Com quantos anos pode começar a fazer academia? Saiba quando é indicado malhar

Crianças e adolescentes entre 15 e 16 anos podem frequentar academia e fazer exercícios mais leves com pesos e halteres
Crianças e adolescentes entre 15 e 16 anos podem frequentar academia e fazer exercícios mais leves com pesos e halteres

Você já parou para pensar a partir de que idade é indicado começar a fazer academia? Desde a infância, é fundamental praticar exercícios físicos - principalmente aeróbicos e atividades mais recreativas, como natação, corrida, tênis, futebol, vôlei e artes marciais. Em alguns casos, no entanto, crianças e adolescentes tendem a gostar e a procurar por exercícios de musculação. Mas será que isso realmente é indicado? Afinal, com quantos anos pode começar a fazer academia? Para responder essas questões, nós preparamos uma matéria esclarecendo a partir de que idade se recomenda a prática regular de musculação e outras atividades de força/resistência.

Afinal, a partir de que idade pode fazer academia?

É importante destacar que, na verdade, não existe uma idade mínima estabelecida para iniciar a prática regular de atividades físicas na academia. No entanto, quando se trata de crianças e adolescentes (que ainda estão em fase de formação e crescimento), é necessário tomar algumas precauções referentes à intensidade, ao tempo e à frequência com que o exercício em questão é praticado.

Até os 10 anos deve-se praticar atividades mais lúdicas na academia

A principal recomendação para que uma criança de até 10 anos cresça saudável é ter uma rotina de exercícios mais lúdicos na academia - como aulas de natação, artes marciais, de escalada e outras que visam mais o desenvolvimento do equilíbrio, coordenação motora, disciplina e aumento da força óssea e muscular. Aqui, não é recomendável fazer exercícios estritamente de musculação - como stiff convencional ou atividades com halteres e barras. No entanto, sempre é possível usar o bom senso!

A partir dos 16 anos é possível fazer exercícios de musculação com acompanhamento

Outra recomendação importante é que meninos de até 15 ou 16 anos, que estão passando pela fase de estirão, devem tomar mais cuidado com o tipo de exercício que praticam. O mesmo serve para meninas antes da primeira menstruação (que também estão em fase de crescimento). Após esse período, os jovens podem começar a fazer atividades de musculação mais leves, sempre sob a supervisão de um profissional da educação física. Nesse caso, as séries devem ser menos intensas, com cargas menores, e podem ir aumentando gradativamente.

O mais importante é que esse processo seja feito em conjunto com um médico e um personal trainer, de preferência. Vale destacar que, caso os exercícios sejam praticados de forma muito excessiva e extenuante, é possível que isso prejudique o desenvolvimento do adolescente - afetando a produção e circulação do hormônio do crescimento (GH), por exemplo. Por isso, a introdução às atividades de musculação na academia devem ser feitas de forma gradual e bem responsável.

Quais são os principais cuidados que adolescentes devem ter na prática de exercícios?

De acordo com a Sociedade Brasileira de Pediatria (SBP), crianças e adolescentes devem dedicar 60 minutos diários para praticar exercícios de intensidade moderada - como andar de bicicleta, correr, saltar, fazer aulas de natação e outras atividades lúdicas. Além disso, recomenda-se a prática de exercícios que trabalham força e resistência - podendo-se usar pesos e halteres mais leves - ao menos duas vezes por semana. Esses exercícios são feitos com uma carga bem moderada e propõem, principalmente, a melhora do condicionamento físico e o aperfeiçoamento de certos movimentos. Em suma, crianças a partir dos 6 anos podem frequentar a academia de forma regular, mas as atividades realizadas devem ser majoritariamente aeróbicas e sempre acompanhadas por um profissional da educação física.

Últimas
Receitas
Ver Mais

Últimas Matérias

Gingerol: para que serve? Saiba mais sobre esse anti-inflamatório natural

Gingerol: para que serve? Saiba mais sobre esse anti-inflamatório natural Gingerol: para que serve? Saiba mais sobre esse anti-inflamatório natural

Encontrado no gengibre fresco, o gingerol é uma substância de ação antioxidante que traz uma série de benefícios para o organismo. Ele é o responsável por...

> Leia mais
Cominho preto tem ação antioxidante! Conheça melhor o tempero e seus benefícios

Cominho preto tem ação antioxidante! Conheça melhor o tempero e seus benefícios Cominho preto tem ação antioxidante! Conheça melhor o tempero e seus benefícios

Você sabe o que é Nigella sativa? Também conhecido como cominho preto, a planta famosa por virar tempero faz parte de diversas receitas para uma alimentação...

> Leia mais
Tomar vinagre de maçã em jejum traz benefícios? Nutricionista esclarece dúvida

Tomar vinagre de maçã em jejum traz benefícios? Nutricionista esclarece dúvida Tomar vinagre de maçã em jejum traz benefícios? Nutricionista esclarece dúvida

Você já deve ter pesquisado como tomar vinagre de maçã para emagrecer, certo? Afinal, dizem por aí que tomar uma colher de vinagre de maçã em jejum traz...

> Leia mais
8 alimentos que tiram o sono e devem ser evitados por quem tem insônia

8 alimentos que tiram o sono e devem ser evitados por quem tem insônia 8 alimentos que tiram o sono e devem ser evitados por quem tem insônia

Você conhece os alimentos que tiram o sono e são considerados os inimigos de quem sofre com insônia? Não sei se você já parou para pensar que a dificuldade...

> Leia mais
O que é pitomba e quais seus benefícios? Conheça essa fruta exótica do Nordeste

O que é pitomba e quais seus benefícios? Conheça essa fruta exótica do Nordeste O que é pitomba e quais seus benefícios? Conheça essa fruta exótica do Nordeste

Espécie nativa da Caatinga, Cerrado, Amazônia e Mata Atlântica, a pitomba, também chamada de olho de boi, é o fruto da pitombeira (Talisia esculenta) - uma...

> Leia mais
Açúcar demerara: o que é e quais são seus benefícios

Açúcar demerara: o que é e quais são seus benefícios Açúcar demerara: o que é e quais são seus benefícios

Quando se trata de escolher um tipo de açúcar mais saudável para incluir no cardápio, faz todo sentido recorrer ao demerara. Considerado uma versão mais...

> Leia mais
Banana dá gases? Entenda se a fruta pode gerar flatulência

Banana dá gases? Entenda se a fruta pode gerar flatulência Banana dá gases? Entenda se a fruta pode gerar flatulência

Você sabia que existem alimentos que causam gases quando consumidos de forma excessiva (ou preparados de forma equivocada)? As leguminosas, em especial,...

> Leia mais
Existem diferentes tipos de chuchu? Saiba mais sobre as variedades desse fruto

Existem diferentes tipos de chuchu? Saiba mais sobre as variedades desse fruto Existem diferentes tipos de chuchu? Saiba mais sobre as variedades desse fruto

É comum que alimentos orgânicos apresentem variações em tamanho e cor quando vamos às compras no mercado, mas você sabia que existem diferentes tipos de...

> Leia mais
Como tratar síndrome do pânico com exercícios? Psicóloga dá dicas

Como tratar síndrome do pânico com exercícios? Psicóloga dá dicas Como tratar síndrome do pânico com exercícios? Psicóloga dá dicas

Você sabe o que é síndrome do pânico e quais sintomas esse transtorno causa? Caracterizado por crises de ansiedade, que provocam uma forte sensação de medo e...

> Leia mais
Flor de capuchinha é fonte de minerais! Descubra para que serve essa PANC

Flor de capuchinha é fonte de minerais! Descubra para que serve essa PANC Flor de capuchinha é fonte de minerais! Descubra para que serve essa PANC

Que tal incluir PANCs (Plantas Alimentícias Não Convencionais) no seu cardápio diário? Existem folhas, flores e diferentes vegetais que pouca gente conhece,...

> Leia mais