Ciclo do carboidrato: Entenda a dieta cetogênica para emagrecer

Conhecida internacionalmente como
Conhecida internacionalmente como
Conhecida internacionalmente como
Conhecida internacionalmente como
Conhecida internacionalmente como
Conhecida internacionalmente como
Conhecida internacionalmente como "carb-cycling", a dieta cetogênica se caracteriza por uma alimentação regida através de carboidratos, com períodos de consumo alto ou moderado do nutriente, conforme as necessidades do organismo.
Conhecida internacionalmente como
Conhecida internacionalmente como
Conhecida internacionalmente como
Conhecida internacionalmente como
Conhecida internacionalmente como
Conhecida internacionalmente como

Produto recomendado

Farelo de aveia oat bran Taeq 250g

Farelo de aveia oat bran Taeq 250g

Botão do Pão de Açúcar Delivery
Dentre as inúmeras dietas que encontramos hoje, muitas defendem o corte radical de carboidratos na alimentação. Mas, calma! Como toda boa nutrição requer equilíbrio, essa importante substância não pode ser desprezada em nosso dia a dia, principalmente quando os assuntos estão relacionados à energia corporal e ao fortalecimento e, até, prevenção de dores nos músculos. Menos rigoroso do que os demais regimes, o ciclo do carboidrato, ou dieta cetogênica, é ideal para quem pratica atividades esportivas e busca reduzir a gordura do corpo sem prejudicar o desempenho físico.

Conhecida internacionalmente como "carb-cycling", essa dieta se caracteriza por uma alimentação regida através de carboidratos, com períodos de consumo alto ou moderado do nutriente, conforme as necessidades do organismo. A nutricionista Duane Braga, especializada em nutrição esportiva, destaca a importância de manter esse grupo alimentar no cardápio:

"O carboidrato é a nossa energia primária. É o combustível do corpo que é armazenado apenas em quantidades muito pequenas em forma de glicogênio no fígado e músculos. Dietas que limitam excessivamente a ingestão de carboidratos ocasionam rápida redução do peso corporal, porém podem levar ao surgimento da cetose, que é o processo em que o corpo passa a usar a gordura (e não mais os carboidratos) como fonte primária de energia", disse a profissional.


Ciclo da dieta cetogênica


A dieta cetogênica funciona da seguinte maneira: os dias nos quais são ingeridos mais carboidratos (alto carbo) há maior crescimento muscular; já nos períodos de menor consumo, há menos ganho de gordura, ou até mesmo perda dela. O resultado desse conjunto de acontecimentos reflete no emagrecimento por meio de perda de gordura corporal (massa gorda) e também por depleção do seu compartimento de massa muscular (massa magra).


"O corpo entra em cetose, aproximadamente, três dias após o início de uma dieta pobre em carboidratos. Com isso, durante uma atividade física, o indivíduo não terá resistência para fazer exercícios pois não tem nenhuma reserva energética. Neste ciclo, após o corpo entrar em cetogênese, seis dias comendo muita proteína e muita gordura e mantendo os carboidratos em índices baixíssimos, a pessoa alternará para um ciclo de um dia comendo muita proteína, muito carboidrato e pouca gordura. Fazendo isso, ela acumulará um estoque de carboidratos para os exercícios da semana", explica a nutricionista.

Benefícios e cuidados com a dieta

Quando comparada às outras dietas, o ciclo de carboidrato tem a vantagem de não restringir nenhum macronutriente. Além disso, não precisa de uma data validade, podendo ser incorporada a uma mudança de estilo de vida. Outros benefícios dela podem ser notados nos aspectos fisiológicos e psicológicos. Contudo, a Dra. Duane recomenda alguns cuidados antes de começar o regime:

"Qualquer mudança dietética, sabendo que fisiologicamente cada organismo responde de formas e em tempo diferente, requer adaptação. Este tipo de dieta altera o sistema endócrino, alterando as vias normais de secreção de hormônios, e isso tem seu preço. Uma reeducação alimentar, com uma dieta equilibrada associada à prática de atividades físicas, pode não apresentar resultados tão imediatos, porém conferirão autonomia, o que possibilitará sustentar-se ao longo da vida sem nenhum fator prejudicial", destacou.

Para deixar sua dieta cetogênica cíclica ainda melhor, aposte em carboidratos bons, que fornecem não apenas energia, mas nutrientes também. São eles:

Arroz integral: Dá mais força aos músculos na hora da contração muscular. Além disso, por sua boa quantidade de fibras, auxilia o emagrecimento, principalmente da região abdominal.

Aveia: As fibras solúveis e insolúveis desse cereal preenchem o estômago sem consumir muitas calorias, aumentando, de forma saudável, a sensação de saciedade.

Batata-doce: Fornece energia com carboidratos saudáveis e sem elevar muito o açúcar no sangue. Por isso, a batata-doce é uma excelente opção para quem malha e em pequenas quantidades.

Frutas de baixo índice glicêmico: Frutas como maçã, cereja, morango, pera e ameixa evitam que se tenha fome a toda a hora ajudando a emagrecer, a fazer melhores escolhas alimentares e a ter uma alimentação mais saudável.

Macarrão integral: Preserva as propriedades nutricionais do trigo, por isso tem fibras na massa que diminuem a velocidade da digestão do carboidrato.

Pão integral: A quebra do carboidrato presente no pão é mais lenta, resultando em um controle maior da glicemia (açúcar no sangue).

Quinoa: As fibras presentes na quinoa demoram mais que os carboidratos para serem transformados em glicose, evitando picos de insulina e adiando a fome.

Mais noticias com...
Receitas:
Arroz
Ver Mais

Últimas Matérias

Suco de graviola: 6 receitas refrescantes e nutritivas com a fruta

Suco de graviola: 6 receitas refrescantes e nutritivas com a fruta Suco de graviola: 6 receitas refrescantes e nutritivas com a fruta

Preparar sucos naturais é uma ótima alternativa para refrescar nos dias mais quentes e manter o corpo hidratado. E, para variar no cardápio de bebidas, que...

> Leia mais
Como comemorar o Dia dos Pais de forma criativa sem sair de casa

Como comemorar o Dia dos Pais de forma criativa sem sair de casa Como comemorar o Dia dos Pais de forma criativa sem sair de casa

Tem coisa melhor que passar o Dia dos Pais junto com a família contando histórias, comendo, fazendo jogos e brincadeiras? A melhor parte é que nem é preciso...

> Leia mais
Os nutrientes do eryngui e como preparar esse cogumelo

Os nutrientes do eryngui e como preparar esse cogumelo Os nutrientes do eryngui e como preparar esse cogumelo

Usar cogumelos para incrementar receitas veganas ou vegetarianas é sempre uma boa opção. Afinal, eles acrescentam muito em termos nutricionais e agregam mais...

> Leia mais
Mozarela de búfala tem lactose? Saiba tudo sobre esse queijo

Mozarela de búfala tem lactose? Saiba tudo sobre esse queijo Mozarela de búfala tem lactose? Saiba tudo sobre esse queijo

Você sabia que a mozarela de búfala é um dos tipos de queijos brancos mais consumidos do mundo? Conhecida pela sua textura cremosa e suculenta, ela tem como...

> Leia mais
Macarrão sem farinha de trigo: 4 opções ótimas para celíacos

Macarrão sem farinha de trigo: 4 opções ótimas para celíacos Macarrão sem farinha de trigo: 4 opções ótimas para celíacos

Você sabia que é possível preparar receitas de macarrão sem necessariamente usar farinha de trigo? Quem é celíaco, por exemplo, deve passar longe de pratos...

> Leia mais
6 lanches veganos supernutritivos para comer a qualquer hora

6 lanches veganos supernutritivos para comer a qualquer hora 6 lanches veganos supernutritivos para comer a qualquer hora

Às vezes pode parecer difícil seguir uma dieta vegana e ter tempo para preparar lanches sem ingredientes de origem animal durante a correria do dia a dia....

> Leia mais
O que é sagu? Conheça a fécula muito usada no preparo de sobremesas gaúchas

O que é sagu? Conheça a fécula muito usada no preparo de sobremesas gaúchas O que é sagu? Conheça a fécula muito usada no preparo de sobremesas gaúchas

Se você gosta de experimentar comidas típicas de diferentes regiões do Brasil, é bem provável que já conheça o sagu - uma sobremesa feita com vinho tinto...

> Leia mais
Pimenta-rosa: 5 benefícios dessa planta brasileira na sua alimentação

Pimenta-rosa: 5 benefícios dessa planta brasileira na sua alimentação Pimenta-rosa: 5 benefícios dessa planta brasileira na sua alimentação

Fruto da aroeira-vermelha, a pimenta-rosa é uma planta brasileira de ardência leve, sabor adocicado e aparência delicada. Mas além de características e...

> Leia mais
4 receitas com coco ralado fresco que são supernutritivas

4 receitas com coco ralado fresco que são supernutritivas 4 receitas com coco ralado fresco que são supernutritivas

Considerado um superalimento, o coco é uma fruta das frutas mais nutritivas que existe. Ele é rico em minerais importantes como cálcio, magnésio, cobre,...

> Leia mais
5 livros para relaxar a mente e deixar os dias mais tranquilos

5 livros para relaxar a mente e deixar os dias mais tranquilos 5 livros para relaxar a mente e deixar os dias mais tranquilos

Criar o hábito de ler livros de diferentes temas no dia a dia pode ser mais benéfico do que você imagina. Além de ser uma forma de aprender, desenvolver...

> Leia mais