Comer na cama é bom ou ruim? Descubra se vale a pena ou não abolir essa prática

Ao comer na cama você fica com a coluna torta e pode acabar sujando o colchão
Ao comer na cama você fica com a coluna torta e pode acabar sujando o colchão

Se você tem o hábito de comer na cama - assistindo a filmes, séries ou mexendo no celular, por exemplo - é muito importante atentar a certos pontos. Neste caso, é bem comum deixar migalhas ou restos de comida caírem no colchão, o que pode causar uma série de problemas! Para que você se convença a fazer as refeições sentado à mesa (em vez de no quarto) nós listamos os principais motivos para abolir o hábito de comer na cama. Dá uma olhada!

Ao comer na cama, você pode atrair insetos, microrganismos e bactérias para o colchão

Manter a higiene do local em que você dorme é algo de suma importância, sabia? Mas não adianta apenas tomar cuidado com as poeiras ou sujeiras da rua, também é necessário se policiar para não sujar o colchão com restos de comidas ou bebidas. Por isso, muitos médicos e especialistas não recomendam comer em cima da cama - tendo em mente que os alimentos atraem insetos e microrganismos danosos para a saúde.

Quem tem alergia, por exemplo, pode sofrer bastante com isso! Afinal, restos de comida podem atrair ácaros e, em casos, mais graves, bactérias causadoras de infecções. A nossa dica é que você evite ao máximo comer em cima do colchão - até mesmo pipocas, doces e lanches pequenos, ok?

Migalhas espalhadas pela cama também podem causar machucados na pele

Outro problema decorrente das migalhas na cama é que, quando pressionadas entre o corpo e o colchão, elas podem fazer feridas na pele e causar pequenas lesões. Por isso, é importante tomar bastante cuidado com restos de biscoitos, milhos de pipoca, casquinhas de amendoins e por aí vai. Lembre: é fundamental deixar a cama sempre bem limpa e livre de insetos!

Comer na cama pode gerar má postura e, consequentemente, atrapalhar na digestão

Muita gente acaba esquecendo, mas comer com uma boa postura (com a coluna reta, por exemplo) é algo fundamental. O problema é que muitas pessoas, ao comer na cama, têm o hábito de ficarem deitadas e com a coluna inclinada - o que pode ser prejudicial para o corpo e também para a digestão.

De acordo com o pesquisador e professor James Brown, que leciona Biologia e Ciências Biomédicas na Aston University, comer deitado atrapalha na absorção de nutrientes (como os hidratos de carbono, que são uma das nossas principais fontes de energia). Por isso, o ideal é fazer todas as refeições sentado à mesa, com a coluna bem reta.

Últimas
Receitas
Ver Mais

Últimas Matérias

Iogurte natural: 6 motivos para consumir diariamente

Iogurte natural: 6 motivos para consumir diariamente Iogurte natural: 6 motivos para consumir diariamente

Ótimo para preparar vitaminas, smoothies e incrementar saladas, o iogurte natural é um ingrediente bem nutritivo que ajuda a manter o organismo em...

> Leia mais
Patê de berinjela: aprenda 3 formas de preparar

Patê de berinjela: aprenda 3 formas de preparar Patê de berinjela: aprenda 3 formas de preparar

Você já conhece o sabor do patê de berinjela? Além de todos os benefícios que o alimento apresenta para o organismo, o legume também agrada o paladar de um...

> Leia mais
Dieta sem carboidratos funciona? Veja a opinião de uma especialista

Dieta sem carboidratos funciona? Veja a opinião de uma especialista Dieta sem carboidratos funciona? Veja a opinião de uma especialista

Já ouviu falar da dieta cetogênica? Em outras palavras, as pessoas que seguem esse cardápio diferenciado se adequam a uma dieta sem carboidrato. É uma...

> Leia mais
Café da manhã saudável e rápido: 4 ideias para não pular essa refeição

Café da manhã saudável e rápido: 4 ideias para não pular essa refeição Café da manhã saudável e rápido: 4 ideias para não pular essa refeição

Conciliar um café da manhã saudável com uma rotina mais corrida não precisa ser um problema. Você sabia que existem opções nutritivas bem rápidas de...

> Leia mais
Pimentão verde: truques para evitar indisgestão ao consumir o alimento

Pimentão verde: truques para evitar indisgestão ao consumir o alimento Pimentão verde: truques para evitar indisgestão ao consumir o alimento

Muito usado no preparo de saladas, refogados, molhos (como o vinagrete), risotos e moquecas, o pimentão verde é um tipo de vegetal bem nutritivo e saboroso,...

> Leia mais
Pão ou tapioca? Qual é o melhor para a saúde?

Pão ou tapioca? Qual é o melhor para a saúde? Pão ou tapioca? Qual é o melhor para a saúde?

Para reduzir o consumo de carboidratos, muita gente prefere evitar pães (e outras massas) e dar preferência a receitas com tapioca nos lanches. Mas será que...

> Leia mais
Leite de castanha do pará: como fazer e quais são seus benefícios

Leite de castanha do pará: como fazer e quais são seus benefícios Leite de castanha do pará: como fazer e quais são seus benefícios

Que tal fazer leite de castanha do Pará para aproveitar os benefícios da oleaginosa? É sempre bom ter opções diferentes de receitas para incluir na rotina...

> Leia mais
Ervilha congelada: 3 receitas simples para o dia a dia

Ervilha congelada: 3 receitas simples para o dia a dia Ervilha congelada: 3 receitas simples para o dia a dia

Quantas receitas com ervilha você conhece? E com ervilha congelada? Apesar da enorme praticidade que o legume apresenta, nem todos sabem como usá-lo no dia a...

> Leia mais
Tipos de tomate: conheça as diferenças entre eles

Tipos de tomate: conheça as diferenças entre eles Tipos de tomate: conheça as diferenças entre eles

Você sabe quais e quantos são os tipos de tomate? A famosa fruta compõe as mais variadas receitas de saladas e é um dos orgânicos queridinhos para...

> Leia mais
Geleia de pimenta combina com o que? 4 dicas de acompanhamentos

Geleia de pimenta combina com o que? 4 dicas de acompanhamentos Geleia de pimenta combina com o que? 4 dicas de acompanhamentos

De sabor adocicado levemente picante, a geleia de pimenta é um ótimo acompanhamento para lanches com queijos, pães e carnes, pois concede um toque mais...

> Leia mais