Badminton é o esporte que treina corpo e mente e ainda fortalece o organismo

Badminton é um esporte que pode ser jogado por adultos e crianças competitivamente ou de forma improvisada
Badminton é um esporte que pode ser jogado por adultos e crianças competitivamente ou de forma improvisada

Talvez você já tenha ouvido falar do badminton, o esporte similar ao tênis que é jogado com raquetes e uma espécie de peteca, também chamada de volante. Comparado a outros jogos, sua origem é relativamente recente, já que ele surgiu no século XIX. Inicialmente era praticado na Índia como uma forma adaptada de um jogo bem mais antigo, e depois foi levado para a Inglaterra, onde foi batizado e ganhou regras concisas. Mas foi apenas no século XX que o esporte ganhou uma Federação Internacional e só em 1992 se tornou uma modalidade olímpica. Mesmo com esse aumento de popularidade - em especial em países asiáticos -, ainda assim em muitos lugares sua prática não foi difundida, o que é uma pena, pois ele traz diversos benefícios para a saúde.

Badminton melhora habilidades que nada têm a ver com a força

Uma das maiores vantagens do badminton é poder ser jogado em praticamente qualquer lugar. Tudo bem que oficialmente é preciso ter uma quadra específica, mas se a sua intenção é apenas se divertir com amigos o jogo pode muito bem ser improvisado. Além disso, sua raquete é bem leve, e a peteca mais ainda, fazendo com que ele possa ser praticado até por crianças. Sim, isso significa que é possível praticá-lo com os pequenos enquanto eles descarregam toda a energia e você, de quebra, faz um bom exercício.

Afinal, a primeira coisa é preciso saber a respeito do badminton é que ele é um esporte de velocidade. A peteca é jogada entre os campos em uma velocidade impressionante devido ao seu baixo peso, e por isso aqui não é preciso ter tanta força quanto a necessária para praticar tênis - que também é um esporte bem completo -, mas a destreza pode ser um diferencial na hora do embate. Isso faz com que quem o jogue desenvolva mais reflexos, além de ter a inteligência e produtividade aprimoradas. Afinal, como a força não é o mais importante, é necessário criar estratégias para vencer. Com isso, o competidor aumenta o seu foco sem precisar recorrer a técnicas de meditação como o Mindfulness.

Esporte ajuda a perder peso e a tonificar o corpo

Com tanta corrida, não é de se espantar que o badminton seja muito indicado para quem quer perder peso ou mesmo definir os músculos, já que correr e movimentar rapidamente os braços para girar a raquete são um exercício intenso que definem até o abdômen. Uma pessoa de 70 kg, por exemplo, queima em média 400 calorias por hora de jogo, mas isso se ele for praticado sem muito compromisso. Já se o objetivo é fazer um treino com foco competitivo, as calorias queimadas nesse mesmo período ultrapassam as 500. Com isso, ele é ótimo para combater a obesidade, seja ela em adultos ou em crianças.

Badminton traz benefícios ao organismo

Mas seus benefícios vão além de uma questão puramente estética, já que o corpo se beneficia internamente pela sua prática. Isso porque ele reduz os níveis de colesterol ruim e aumenta os de bom, sendo ótimo para a saúde. Aliás, de uma forma geral ele é um esporte muito benéfico para o coração, sendo indicado para quem sofre com hipertensão e reduzindo o risco de ataques cardíacos e até derrames.

O esporte também ajuda na absorção de cálcio ao melhorar a atividade das células que formam os ossos. Com isso, ele também previne a osteoporose, doença que atinge principalmente os idosos, além de fortalecer o sistema imunológico, evitando até a diabetes. Como se não fosse suficiente, sua prática ainda libera endorfina, hormônio responsável pelo prazer que é estimulado, entre outras práticas, através do esporte.

O que é preciso para jogar badminton?

A melhor parte do badminton é que embora tenha regras bem precisas ele pode ser jogado de maneira completamente informal. Para começar a praticá-lo a primeira coisa a ser feita é obter o equipamento necessário, que são a peteca/volante, raquete (que é específica e mais leve que a usada no tênis) e uma rede própria para esse esporte. As principais regras são que o saque deve ser feito na diagonal e que se tocar na rede o ponto vai para o adversário. Mas se você quiser jogar profissionalmente, saiba que os detalhes mais específicos são encontrados no site da Confederação Brasileira de Badminton (CBBd) .

Últimas
Receitas
Ver Mais

Últimas Matérias

Está com sintomas de fraqueza muscular? Por que ela ocorre e como resolvê-la

Está com sintomas de fraqueza muscular? Por que ela ocorre e como resolvê-la Está com sintomas de fraqueza muscular? Por que ela ocorre e como resolvê-la

Apresentar fraqueza muscular - que consiste, basicamente, na perda temporária ou prolongada da força dos músculos e na sensação de cansaço - pode ser um...

> Leia mais
Leite com uva faz mal? Descubra se o temor possui fundamento científico

Leite com uva faz mal? Descubra se o temor possui fundamento científico Leite com uva faz mal? Descubra se o temor possui fundamento científico

Assim como a ideia de que beber leite com manga faz mal para o organismo, a mistura da bebida com uva também tem sido considerada polêmica entre algumas...

> Leia mais
Hormônio GH é bom para o crescimento! Saiba em quais alimentos encontrá-lo

Hormônio GH é bom para o crescimento! Saiba em quais alimentos encontrá-lo Hormônio GH é bom para o crescimento! Saiba em quais alimentos encontrá-lo

Você já parou para pensar em como o organismo funciona durante a fase de crescimento? Muita gente não sabe, mas o famoso "período de estirão" que ocorre na...

> Leia mais
Mexerica e ponkan são a mesma coisa? Conheça essas tangerinas

Mexerica e ponkan são a mesma coisa? Conheça essas tangerinas Mexerica e ponkan são a mesma coisa? Conheça essas tangerinas

Quando se trata de comer frutas ricas em vitamina A, C e antioxidantes, a tangerina (assim como outras cítricas) ganha grande destaque. No entanto, muita...

> Leia mais
Receitas com mirtilo: 3 sugestões para consumir a frutinha no dia a dia

Receitas com mirtilo: 3 sugestões para consumir a frutinha no dia a dia Receitas com mirtilo: 3 sugestões para consumir a frutinha no dia a dia

Conhecido popularmente como a "fruta da longevidade", o mirtilo (ou blueberry) é um alimento cheio de benefícios para a nossa saúde! Ele é considerado um dos...

> Leia mais
Comer ovo todo dia faz mal? Descubra qual a quantidade indicada

Comer ovo todo dia faz mal? Descubra qual a quantidade indicada Comer ovo todo dia faz mal? Descubra qual a quantidade indicada

Presente em uma série de mitos sobre a alimentação, o ovo é um alimento que costuma causar muita controvérsia entre os consumidores. Enquanto algumas pessoas...

> Leia mais
5 frutas com potássio que são boas fontes do mineral

5 frutas com potássio que são boas fontes do mineral 5 frutas com potássio que são boas fontes do mineral

Importante para a saúde dos ossos, nervos e músculos, o potássio é um mineral abundante e extremamente necessário para o nosso organismo. Quem sofre...

> Leia mais
Vitaminas K1, K2 e K3: as diferenças e semelhanças entre elas

Vitaminas K1, K2 e K3: as diferenças e semelhanças entre elas Vitaminas K1, K2 e K3: as diferenças e semelhanças entre elas

Ter uma alimentação rica em vitaminas é fundamental para fortalecer a imunidade e garantir o bom funcionamento do organismo como um todo. O complexo K, em...

> Leia mais
Suco de graviola: 6 receitas refrescantes e nutritivas com a fruta

Suco de graviola: 6 receitas refrescantes e nutritivas com a fruta Suco de graviola: 6 receitas refrescantes e nutritivas com a fruta

Preparar sucos naturais é uma ótima alternativa para refrescar nos dias mais quentes e manter o corpo hidratado. E, para variar no cardápio de bebidas, que...

> Leia mais
Como comemorar o Dia dos Pais de forma criativa sem sair de casa

Como comemorar o Dia dos Pais de forma criativa sem sair de casa Como comemorar o Dia dos Pais de forma criativa sem sair de casa

Tem coisa melhor que passar o Dia dos Pais junto com a família contando histórias, comendo, fazendo jogos e brincadeiras? A melhor parte é que nem é preciso...

> Leia mais