Aprenda a escolher as verduras no mercado e a higienizá-las corretamente em casa

Para escolher couve-flor e brócolis mais frescos, você deve se certificar de que as folhas estão mais fechadas, firmes e sem manchas
Para escolher couve-flor e brócolis mais frescos, você deve se certificar de que as folhas estão mais fechadas, firmes e sem manchas

Quando vamos às compras de feira, escolher as verduras, frutas e legumes é sempre uma etapa importante. Isso porque a gente precisa optar por aquelas que estejam em melhores condições - mais maduras, frescas e que sejam, de preferência, orgânicas (livres de agrotóxicos). Além disso, você também não pode se esquecer de higienizar os alimentos de forma correta, para eliminar bem todas as sujeiras e bactérias. Para te ajudar nessas duas etapas - na escolha e na lavagem das verduras - a gente separou umas dicas bem práticas. Dá uma conferida!

Verduras devem ter uma cor mais viva

O grupo das verduras é formado pelas folhas que todo mundo já conhece: alface, rúcula, agrião, brócolis, couve, espinafre, couve-flor e por aí vai. Elas são mais fáceis de escolher que as frutas e legumes - pois você só precisa analisar, basicamente, a firmeza dos talos e a coloração das folhas. Manchinhas, por exemplo, já são um indicativo de que a verdura não está em sua melhor condição. Além disso, quanto mais firmes forem os talos, mais frescas serão as folhas. Na hora de comprar, lembre-se de analisar bem todos os lados do alimento para se certificar de que não há nenhuma mancha - fica a dica!

Obs.: Ao contrário do que muita gente pensa, não é indicado lavar as verduras antes de guardá-las na geladeira. Isto porque, quando as folhas estão úmidas e ficam expostas no refrigerador, elas costumam durar bem menos. Por isso, o ideal é lavá-las apenas na hora de consumir mesmo.

Alface não pode estar murcha

Escolher uma alface em bom estado não é nada difícil, basta se certificar de que as folhas não estão murchas ou com manchinhas. Pode reparar que, quando a alface está velha, ela fica com as folhas mais caídas e com manchas marrons nas extremidades. Além disso, você também deve atentar para a coloração do alimento - a alface americana, por exemplo, deve ter um tom de verde mais claro.

Como lavar: A higienização da alface também é supersimples, pois você só precisa lavar as folhas em água corrente, secar com um papel toalha (ou deixar escorrendo) e depois misturar na salada. Muitas pessoas também deixam as folhas de molho com água e vinagre, por cerca de 20 minutos, para eliminar os microrganismos. Depois de deixar de molho, é o mesmo esquema: lave as folhas em água corrente e as seque para consumir.

Brócolis e couve-flor devem estar com as flores fechadas e talos firmes

Para escolher brócolis e couve-flor mais frescos, você deve analisar a textura das folhas e a firmeza dos talos: quando as folhas estão mais fechadas e firmes (em vez de mais macias), significa que a verdura está no ponto para ser consumida. Além disso, o ideal é também escolher essas verduras de acordo com a coloração: o brócolis deve ter uma tonalidade forte de verde-escuro, enquanto a couve-flor deve ser mais clara (em tons de branco ou creme). Antes de comprar, certifique-se de que não há nenhuma manchinha preta ou marrom nos alimentos.

Como lavar: Assim como a alface, o brócolis e a couve-flor também devem ser devidamente higienizados antes de consumidos. Para isso, você só precisa deixá-los debaixo da água corrente ou, então, seguir o mesmo esquema de deixá-los de molho com vinagre por cerca de 20 minutos. Depois, é só secar e consumir na salada ou em outro prato. Muitas pessoas, inclusive, gostam de preparar o brócolis com arroz, macarrão, refogado na manteiga e até mesmo suflês de couve-flor e brócolis gratinados no forno. Tudo isso fica uma delícia!

Rúcula e espinafre também devem estar com as folhas firmes

Assim como as verduras que já citamos, a rúcula e o espinafre devem ser escolhidos seguindo as mesmas dicas: as folhas devem estar firmes e sem manchas e os talos mais duros (nunca quebradiços). Além disso, uma boa dica é verificar a ponta dos caules das plantas - pois, caso eles estejam amarelados, significa que os vegetais já passaram do ponto. Na hora de lavar, você também deve separar as folhas que estão murchas e lavar as outras em água corrente. Seguindo essas dicas, não tem como errar na escolha das verduras!

Últimas
Receitas
Ver Mais

Últimas Matérias

O que é glúten? Faz bem evitar? Nutricionista responde

O que é glúten? Faz bem evitar? Nutricionista responde O que é glúten? Faz bem evitar? Nutricionista responde

Você sabe o que é o glúten? Diferentemente do que é dito comumente, o glúten não é o vilão da alimentação e nem sempre ele precisa ser retirado da rotina...

> Leia mais
Lanche para noite: o que comer antes de dormir

Lanche para noite: o que comer antes de dormir Lanche para noite: o que comer antes de dormir

O lanche da noite é importante para quem costuma acordar com fome de madrugada e acaba perdendo o sono por isso. Também conhecida como ceia da noite, a...

> Leia mais
Pré treino natural com café funciona? Nutricionista responde

Pré treino natural com café funciona? Nutricionista responde Pré treino natural com café funciona? Nutricionista responde

O café está muito presente no dia a dia, mas você já ouviu falar que ele também é indicado como pré treino natural? Investir em alimentos saudáveis antes de...

> Leia mais
Molho de iogurte para salada: prepare em casa com ingredientes naturais

Molho de iogurte para salada: prepare em casa com ingredientes naturais Molho de iogurte para salada: prepare em casa com ingredientes naturais

Comer salada todo dia é um hábito super saudável, mas se o molho que acompanha as folhas não for tão natural quanto elas, o potencial nutricional do prato...

> Leia mais
Granola: benefícios para o organismo que você precisa conhecer

Granola: benefícios para o organismo que você precisa conhecer Granola: benefícios para o organismo que você precisa conhecer

A granola é um alimento orgânico que não pode faltar na cozinha. Isso porque ele é energético e extremamente versátil, podendo fazer parte de diferentes...

> Leia mais
Vegetarianismo infantil: como cuidar da alimentação de uma criança vegetariana

Vegetarianismo infantil: como cuidar da alimentação de uma criança vegetariana Vegetarianismo infantil: como cuidar da alimentação de uma criança vegetariana

O vegetarianismo é uma prática que tem se tornado cada vez mais comum entre o público infantojuvenil. O cardápio exclui qualquer tipo de carne das refeições,...

> Leia mais
Alimentos ricos em proteínas: uma opção para cada dia da semana

Alimentos ricos em proteínas: uma opção para cada dia da semana Alimentos ricos em proteínas: uma opção para cada dia da semana

Os alimentos ricos em proteínas são fundamentais para a manutenção da saúde do organismo. Afinal, os macronutrientes são responsáveis por gerar energia para...

> Leia mais
Chá de alho: para que serve e duas variações poderosas da bebida

Chá de alho: para que serve e duas variações poderosas da bebida Chá de alho: para que serve e duas variações poderosas da bebida

Já ouviu dizer que chá de alho com limão faz bem para a saúde? A bebida é conhecida popularmente como uma opção caseira para melhorar quadros de gripe e...

> Leia mais
Almoço rápido e saudável: filé de frango com shimeji e salada verde

Almoço rápido e saudável: filé de frango com shimeji e salada verde Almoço rápido e saudável: filé de frango com shimeji e salada verde

Na correria do dia a dia, às vezes o tempo fica curto para preparar as refeições, não é mesmo? É justamente nessas situações que é muito importante escolher...

> Leia mais
Como fazer salada verde com brócolis, repolho, espinafre e outros ingredientes

Como fazer salada verde com brócolis, repolho, espinafre e outros ingredientes Como fazer salada verde com brócolis, repolho, espinafre e outros ingredientes

O almoço e o jantar só ficam completos quando tem uma salada verde para acompanhar, não é mesmo? Sendo servida como entrada ou ao lado de massas, panquecas,...

> Leia mais