibras alimentares, essenciais para o desenvolvimento da criança", explica a profissional.

Quais são os alimentos ricos em fibras? Entenda mais sobre as funções desses nutrientes

Para explicarmos melhor as fibras alimentares, é necessário separá-las em dois grupos: elas se dividem "solúveis e insolúveis". As fibras solúveis são aquelas capazes de se misturarem na água, nos líquidos que ingerimos normalmente, formando um tipo de gel no organismo. Estas são responsáveis pela saciedade e pelo controle do trânsito intestinal. Já as fibras insolúveis, não se misturam com a água e ficam intactas, participando apenas do bolo fecal e tornando a eliminação mais rápida e eficaz.

Por serem dois grupos de fibras, os alimentos também variam. Veja:

Fibras solúveis: Maracujá, banana, laranja, uva, repolho, brócolis cenoura, além de grãos e sementes, como feijão, aveia, centeio e cevada.

Fibras insolúveis: Berinjela, rúcula, espinafre, couve, alface, brócolis, pimentão, beterraba e cereais integrais como arroz e o trigo, encontrado em massas e pães.

Fontes das duas fibras: Melancia, maçã, pera, cenoura, linhaça e batata doce.

5 dicas para as crianças comerem mais fibras alimentares

1 - Faça sucos com diferentes alimentos: Combine as frutas ricas em fibras alimentares e disponibilize para a criança em diversos momentos do dia. Vá inovando na preparação, incluindo diferentes sabores para o seu filho degustar outros tipos de frutas e, assim, aumentar a ingestão de fibras.

2 - Capriche na preparação do prato: No caso dos vegetais, como a beterraba, por exemplo, você pode usá-la para colorir a refeição e o prato se tornar mais atrativo, do jeito que as crianças gostam e tenham mais prazer em comer.

3 - Ofereça pequenos pedaços para conhecer: No caso da berinjela, que tem um sabor mais amargo e as crianças dificilmente se adaptam, você pode prepará-la com especiarias e ervas e ir colocando pequenos pedaços no prato. Caso ele não goste, experimente prepará-la de outra forma.

4 - Desperte o interesse pelo alimento: Separe um dia do mês para levar a criança ao supermercado e apresentar esses alimentos saudáveis, falar as formas que ele pode ser preparado e o quão gostoso pode tornar o prato se acrescermos determinados ingredientes.

5 - Deixe que a criança escolha alguns ingredientes: É claro que elas gostam de batatas fritas, nuggets, por exemplo, mas coloque como opção as cenouras em palitos, para substituir as batatas, e deixe sempre claro que o prato tem que ser colorido, incentivando assim a aumentar a variedade de alimentos.

Recompensas alimentares também podem ser usadas para a maior ingestão de fibras

Embora as recompensas alimentares não sejam das práticas mais indicadas para educar as crianças, algumas delas podem ser saudáveis e até benéficas. Por exemplo, quando os pequenos comerem verduras e legumes novos no almoço, você pode parabenizá-los e presenteá-los com um cookie integral de sobremesa. Os cookies também se tornam boas fontes de fibras alimentares e também vai incentivá-lo a preferir sobremesas saudáveis no dia a dia.

Os sorvetes ou sorbet de frutas também podem ser alternativas refrescantes e saudáveis para retribuir o esforço da criança em conhecer novos alimentos e aprender a incluí-los na alimentação. Outra recompensa interessante pode ser os cereais musli para completar o iogurte no lanche, que também são saborosos e nutritivos.

Mais noticias com...
Receitas:
Couve
Ver Mais

Últimas Matérias

Vitaminas K1, K2 e K3: as diferenças e semelhanças entre elas

Vitaminas K1, K2 e K3: as diferenças e semelhanças entre elas Vitaminas K1, K2 e K3: as diferenças e semelhanças entre elas

Ter uma alimentação rica em vitaminas é fundamental para fortalecer a imunidade e garantir o bom funcionamento do organismo como um todo. O complexo K, em...

> Leia mais
Suco de graviola: 6 receitas refrescantes e nutritivas com a fruta

Suco de graviola: 6 receitas refrescantes e nutritivas com a fruta Suco de graviola: 6 receitas refrescantes e nutritivas com a fruta

Preparar sucos naturais é uma ótima alternativa para refrescar nos dias mais quentes e manter o corpo hidratado. E, para variar no cardápio de bebidas, que...

> Leia mais
Como comemorar o Dia dos Pais de forma criativa sem sair de casa

Como comemorar o Dia dos Pais de forma criativa sem sair de casa Como comemorar o Dia dos Pais de forma criativa sem sair de casa

Tem coisa melhor que passar o Dia dos Pais junto com a família contando histórias, comendo, fazendo jogos e brincadeiras? A melhor parte é que nem é preciso...

> Leia mais
Os nutrientes do eryngui e como preparar esse cogumelo

Os nutrientes do eryngui e como preparar esse cogumelo Os nutrientes do eryngui e como preparar esse cogumelo

Usar cogumelos para incrementar receitas veganas ou vegetarianas é sempre uma boa opção. Afinal, eles acrescentam muito em termos nutricionais e agregam mais...

> Leia mais
Mozarela de búfala tem lactose? Saiba tudo sobre esse queijo

Mozarela de búfala tem lactose? Saiba tudo sobre esse queijo Mozarela de búfala tem lactose? Saiba tudo sobre esse queijo

Você sabia que a mozarela de búfala é um dos tipos de queijos brancos mais consumidos do mundo? Conhecida pela sua textura cremosa e suculenta, ela tem como...

> Leia mais
Macarrão sem farinha de trigo: 4 opções ótimas para celíacos

Macarrão sem farinha de trigo: 4 opções ótimas para celíacos Macarrão sem farinha de trigo: 4 opções ótimas para celíacos

Você sabia que é possível preparar receitas de macarrão sem necessariamente usar farinha de trigo? Quem é celíaco, por exemplo, deve passar longe de pratos...

> Leia mais
6 lanches veganos supernutritivos para comer a qualquer hora

6 lanches veganos supernutritivos para comer a qualquer hora 6 lanches veganos supernutritivos para comer a qualquer hora

Às vezes pode parecer difícil seguir uma dieta vegana e ter tempo para preparar lanches sem ingredientes de origem animal durante a correria do dia a dia....

> Leia mais
O que é sagu? Conheça a fécula muito usada no preparo de sobremesas gaúchas

O que é sagu? Conheça a fécula muito usada no preparo de sobremesas gaúchas O que é sagu? Conheça a fécula muito usada no preparo de sobremesas gaúchas

Se você gosta de experimentar comidas típicas de diferentes regiões do Brasil, é bem provável que já conheça o sagu - uma sobremesa feita com vinho tinto...

> Leia mais
Pimenta-rosa: 5 benefícios dessa planta brasileira na sua alimentação

Pimenta-rosa: 5 benefícios dessa planta brasileira na sua alimentação Pimenta-rosa: 5 benefícios dessa planta brasileira na sua alimentação

Fruto da aroeira-vermelha, a pimenta-rosa é uma planta brasileira de ardência leve, sabor adocicado e aparência delicada. Mas além de características e...

> Leia mais
4 receitas com coco ralado fresco que são supernutritivas

4 receitas com coco ralado fresco que são supernutritivas 4 receitas com coco ralado fresco que são supernutritivas

Considerado um superalimento, o coco é uma fruta das frutas mais nutritivas que existe. Ele é rico em minerais importantes como cálcio, magnésio, cobre,...

> Leia mais