Comer bem não é comer bastante! Veja dicas para se alimentar melhor

O ideal é levar lanches e marmitas saudáveis para o trabalho, pois assim você se alimenta com mais frequência e evita a compulsão alimentar
O ideal é levar lanches e marmitas saudáveis para o trabalho, pois assim você se alimenta com mais frequência e evita a compulsão alimentar
Jéssica Pimentel

Consultor:

Jéssica Pimentel

Graduada pela Universidade Federal Fluminense (UFF), possui pós-graduação em Nutrição Clínica Funcional pela VP - Universidade Cruzeiro do Sul (UNICSUL)

Buscar uma alimentação saudável é a meta de muita gente, né? Só que, muitas vezes, fica difícil ponderar as quantidades e descobrir quais alimentos são essenciais na rotina. Para saber dicas de como se alimentar bem (mas fugindo das grandes quantidades) nós conversamos com a nutricionista Jéssica Pimentel, que contou dicas muito importantes para quem quer ter um estilo de vida mais equilibrado. Confira e aprenda!

Não pule refeições e tenha sempre um lanche na bolsa para aliviar a fome

Para que você não corra o risco de exagerar na alimentação, o ideal é manter uma rotina regrada - comendo a cada 3 horas, por exemplo. De acordo com a nutricionista Jéssica Pimentel, é importante ter sempre um lanche na bolsa para o dia a dia. "Uma das principais dicas é não pular refeições. O ideal é que você tenha um snack saudável na bolsa e planeje bem a marmita que vai levar no dia a dia. Isso vai fazer com que você não chegue morrendo de fome para as próximas refeições e acabe comendo mais. Lembre-se: jejum de longo prazo diminui o nosso controle de saciedade", conta a profissional.

Não faça restrições alimentares sem consultar um nutricionista

Outra dica importante é nunca montar a própria rotina de alimentação sem consultar um nutricionista. Caso você monte uma dieta desequilibrada os hormônios podem se desregular, fazendo com que a fome também aumente. "Evite fazer dietas restritivas por conta própria! A restrição calórica excessiva leva à queda de serotonina, que é o neurotransmissor da 'felicidade'. Com a queda da serotonina, é possível que apareça a compulsão alimentar", explica Jéssica.

Procure controlar o estresse para não descontar na alimentação

Muita gente esquece, mas também é importante cuidar da mente e tratar de problemas como estresse e ansiedade. De acordo com a nutricionista, o estresse pode desencadear uma série de problemas - inclusive a compulsão alimentar.

"É importante que você fique de olho no estresse. Quando estamos muito estressados, temos a tendência de procurar por alimentos ricos em carboidratos que não são saudáveis, principalmente os ricos em açúcar. Quando sentir que o estresse está chegando, uma boa dica é abusar de chás calmantes e castanhas. Se for recorrer ao chocolate, dê preferência àqueles que possuem um teor mais alto de cacau, como os acima de 70%. O cacau também ajuda a diminuir cortisol, o hormônio do estresse", explica a profissional.

Invista em boas noites de sono para não desregular os hormônios

Você sabia que o sono também é importante para manter uma boa alimentação? A nutricionista explica por que isso ocorre: "Outra dica importante é procurar ter boas noites de sono. Dormir pouco desregula os hormônios e o corpo como todo. Quando dormimos poucas horas por dia, elevamos os níveis de cortisol e de grelina - aumentando, assim, a sensação de fome e a busca por alimentos calóricos", conta.

Dê preferência aos açúcares naturais para preparar doces, adoçar sucos e cafés

Outra dica interessante é tomar uma postura mais seletiva na hora de adoçar os alimentos. De acordo com Jéssica, os adoçantes artificiais podem prejudicar a saúde do corpo e, por isso, devem ser evitados sempre que possível.

"Adoçantes artificiais podem aumentar indiretamente a sua fome. O adoçante provoca aumento de insulina e, com isso, seu corpo também aumenta os níveis de adrenalina e cortisol. O que irá aumentar a fome e a compulsão por doce. Além disso, os adoçantes artificiais desregulam os nossos hormônios. Por isso, o mais indicado é que você dê preferência aos açúcares e adoçantes naturais", comenta a profissional.

Coma devagar para que o seu corpo registre os sinais de saciedade

Para não exagerar demais na comida, outra dica importante é atentar à forma que você come. Segundo a nutricionista, uma boa dica é mastigar devagar para que, assim, você não acabe comendo mais do que o necessário. "Atenção na hora da refeição! Não coma com pressa e mastigue bem os alimentos. Com uma mastigação mais lenta, o seu corpo terá mais tempo de captar os sinais de saciedade. Além disso, vale destacar que os sentidos do corpo (visão, olfato, paladar) também auxiliam na mensagem para gerar saciedade", finaliza Jéssica.

Últimas
Receitas
Ver Mais

Últimas Matérias

Como fazer óleo de abacate e usá-lo na alimentação diária

Como fazer óleo de abacate e usá-lo na alimentação diária Como fazer óleo de abacate e usá-lo na alimentação diária

Indicado para fortalecer a imunidade, favorecer a perda de peso e a saúde da pele, o óleo de abacate é um ingrediente natural altamente nutritivo que pode (e...

> Leia mais
O que é Inktober? Conheça quem aderiu ao desafio de desenhar todos os dias

O que é Inktober? Conheça quem aderiu ao desafio de desenhar todos os dias O que é Inktober? Conheça quem aderiu ao desafio de desenhar todos os dias

Desde 2009, um desafio anual que incentiva a prática de desenhos e ilustrações durante o mês de outubro vem conquistando milhares de artistas ao redor do...

> Leia mais
Manteiga é fonte de vitamina A! Entenda se ainda assim ela é benéfica

Manteiga é fonte de vitamina A! Entenda se ainda assim ela é benéfica Manteiga é fonte de vitamina A! Entenda se ainda assim ela é benéfica

Ter o hábito de passar manteiga em pães e biscoitos no dia a dia não é necessariamente prejudicial à saúde. Apesar de ser comumente tachada como gordurosa e...

> Leia mais
6 frutas com D para variar no cardápio

6 frutas com D para variar no cardápio 6 frutas com D para variar no cardápio

O universo das frutas é tão amplo e diverso que existe até mesmo uma área científica da horticultura, chamada de pomologia, que é dedicada exclusivamente...

> Leia mais
Chá de poejo serve para relaxar e ajuda na respiração! Conheça outros benefícios

Chá de poejo serve para relaxar e ajuda na respiração! Conheça outros benefícios Chá de poejo serve para relaxar e ajuda na respiração! Conheça outros benefícios

Dono de nomes populares, como hortelãzinho, menta-selvagem e erva-de-são-lourenço, o poejo (Mentha pulegium) é uma planta medicinal muito conhecida por conta...

> Leia mais
Transtorno alimentar infantil existe! Saiba como tratá-lo

Transtorno alimentar infantil existe! Saiba como tratá-lo Transtorno alimentar infantil existe! Saiba como tratá-lo

Engana-se quem pensa que distúrbios relacionados à alimentação (como anorexia ou bulimia) atingem apenas adolescentes e adultos. Desde a infância, é possível...

> Leia mais
O que são alimentos reguladores e por que é importante consumi-los

O que são alimentos reguladores e por que é importante consumi-los O que são alimentos reguladores e por que é importante consumi-los

Você já ouviu falar nos alimentos reguladores? Responsáveis por regular as diferentes funções do organismo (como digestão e circulação sanguínea), eles...

> Leia mais
Existem alimentos sem nutrientes? Descubra o que é melhor evitar consumir

Existem alimentos sem nutrientes? Descubra o que é melhor evitar consumir Existem alimentos sem nutrientes? Descubra o que é melhor evitar consumir

Você já parou para pensar se todos os alimentos são realmente nutritivos - isto é, fornecem minerais, vitaminas, fibras, proteínas ou carboidratos para a...

> Leia mais
Como preparar tapioca de diferentes tipos

Como preparar tapioca de diferentes tipos Como preparar tapioca de diferentes tipos

Quando se trata de preparar um lanche mais leve, rápido e livre de glúten (indicado para celíacos), a tapioca é uma das melhores opções - pode ser recheada...

> Leia mais
As receitas de salada de frutas simples e incrementadas

As receitas de salada de frutas simples e incrementadas As receitas de salada de frutas simples e incrementadas

Substituir sobremesas calóricas (como sorvetes, bolos e biscoitos) pela salada de frutas é uma ótima dica para quem quer cuidar melhor da alimentação. Rica...

> Leia mais