Como aproveitar o bagaço no preparo dos alimentos e evitar o desperdício

A casca dos alimentos pode ser utilizada no preparo de receitas, e mesmo o bagaço que sobrou pode ser reaproveitado
A casca dos alimentos pode ser utilizada no preparo de receitas, e mesmo o bagaço que sobrou pode ser reaproveitado
Nicolle Venturi

Consultor:

Nicolle Venturi

Formada em Nutrição pela UFF, atualmente faz a segunda graduação em Gastronomia pela UFRJ

Com o aumento no número de veganos no mundo o debate sobre a importância de ser sustentável se tornou cada vez mais atual. Afinal, quem opta por esse tipo de dieta não consome nenhum produto de origem animal. Mas mesmo adotando alimentos naturais na dieta nem sempre eles são aproveitados da melhor forma. E embora existam várias formas de evitar o desperdício, muita gente não sabe exatamente o que fazer para reaproveitar os alimentos.

Os malefícios do desperdício

Para a nutricionista Nicolle Venturi, o problema vai muito além de simplesmente jogar comida fora. Afinal, todos os recursos empregados para produzir o alimento em questão também estão indo parar no lixo. Isso significa, por exemplo, que muita água foi desperdiçada. Isso sem falar no gasto financeiro, que é bem maior do que seria caso todas as partes da planta fossem aproveitadas.

"As cascas, sementes, entrecascas, folhas, talos e bagaços que jogamos fora são riquíssimos em vitaminas, minerais e fibras, e podem ser utilizados em diversos preparos mais baratos. Ao consumir alimentos em sua totalidade estamos combatendo o desperdício de recursos, melhorando a nossa saúde e também ajudando o nosso bolso", afirma a nutricionista.

Como evitar o desperdício de alimentos

O primeiro passo para quem não quer mais ter desperdício na cozinha é utilizar tudo o que teoricamente sobrou dos alimentos em outras receitas. Ou então não jogar fora algumas partes que já poderiam estar sendo aproveitadas. Nicolle Venturi lembra que no bolo de cenoura, por exemplo, a raiz não precisa ser descascada, desde que tenha sido higienizada corretamente. E a rama, que vem junto quando o alimento é comprado na feira? Pode virar molho pesto! Já as cascas de frutas podem ser aproveitadas em infusões para fazer chás ou mesmo se tornar chips.

"As sementes dos alimentos, como as da melancia e as da abóbora, podem ser torradas com especiarias ou utilizadas para fazer farinha, se tornando o ingrediente de pães, bolos e biscoitos. Os talos das verduras podem ser refogados e consumidos junto com as folhas, ou então utilizados para fazer bolos, pães, recheios de tortas e até mesmo pastinhas para comer com pão. Inclusive, eles são ótimos para dar crocância no preparo de alimentos, além de agregar vitaminas e minerais a eles. Com a entrecasca das frutas, como a da melancia e a do maracujá, podemos fazer ensopados e deliciosas falsas cocadas, agregando mais sabor e nutrientes ao doce original", diz a nutricionista.

Como reaproveitar o bagaço

Agora que você já entendeu como é possível e simples aproveitar todas as mais diversas partes dos orgânicos, o que dizer do bagaço? Afinal, ele é uma das partes que mais "sobra" no preparo dos alimentos, e em geral é visto como algo que não pode ser reaproveitado, mas não deveria ser assim.

"O bagaço é a parte que contém mais fibra nos alimentos. O bagaço da laranja, por exemplo, é a parte branca no seu interior que muitos desprezam. Já na espiga de milho é o resíduo branco que fica após retirarmos os seus grãos ou quando fazemos curau. Bagaço também é a parte que se retém na peneira quando fazemos, por exemplo, um 'leite' vegetal. Nesse processo coamos a parte fibrosa e muitas vezes jogamos o resto fora", explica Nicolle Venturi.

Receita de pão de milho verde é ideal para reaproveitar o bagaço do alimento

A nutricionista destaca que, por ser uma parte muito fibrosa, o bagaço pode ser utilizado no preparo de bolos, biscoitos e geleias. Mas neste caso o utilizado seria o de uma fruta, o que daria a falsa impressão de que apenas esse pode ser reutilizado. Por isso, Nicolle Venturi sugeriu uma receita que tem o bagaço do milho como um de seus ingredientes ingredientes principais. Aprenda a prepará-la:

Pão de milho verde

Ingredientes:

- 2 xícaras (chá) de farinha de trigo;

- 1/2 xícara (chá) de queijo ralado;

- 2 xícaras e 1/2 de bagaço de milho;

- 8 ovos;

- 3/4 xícara de azeite;

- 1 colher (sopa) fermento em pó.

Preparo:

- Aqueça o forno a 180°, unte uma forma de bolo inglês e reserve;

- Em uma tigela misture a farinha, o queijo e o bagaço do milho;

- Junte os ovos, o azeite e o fermento e misture bem;

- Coloque a massa na forma e leve ao forno por 40 minutos ou até dourar.

Mais noticias com...
Receitas:
Cenoura
Ver Mais

Últimas Matérias

Alimentos com flúor são bons ou ruins para a saúde? Saiba mais sobre o mineral

Alimentos com flúor são bons ou ruins para a saúde? Saiba mais sobre o mineral Alimentos com flúor são bons ou ruins para a saúde? Saiba mais sobre o mineral

Você com certeza já ouviu falar do flúor na hora de ir ao dentista, ou nas indicações para comprar algum creme ou enxaguante bucal. Porém, apesar de não...

> Leia mais
Marmitas frias para o dia a dia: 6 ideias saudáveis para comer a qualquer hora

Marmitas frias para o dia a dia: 6 ideias saudáveis para comer a qualquer hora Marmitas frias para o dia a dia: 6 ideias saudáveis para comer a qualquer hora

A gente sabe que ser saudável não é uma tarefa fácil em um primeiro momento. Afinal, para que ter trabalho levando comida de casa para o trabalho ou...

> Leia mais
Bactérias na comida são um perigo! Entenda por que armazenar bem os alimentos

Bactérias na comida são um perigo! Entenda por que armazenar bem os alimentos Bactérias na comida são um perigo! Entenda por que armazenar bem os alimentos

Quando você chega do mercado o que faz com as compras? Provavelmente guarda cada alimento no seu respectivo destino, certo? O problema é que às vezes surge...

> Leia mais
Depressão pós-parto e alimentação: os nutrientes que ajudam a evitá-la

Depressão pós-parto e alimentação: os nutrientes que ajudam a evitá-la Depressão pós-parto e alimentação: os nutrientes que ajudam a evitá-la

A cada quatro mães de recém-nascidos brasileiras, uma sofre de depressão pós-parto. Com os hormônios ainda em reajuste, a mulher pode experimentar um período...

> Leia mais
5 aplicativos para lembrar de beber água que vão te ajudar a se manter hidratado

5 aplicativos para lembrar de beber água que vão te ajudar a se manter hidratado 5 aplicativos para lembrar de beber água que vão te ajudar a se manter hidratado

A água representa 70% do nosso organismo e é essencial para o nosso corpo. Inclusive, beber água é, muitas vezes, receituário médico em diversas situações....

> Leia mais
10 benefícios do feijão azuki que valem a pena conhecer

10 benefícios do feijão azuki que valem a pena conhecer 10 benefícios do feijão azuki que valem a pena conhecer

Se tem uma coisa que não pode faltar na casa do brasileiro, decididamente, é o feijão. E por aqui a gente tem vários tipos: feijão preto, branco, manteiga,...

> Leia mais
Mais saudáveis e felizes! Ex-anoréxicas contam como venceram o distúrbio

Mais saudáveis e felizes! Ex-anoréxicas contam como venceram o distúrbio Mais saudáveis e felizes! Ex-anoréxicas contam como venceram o distúrbio

A anorexia é um distúrbio de imagem que faz com que a pessoa se enxergue de maneira muito distorcida da qual ela é de fato (geralmente, com maior peso e...

> Leia mais
O que comer antes de correr? Descubra como ter mais energia e não passar mal

O que comer antes de correr? Descubra como ter mais energia e não passar mal O que comer antes de correr? Descubra como ter mais energia e não passar mal

Verdade seja dita, a corrida é um dos exercícios mais democráticos que tem. Afinal, não é preciso pagar uma academia para começar a treinar, apenas encontrar...

> Leia mais
6 dicas de alimentação saudável para quem tem epilepsia

6 dicas de alimentação saudável para quem tem epilepsia 6 dicas de alimentação saudável para quem tem epilepsia

A epilepsia é uma doença do sistema nervoso que se caracteriza pela perda de consciência momentânea, a partir de crises convulsivas, que acontecem de tempos...

> Leia mais
Triglicerídeos alto: o que comer para regular as taxas dessa gordura no sangue

Triglicerídeos alto: o que comer para regular as taxas dessa gordura no sangue Triglicerídeos alto: o que comer para regular as taxas dessa gordura no sangue

Os triglicerídeos (ou triglicérides) são gorduras muito importantes para o nosso corpo. Elas são as calorias ingeridas que o próprio organismo reserva para...

> Leia mais