Boxe, muay thai e MMA: as diferenças entre essas lutas populares em academias

O MMA é a mistura de diversas lutas, o que inclui o boxe e o muay thai
O MMA é a mistura de diversas lutas, o que inclui o boxe e o muay thai

Tudo bem que quando se trata de praticar atividades físicas qualquer exercício é válido. Mas no que diz respeito às lutas, muita gente fica com uma dúvida: afinal, qual a diferença entre boxe, muay thai e MMA? As três modalidades são encontradas com frequência em academias, e por isso ganharam muitos adeptos no Brasil nos últimos anos. Ainda assim, quem ainda não decidiu ainda qual delas quer praticar pode ficar confuso devido às suas semelhanças. Para que isso não ocorra, nós preparamos uma lista mostrando as principais vantagens e diferenças entre cada uma delas:

Boxe usa apenas os punhos em combate

Durante muito tempo essa foi a única modalidade conhecida entre as três. Isso se deve a lutadores que fizeram história, como Muhammad Ali, que chegou a ser eleito "O Desportista do Século" por uma revista estadunidense. Além disso, o sucesso do filme "Rocky" (1976) ajudou a popularizar ainda mais esse tipo de esporte. E aqui no Brasil não poderíamos nos esquecer de Popó, que se tornou um ícone para todas as categorias e não apenas as que ele competia. Mas afinal, o que caracteriza o boxe?

Também conhecido como pugilismo, ele chama a atenção porque apenas os punhos podem ser utilizados durante o combate. Sua prática remonta à Grécia Antiga, já que ele fazia parte dos Jogos Olímpicos da Antiguidade, embora ainda não tivesse as regras e nem o nome que conhecemos hoje. E mesmo que apenas as mãos sejam utilizadas no ataque, isso não significa que quem o pratique possua apenas braços fortes. Ao se movimentar com rapidez, a musculatura de coxas, glúteos e panturrilhas também são trabalhadas, fazendo com que o corpo se exercite como um todo.

Aliás, há alguns boatos relacionados ao boxe que precisam ser desmistificados. O primeiro deles é que o esporte é muito violento, algo que fez com que os homens o dominassem por muito tempo. Mas felizmente nos últimos anos ele ganhou muitas adeptas em todo o Brasil, e isso ajudou a acabar com o mito. Outra questão importante é que ele não era considerado seguro, mas atualmente muitas regras visam o bem-estar do atleta, o que inclui um tempo limitado de rounds. Isso sem falar que não é permitido bater em determinados lugares, como a nuca ou as costas, o que deixa claro que essa ideia de perigo não faz sentido.

Muay thai, ou boxe tailandês, utiliza mais partes do corpo, mas as lutas são sempre em pé

Durante muito tempo, o muay thai era conhecido apenas como "boxe tailandês". O nome também está correto, afinal, embora muay signifique "unir" ele pode ser traduzido para "boxe" ou "luta", e como foi criado na Tailândia o termo também é aplicável. Mas neste caso não são apenas os punhos que são utilizados, já que cotoveladas, chutes e joelhadas são absolutamente permitidos. Mas vale ressaltar que o atleta em momento algum vai ao chão. Assim como ocorre com outros esportes, em especial lutas, sua prática ajuda a desestressar e ainda garante maior velocidade de explosão, além de melhorar o condicionamento físico de quem o pratica. Isso sem falar que também colabora para o desenvolvimento mental.

Mas é claro que ele também possui seus mitos. Um dos mais conhecidos é que quem pratica muay thai tem como objetivo participar de competições. Essa confusão possivelmente se deve ao fato de Anderson Silva ser praticante dessa luta mas ter feito sucesso mundial ao participar de torneios de MMA. A verdade é que assim como ocorre com qualquer arte marcial, é absolutamente opcional participar deles ou não. Aliás, o muay thai também possui graduação, mas as faixas são menores e ficam presas no braço, e não na cintura, como ocorre com o caratê ou o jiu-jitsu, por exemplo.

MMA é a mistura de diversas artes marciais

Por fim temos o MMA, que se popularizou graças ao sucesso relativamente recente do UFC, o Ultimate Fighting Championship, que é a organização responsável pelas competições dessa luta no mundo todo. Aliás, muita gente acha que MMA e muay thai são a mesma coisa, mas esse é um engano comum. O próprio nome entrega sua principal característica, já que MMA significa, em inglês, Artes Marciais Mistas. Logo, ele é uma junção de outras lutas. Isso significa que possui característica não apenas do muay thai, mas também do jiu-jitsu, do caratê, do judô, do wrestling (ou luta profissional), do boxe e até da capoeira, originária do Brasil.

Só tem um problema: muitos acreditam que o MMA se trata de trata de um vale-tudo que ganhou popularidade. Bem, mais ou menos. Embora parte de sua origem seja essa, a luta possui regras claras, e não adianta um simplesmente sair batendo no outro sem se preocupar com o bem-estar mínimo do adversário. A grande questão é que vale utilizar qualquer estilo de luta, mas não fazer qualquer coisa para ganhar. Aliás esse esporte também surgiu graças aos esforços da família Gracie, conhecida por ser a precursora do jiu-jitsu brasileiro. Pois é, nosso país possui parte do mérito da criação da luta.

Se o seu objetivo é começar praticar o MMA, prepare-se para utilizar técnicas tanto em pé quanto no chão. Os treinos são intensos, já que muitas técnicas diferentes precisam ser aprendidas. Com isso, ele também é excelente para tonificar os músculos, ganhar agilidade e, de quebra, perder peso. Isso sem falar na confiança em saber se defender em algum momento de necessidade. Lembrando que você não precisa seguir para o ramo profissional, como fizeram os brasileiros Vitor Belfort, José Aldo e Junior Cigano dos Santos, por exemplo. Afinal, ninguém irá obrigá-lo a competir caso esse não seja o seu interesse.

Últimas
Receitas
Ver Mais

Últimas Matérias

Casca de maracujá: 5 motivos para nunca desperdiçar essa parte fibrosa da fruta

Casca de maracujá: 5 motivos para nunca desperdiçar essa parte fibrosa da fruta Casca de maracujá: 5 motivos para nunca desperdiçar essa parte fibrosa da fruta

Nada mais gostoso que um suco de maracujá para relaxar, não é mesmo? A fruta é famosa pelo seu sabor inigualável e suas propriedades calmantes. Mas o que...

> Leia mais
Receitas com pitaya: 4 opções saudáveis que farão você se deliciar com a fruta

Receitas com pitaya: 4 opções saudáveis que farão você se deliciar com a fruta Receitas com pitaya: 4 opções saudáveis que farão você se deliciar com a fruta

A pitaya é uma fruta deliciosa e ainda pouco conhecida por muita gente. Apelidada de "fruta do dragão", por suas cores diferentes e chamativas e seu aspecto...

> Leia mais
Oca do Peru: os benefícios desse tubérculo famoso na culinária andina

Oca do Peru: os benefícios desse tubérculo famoso na culinária andina Oca do Peru: os benefícios desse tubérculo famoso na culinária andina

Ao ler o nome oca talvez você pense que estamos falando sobre a moradia tradicional indígena, mas não! Também conhecida como oca do Peru, esse tubérculo é...

> Leia mais
Você conhece o glutamato monossódico? Saiba os perigos do realçador de sabor

Você conhece o glutamato monossódico? Saiba os perigos do realçador de sabor Você conhece o glutamato monossódico? Saiba os perigos do realçador de sabor

Você provavelmente já passou por ele sem nem perceber várias vezes. Isso porque esse ingrediente se disfarça sob várias "identidades": realçador de sabor,...

> Leia mais
Alimentos com flúor são bons ou ruins para a saúde? Saiba mais sobre o mineral

Alimentos com flúor são bons ou ruins para a saúde? Saiba mais sobre o mineral Alimentos com flúor são bons ou ruins para a saúde? Saiba mais sobre o mineral

Você com certeza já ouviu falar do flúor na hora de ir ao dentista, ou nas indicações para comprar algum creme ou enxaguante bucal. Porém, apesar de não...

> Leia mais
Marmitas frias para o dia a dia: 6 ideias saudáveis para comer a qualquer hora

Marmitas frias para o dia a dia: 6 ideias saudáveis para comer a qualquer hora Marmitas frias para o dia a dia: 6 ideias saudáveis para comer a qualquer hora

A gente sabe que ser saudável não é uma tarefa fácil em um primeiro momento. Afinal, para que ter trabalho levando comida de casa para o trabalho ou...

> Leia mais
Bactérias na comida são um perigo! Entenda por que armazenar bem os alimentos

Bactérias na comida são um perigo! Entenda por que armazenar bem os alimentos Bactérias na comida são um perigo! Entenda por que armazenar bem os alimentos

Quando você chega do mercado o que faz com as compras? Provavelmente guarda cada alimento no seu respectivo destino, certo? O problema é que às vezes surge...

> Leia mais
Depressão pós-parto e alimentação: os nutrientes que ajudam a evitá-la

Depressão pós-parto e alimentação: os nutrientes que ajudam a evitá-la Depressão pós-parto e alimentação: os nutrientes que ajudam a evitá-la

A cada quatro mães de recém-nascidos brasileiras, uma sofre de depressão pós-parto. Com os hormônios ainda em reajuste, a mulher pode experimentar um período...

> Leia mais
5 aplicativos para lembrar de beber água que vão te ajudar a se manter hidratado

5 aplicativos para lembrar de beber água que vão te ajudar a se manter hidratado 5 aplicativos para lembrar de beber água que vão te ajudar a se manter hidratado

A água representa 70% do nosso organismo e é essencial para o nosso corpo. Inclusive, beber água é, muitas vezes, receituário médico em diversas situações....

> Leia mais
10 benefícios do feijão azuki que valem a pena conhecer

10 benefícios do feijão azuki que valem a pena conhecer 10 benefícios do feijão azuki que valem a pena conhecer

Se tem uma coisa que não pode faltar na casa do brasileiro, decididamente, é o feijão. E por aqui a gente tem vários tipos: feijão preto, branco, manteiga,...

> Leia mais