Batata-doce roxa é boa para que? Saiba por que consumi-la

A batata-doce roxa possui diversos benefícios, sendo indicada até para quem não costuma fazer exercícios
A batata-doce roxa possui diversos benefícios, sendo indicada até para quem não costuma fazer exercícios

Produto recomendado

Batata doce orgânica Taeq 600g

Batata doce orgânica Taeq 600g

Botão do Pão de Açúcar Delivery

Comer frango com batata-doce praticamente se tornou um clichê no prato de quem vai à academia regularmente. Só que muitas vezes a espécie utilizada no preparo da refeição é a branca, que embora seja muito benéfica fica um pouco atrás quando comparada com a roxa. Aliás, nem é preciso gostar de se exercitar para acrescentar essa raiz no prato, já que motivos não faltam para consumir a batata-doce roxa.

Batata-doce roxa é antioxidante

O primeiro fator que diferencia a batata-doce roxa da branca é a a sua coloração. Mas não pense que isso não faz diferença! Essa cor arroxeada se deve à grande quantidade de um pigmento vegetal chamado antocianina, e seu maior benefício é ser um poderoso antioxidante. Isso significa que combate os tão temidos radicais livres, que nada mais são do que moléculas produzidas pelo nosso próprio corpo. A grande questão é que, quando eles estão presentes em grandes quantidades, podem gerar problemas graves para a saúde, já que oxidam a membrana celular.

As consequências são muitas, e podem variar desde o envelhecimento precoce até o surgimento de um câncer. Além disso, o fator antioxidante deixa o sistema imunológico mais forte, o que reduz as chances de o organismo sofrer com os sintomas de alguma doença. Enfim, de uma forma geral a antocianina previne não apenas doenças crônicas como também as cardiovasculares e as cerebrovasculares.

Alimento é rico em fibras

Outra vantagem da batata-doce roxa é que ela é rica em fibras alimentares, substâncias que são muito benéficas para o nosso corpo. Afinal, são elas que dão aquela sensação de saciedade, e por isso costumam estar no cardápio de quem está tentando emagrecer, já que evitam que a pessoa consuma mais do que precisa para o corpo ficar bem. Além disso, ajudam no processo de digestão, evitando tanto a prisão de ventre quanto a diarreia, e acabando com o inchaço estomacal. Por fim, permitem a absorção de nutrientes, o que é essencial para o bom funcionamento do corpo.

Se isso nenhum desses motivos pareceu suficiente para você, saiba que uma alimentação pobre em fibras pode acarretar em diversos problemas de saúde. Afinal, a absorção de vitaminas e minerais será prejudicada. Além da constipação, a falta de fibras pode gerar também diverticulite e câncer de cólon. Lembrando que essas substâncias estão presentes em diversos alimentos, mas o ideal é ter uma dieta balanceada rica em nutrientes, o que pode ser feito através da dieta cromática.

É fonte de vitaminas e minerais

A batata-doce roxa também possui boas quantidades de ferro, potássio e magnésio. Cada um desses minerais traz consigo um benefício diferente, e por isso essa combinação em apenas um alimento é tão boa. O ferro, por exemplo, além de evitar a anemia também aumenta o metabolismo do corpo, e por isso é muito indicado a pessoas que praticam exercícios físicos. Já o potássio atua na contração muscular e na transmissão nervosa, auxiliando também o bom desempenho atlético. Por fim, o magnésio protege contra doenças cardiovasculares e previne as pedras nos rins e na vesícula. Já entendeu por que a batata-doce roxa é tão indicada para quem gosta de academia, né?

E embora tenha as mesmas vitaminas presentes na batata-doce branca, a roxa possui uma quantidade maior das A, C e E. A vitamina A é boa para a visão, além de tornar pele e cabelo mais bonitos. Já a C, além de deixar o corpo mais resiste a gripes e resfriados, ajuda na absorção de ferro pelo organismo. Por fim, a E possui forte fator antioxidante.

Regula a pressão sanguínea

A batata-doce roxa é rica em ácido clorogênico, que é um componente que previne a formação de coágulos de sangue e ajuda a regular a pressão sanguínea. Aliás, de uma forma geral ela reduz os níveis de pressão, e por isso é mais indicada para hipertensos. Lembrando que a raiz pode ser preparada de diversas formas, como frita, assada ou na forma de um purê. Isso permite que ela seja um ingrediente versátil que pode ser acrescentado na dieta diária de qualquer um, já que também não possui glúten ou lactose, sendo indicado também para alérgicos e intolerantes.

Mais noticias com...
Receitas:
Batata
Ver Mais

Últimas Matérias

Suco de graviola: 6 receitas refrescantes e nutritivas com a fruta

Suco de graviola: 6 receitas refrescantes e nutritivas com a fruta Suco de graviola: 6 receitas refrescantes e nutritivas com a fruta

Preparar sucos naturais é uma ótima alternativa para refrescar nos dias mais quentes e manter o corpo hidratado. E, para variar no cardápio de bebidas, que...

> Leia mais
Como comemorar o Dia dos Pais de forma criativa sem sair de casa

Como comemorar o Dia dos Pais de forma criativa sem sair de casa Como comemorar o Dia dos Pais de forma criativa sem sair de casa

Tem coisa melhor que passar o Dia dos Pais junto com a família contando histórias, comendo, fazendo jogos e brincadeiras? A melhor parte é que nem é preciso...

> Leia mais
Os nutrientes do eryngui e como preparar esse cogumelo

Os nutrientes do eryngui e como preparar esse cogumelo Os nutrientes do eryngui e como preparar esse cogumelo

Usar cogumelos para incrementar receitas veganas ou vegetarianas é sempre uma boa opção. Afinal, eles acrescentam muito em termos nutricionais e agregam mais...

> Leia mais
Mozarela de búfala tem lactose? Saiba tudo sobre esse queijo

Mozarela de búfala tem lactose? Saiba tudo sobre esse queijo Mozarela de búfala tem lactose? Saiba tudo sobre esse queijo

Você sabia que a mozarela de búfala é um dos tipos de queijos brancos mais consumidos do mundo? Conhecida pela sua textura cremosa e suculenta, ela tem como...

> Leia mais
Macarrão sem farinha de trigo: 4 opções ótimas para celíacos

Macarrão sem farinha de trigo: 4 opções ótimas para celíacos Macarrão sem farinha de trigo: 4 opções ótimas para celíacos

Você sabia que é possível preparar receitas de macarrão sem necessariamente usar farinha de trigo? Quem é celíaco, por exemplo, deve passar longe de pratos...

> Leia mais
6 lanches veganos supernutritivos para comer a qualquer hora

6 lanches veganos supernutritivos para comer a qualquer hora 6 lanches veganos supernutritivos para comer a qualquer hora

Às vezes pode parecer difícil seguir uma dieta vegana e ter tempo para preparar lanches sem ingredientes de origem animal durante a correria do dia a dia....

> Leia mais
O que é sagu? Conheça a fécula muito usada no preparo de sobremesas gaúchas

O que é sagu? Conheça a fécula muito usada no preparo de sobremesas gaúchas O que é sagu? Conheça a fécula muito usada no preparo de sobremesas gaúchas

Se você gosta de experimentar comidas típicas de diferentes regiões do Brasil, é bem provável que já conheça o sagu - uma sobremesa feita com vinho tinto...

> Leia mais
Pimenta-rosa: 5 benefícios dessa planta brasileira na sua alimentação

Pimenta-rosa: 5 benefícios dessa planta brasileira na sua alimentação Pimenta-rosa: 5 benefícios dessa planta brasileira na sua alimentação

Fruto da aroeira-vermelha, a pimenta-rosa é uma planta brasileira de ardência leve, sabor adocicado e aparência delicada. Mas além de características e...

> Leia mais
4 receitas com coco ralado fresco que são supernutritivas

4 receitas com coco ralado fresco que são supernutritivas 4 receitas com coco ralado fresco que são supernutritivas

Considerado um superalimento, o coco é uma fruta das frutas mais nutritivas que existe. Ele é rico em minerais importantes como cálcio, magnésio, cobre,...

> Leia mais
5 livros para relaxar a mente e deixar os dias mais tranquilos

5 livros para relaxar a mente e deixar os dias mais tranquilos 5 livros para relaxar a mente e deixar os dias mais tranquilos

Criar o hábito de ler livros de diferentes temas no dia a dia pode ser mais benéfico do que você imagina. Além de ser uma forma de aprender, desenvolver...

> Leia mais