Azeite extravirgem: 8 mitos e verdades sobre os benefícios desse ingrediente!

Você ama azeite? Então desvende algumas dúvidas  frequentes sobre os benefícios do azeite extravirgem para a nossa saúde!
Você ama azeite? Então desvende algumas dúvidas frequentes sobre os benefícios do azeite extravirgem para a nossa saúde!

Um toque de azeite extravirgem faz uma diferença e tanta em nossas receitas do dia a dia, não é mesmo? Um dos alimentos mais consumidos por nós brasileiros, esse tipo de azeite oliva, mais fresco e menos calórico, contudo, ainda é motivo de curiosidades, onde algumas são verdadeiras e outras não. Sempre ligado à alimentação saudável, o ingrediente possui algumas características bem peculiares que valem a pena serem destacadas, enquanto outras precisam ser desmitificadas. Descubra 8 mitos e verdades sobre o azeite extravirgem, seu poderes nutricionais e benefícios para a saúde!

O azeite extravirgem é um ótimo exemplo para a máxima de que em "toda regra, há exceção". Pois, quando falamos em azeites em geral, logo associamos esses produtos às questões de mais ou menos gorduras, quantidade de calorias, formas de uso, etc. Nesses quesitos, a cada dia, estudos comprovam que o consumo moderado da versão extravirgem garante as denominadas "gorduras boas", que beneficiam o organismo, prevenindo, por exemplo, doenças cardiovasculares e, até mesmo, ajudando o emagrecimento. Abaixo, a nutricionista Luciana Novaes separou 8 mitos e verdades sobre os poderes desse ingrediente.

Mitos e verdades sobre o consumo de azeite extravirgem

1 - "Previne doenças crônicas"

Verdade - Rico em agentes antioxidantes, a azeite extravirgem é um potente inibidor de radicais livres, que enfraquecem as defesas do organismo. "Ele é rico em ômega-9, além de outras substâncias importantes que são antioxidantes como tocoferóis, compostos fenólicos, vários minerais e vitaminas do complexo B. Um bom azeite, consumido de forma correta, auxilia na redução da incidência de doenças crônicas não transmissíveis, como enfermidades cardiovasculares, hipertensão, reumatismo, osteoporose, cânceres e diabetes", explica a profissional.

2 - "Ajuda a perder a barriga"

Mito – A ciência ainda não comprovou essa tese, no entanto, alguns estudos apontam que o consumo em pequena quantidade e de modo regular auxilia na diminuição da gordura visceral. Contudo, não há uma conclusão determinante sobre esse ponto.

3 - "O azeite não deve ser usado em frituras"

Verdade - Quando aquecido por um longo período, o azeite perde suas características benéficas e sua gordura não é mais consideradas adequada para o consumo.

4 - "Posso consumir azeite à vontade, porque ele faz bem à saúde"

Mito - Apesar dele fazer bem, continua sendo um produto de muita caloria, por isso, de acordo com a Dra. Luciana, 2 colheres de sopa por dia já será uma quantidade suficiente para trazer benefícios a saúde. "Não existe nenhum produto que consumido em excesso será benéfico", ressalta a profissional.

5 - "O azeite é melhor do que o óleo de soja"

Verdade – O azeite extravirgem é superior aos outros óleos vegetais (soja, canola, girassol...) por possuir uma combinação de elementos importantes a nossa saúde. Mas se for utilizar fritura, os outros óleos acabam sendo melhores para esse fim por aguentar temperaturas maiores sem perder suas características.

6 - "O azeite de cor verde é melhor do que o dourado"

Mito – A cor do azeite tem a ver com a utilização da azeitona verde ou madura, não trazendo qualquer influência sobre a qualidade do produto final.

7 - "Consumir azeite é bom para o cérebro"

Verdade – Como é um produto rico em antioxidantes, ele consegue preservar por mais tempo a função cerebral. "Para se ter esse efeito é necessário um consumo regular, em pequenas doses de 1 a 2 colheres de sopa por dia", indica a nutricionista

8 - "O melhor azeite extravirgem é o extraído por primeira prensagem"

Mito – Pela legislação, todo azeite extravirgem é obtido através de modo mecânico como a prensagem, não sendo a quantidade de prensagens no fruto que garantirá a qualidade. O que é interessante é a informação de que a prensagem é a frio, preservando assim os compostos benéficos do produto.

Últimas
Receitas
Ver Mais

Últimas Matérias

Como montar uma tábua de frios saudável para receber os amigos em casa

Como montar uma tábua de frios saudável para receber os amigos em casa Como montar uma tábua de frios saudável para receber os amigos em casa

Receber os amigos em casa é sempre algo divertido, né? Mas para que o encontro seja ainda mais agradável, nada melhor que preparar um lanchinho ou uma mesa...

> Leia mais
5 programas que são a cara do outono e que você deveria adotar

5 programas que são a cara do outono e que você deveria adotar 5 programas que são a cara do outono e que você deveria adotar

A chegada do outono é sempre gostosa, né? A estação traz consigo uma temperatura mais amena e um climinha ótimo para fazer um pouco de tudo - ficar em casa...

> Leia mais
Abrótano: para que serve e como consumir essa planta fitoterápica

Abrótano: para que serve e como consumir essa planta fitoterápica Abrótano: para que serve e como consumir essa planta fitoterápica

Você já ouviu falar no abrótano? De nome científico Artemisia abrotanum, essa planta medicinal é muito usada no preparo de chás. Ela é originária da Ásia,...

> Leia mais
Quer comer melhor? Aprenda a adaptar receitas para fazer pratos mais saudáveis

Quer comer melhor? Aprenda a adaptar receitas para fazer pratos mais saudáveis Quer comer melhor? Aprenda a adaptar receitas para fazer pratos mais saudáveis

Existem algumas receitas saborosas - como frituras e doces - que acabam sendo muito calóricas e maléficas para o organismo. Isso porque elas são fontes de...

> Leia mais
Como fazer feijão e grão-de-bico? As dicas para preparar leguminosas sem erros

Como fazer feijão e grão-de-bico? As dicas para preparar leguminosas sem erros Como fazer feijão e grão-de-bico? As dicas para preparar leguminosas sem erros

Para quem é vegano ou vegetariano é muito importante incluir leguminosas no cardápio diário. Elas são fontes importantes de ferro, proteínas e garantem uma...

> Leia mais
Unha de gato: o que é e para que serve essa planta medicinal

Unha de gato: o que é e para que serve essa planta medicinal Unha de gato: o que é e para que serve essa planta medicinal

Pertencente ao universo das plantas medicinais, a unha de gato é uma erva muito usada em tratamentos fitoterápicos - sendo consumida em forma de chá ou...

> Leia mais
Desafio: viciada em refrigerante fica 7 dias sem a bebida e conta o que mudou

Desafio: viciada em refrigerante fica 7 dias sem a bebida e conta o que mudou Desafio: viciada em refrigerante fica 7 dias sem a bebida e conta o que mudou

Com que frequência você bebe refrigerante? No caso da cineasta Nathália Souza, de 26 anos, a resposta é "todos os dias". "Na época de faculdade bebia de duas...

> Leia mais
Qual o melhor horário para tomar sol? Saiba como absorver mais vitamina D

Qual o melhor horário para tomar sol? Saiba como absorver mais vitamina D Qual o melhor horário para tomar sol? Saiba como absorver mais vitamina D

Você já deve ter ouvido falar sobre a importância de tomar sol. Afinal, a exposição aos raios solares ativa a produção de vitamina D que, por sua vez,...

> Leia mais
Comida coreana: 4 pratos dessa gastronomia, que vem se popularizando no Brasil

Comida coreana: 4 pratos dessa gastronomia, que vem se popularizando no Brasil Comida coreana: 4 pratos dessa gastronomia, que vem se popularizando no Brasil

Experimentar pratos de culinárias diferentes é sempre algo interessante. As comidas coreanas, em especial, vêm se popularizando bastante no Brasil -...

> Leia mais
Como reduzir o sabor amargo dos vegetais durante o seu preparo

Como reduzir o sabor amargo dos vegetais durante o seu preparo Como reduzir o sabor amargo dos vegetais durante o seu preparo

Existem muitos vegetais - como jiló, berinjela e agrião - que têm um sabor mais amargo e, por isso, não agradam o paladar de muitas pessoas (principalmente o...

> Leia mais