Branqueamento dos vegetais: Para que serve essa técnica de conservação? Entenda!

A técnica de branqueamento pode preservar em até 6 meses as composições nutricionais dos alimentos. Veja como fazer da maneira correta o congelamento dos vegetais!
A técnica de branqueamento pode preservar em até 6 meses as composições nutricionais dos alimentos. Veja como fazer da maneira correta o congelamento dos vegetais!
Paola Lisbôa

Consultor:

Paola Lisbôa

Nutricionista formada pela Unigranrio, possui pós-graduação em Nutrição Clínica e Funcional pela VP Consultoria e em Metabolismo e Emagrecimento pela Uniguaçu, e atualmente está se especializando em Nutrição Comportamental no Instituto NC

Congelar alimentos na geladeira, principalmente o grupo dos vegetais, é uma prática muito saudável e extremamente funcional de preservar esses ingredientes no dia a dia. No entanto, as pessoas ainda não têm um pleno conhecimento sobre as formas corretas de armazenamento. A técnica do branqueamento, de preparar os alimentos antes de levá-los ao freezer, por exemplo, é uma das maneiras mais eficazes, mas ainda pouco usada, de conservar os nutrientes por muito mais tempo e de forma segura. Entenda como ela funciona!

Optar pela praticidade de congelar os alimentos é uma maneira de ter uma alimentação equilibrada, com produtos naturais, diminuindo consideravelmente o desperdício alimentar. O congelamento, feito da maneira correta, absorve boa parte dos nutrientes dos alimentos, chegando a 70% de preservação, além de não alterar em nada o sabor do produto. Em relação a isso, o branqueamento se destaca entre as mais importantes formas de armazenamento. A nutricionista Paola Lisboa explica como funciona essa técnica que, segundo pesquisas, pode dar sobrevida de até 6 meses aos alimentos:

"O branqueamento é uma técnica de congelar legumes e vegetais ideal para correria do dia a dia. O processo consiste em lavar bem os alimentos e cortá-los em pedaços pequenos. Depois, colocá-los em uma panela de água fervente e esperar até que a água ferva novamente com os vegetais dentro. Espere 2 minutos e retire os alimentos colocando-os de imediato em um recipiente com água gelada e gelo e aguarde mais 2 minutos ou até os alimentos estiverem completamente gelados. Escorra a água e separe os vegetais em pequenas porções para levar ao freezer. É importante que os alimentos sejam identificados com etiquetas contendo a data de congelamento", explica a nutricionista.

Como preparar os alimentos após descongelar?

Refogar é sempre o ideal. Essa técnica intensifica o sabor, agrega nutrientes e torna o prato mais atrativo. Invista nas tradicionais uniões de alho e cebola, salsa e cebolinha, e, claro, aquele toque de azeite extravirgem! Essas combinações são indispensáveis na hora da sua preparação, tornando-as, inclusive, mais práticas de fazer. Você ainda pode inovar acrescentando molho de tomate caseiro ou legumes e vegetais frescos para proporcionar ainda mais sabor!

Quais alimentos não podem ser congelados?

Como toda regra há exceção, com o congelamento não seria diferente. Alguns alimentos como ovos cozidos, maionese e batata não podem ir para o freezer, uma vez que congelados eles perdem a sua textura, cor e até mesmo o sabor. O ideal nesses casos, é preparar apenas o que for consumido na hora, para que não haja o desperdício dos alimentos.

No mais, folhas, legumes, verduras e até pratos prontos podem ser encaminhados para o congelamento, seja para evitar o desperdício ou para facilitar as próximas preparações. Lembrando que os alimentos que forem congelados já temperados, há uma ênfase no sabor e sua textura se torna mais macia, por isso, tenha atenção na quantidade de tempero e no tempo de cozimento.

Mais noticias com...
Receitas:
Cebola
Ver Mais

Últimas Matérias

Dieta alcalina é baseada no pH do corpo! Nutricionista explica se ela é indicada

Dieta alcalina é baseada no pH do corpo! Nutricionista explica se ela é indicada Dieta alcalina é baseada no pH do corpo! Nutricionista explica se ela é indicada

Você sabia que é possível diminuir a acidez do organismo através da alimentação? A dieta alcalina, para quem não conhece, propõe uma alimentação mais natural...

> Leia mais
Óleo de copaíba: para que serve? Seus benefícios e indicações de consumo

Óleo de copaíba: para que serve? Seus benefícios e indicações de consumo Óleo de copaíba: para que serve? Seus benefícios e indicações de consumo

Extraído a partir da árvore copaíba (ou pau-de-óleo), que é nativa da floresta Amazônica, o óleo de copaíba é conhecido por ter várias substâncias...

> Leia mais
Como fazer farinha de grão-de-bico, ingrediente usado em receitas celíacas

Como fazer farinha de grão-de-bico, ingrediente usado em receitas celíacas Como fazer farinha de grão-de-bico, ingrediente usado em receitas celíacas

Buscar ingredientes alternativos para dietas celíacas não é tão difícil quanto parece, sabia? A farinha de grão-de-bico, por exemplo, é uma opção livre de...

> Leia mais
Marmelo: fruta famosa por doce marmelada é rica em fibras! Veja mais nutrientes

Marmelo: fruta famosa por doce marmelada é rica em fibras! Veja mais nutrientes Marmelo: fruta famosa por doce marmelada é rica em fibras! Veja mais nutrientes

Muito consumida no estado de Minas Gerais, a marmelada é um doce de origem portuguesa que, além de saboroso, se destacar por ser rico em fibras, vitaminas A,...

> Leia mais
Está com potássio alto no sangue? Como baixar através da alimentação

Está com potássio alto no sangue? Como baixar através da alimentação Está com potássio alto no sangue? Como baixar através da alimentação

Você sabia que, quando consumido em excesso, o potássio pode ser muito prejudicial à saúde? A hipercaliemia (ou hiperpotassemia), para quem não conhece,...

> Leia mais
Bolo de banana com aveia fit: conheça opções para variar na receita

Bolo de banana com aveia fit: conheça opções para variar na receita Bolo de banana com aveia fit: conheça opções para variar na receita

Preparar sobremesas saudáveis e ao mesmo tempo saborosas não precisa ser algo difícil, sabia? Usando ingredientes mais naturais - como frutas, açúcar de coco...

> Leia mais
Fruta mangostão é exótica e cheia de nutrientes! Conheça seus benefícios

Fruta mangostão é exótica e cheia de nutrientes! Conheça seus benefícios Fruta mangostão é exótica e cheia de nutrientes! Conheça seus benefícios

Originário do sudeste asiático, o mangostão (ou mangostin) é uma fruta exótica bem suculenta, de sabor suave e altamente benéfica para a saúde. Além de ser...

> Leia mais
Para que serve o chá de erva-doce? 5 motivos para passar a consumi-lo

Para que serve o chá de erva-doce? 5 motivos para passar a consumi-lo Para que serve o chá de erva-doce? 5 motivos para passar a consumi-lo

Fonte de propriedades nutritivas e calmantes, o chá de erva-doce é uma bebida cheia de benefícios para a saúde! Assim como os de camomila e alfazema, ele é...

> Leia mais
Como fazer compota de berinjela sem erros

Como fazer compota de berinjela sem erros Como fazer compota de berinjela sem erros

Feita geralmente com a polpa de frutas, legumes e outros vegetais, a compota é um tipo de conserva (que pode ser salgada ou doce) que costuma ser servida com...

> Leia mais
4 frutas com S exóticas ricas em nutrientes

4 frutas com S exóticas ricas em nutrientes 4 frutas com S exóticas ricas em nutrientes

Você já deve ter reparado que existem tantos tipos de frutas ao redor do mundo que listar todas elas parece uma tarefa impossível. Mas para explorar um...

> Leia mais