Aprenda a escolher as verduras no mercado e a higienizá-las corretamente em casa

Para escolher couve-flor e brócolis mais frescos, você deve se certificar de que as folhas estão mais fechadas, firmes e sem manchas
Para escolher couve-flor e brócolis mais frescos, você deve se certificar de que as folhas estão mais fechadas, firmes e sem manchas

Quando vamos às compras de feira, escolher as verduras, frutas e legumes é sempre uma etapa importante. Isso porque a gente precisa optar por aquelas que estejam em melhores condições - mais maduras, frescas e que sejam, de preferência, orgânicas (livres de agrotóxicos). Além disso, você também não pode se esquecer de higienizar os alimentos de forma correta, para eliminar bem todas as sujeiras e bactérias. Para te ajudar nessas duas etapas - na escolha e na lavagem das verduras - a gente separou umas dicas bem práticas. Dá uma conferida!

Verduras devem ter uma cor mais viva

O grupo das verduras é formado pelas folhas que todo mundo já conhece: alface, rúcula, agrião, brócolis, couve, espinafre, couve-flor e por aí vai. Elas são mais fáceis de escolher que as frutas e legumes - pois você só precisa analisar, basicamente, a firmeza dos talos e a coloração das folhas. Manchinhas, por exemplo, já são um indicativo de que a verdura não está em sua melhor condição. Além disso, quanto mais firmes forem os talos, mais frescas serão as folhas. Na hora de comprar, lembre-se de analisar bem todos os lados do alimento para se certificar de que não há nenhuma mancha - fica a dica!

Obs.: Ao contrário do que muita gente pensa, não é indicado lavar as verduras antes de guardá-las na geladeira. Isto porque, quando as folhas estão úmidas e ficam expostas no refrigerador, elas costumam durar bem menos. Por isso, o ideal é lavá-las apenas na hora de consumir mesmo.

Alface não pode estar murcha

Escolher uma alface em bom estado não é nada difícil, basta se certificar de que as folhas não estão murchas ou com manchinhas. Pode reparar que, quando a alface está velha, ela fica com as folhas mais caídas e com manchas marrons nas extremidades. Além disso, você também deve atentar para a coloração do alimento - a alface americana, por exemplo, deve ter um tom de verde mais claro.

Como lavar: A higienização da alface também é supersimples, pois você só precisa lavar as folhas em água corrente, secar com um papel toalha (ou deixar escorrendo) e depois misturar na salada. Muitas pessoas também deixam as folhas de molho com água e vinagre, por cerca de 20 minutos, para eliminar os microrganismos. Depois de deixar de molho, é o mesmo esquema: lave as folhas em água corrente e as seque para consumir.

Brócolis e couve-flor devem estar com as flores fechadas e talos firmes

Para escolher brócolis e couve-flor mais frescos, você deve analisar a textura das folhas e a firmeza dos talos: quando as folhas estão mais fechadas e firmes (em vez de mais macias), significa que a verdura está no ponto para ser consumida. Além disso, o ideal é também escolher essas verduras de acordo com a coloração: o brócolis deve ter uma tonalidade forte de verde-escuro, enquanto a couve-flor deve ser mais clara (em tons de branco ou creme). Antes de comprar, certifique-se de que não há nenhuma manchinha preta ou marrom nos alimentos.

Como lavar: Assim como a alface, o brócolis e a couve-flor também devem ser devidamente higienizados antes de consumidos. Para isso, você só precisa deixá-los debaixo da água corrente ou, então, seguir o mesmo esquema de deixá-los de molho com vinagre por cerca de 20 minutos. Depois, é só secar e consumir na salada ou em outro prato. Muitas pessoas, inclusive, gostam de preparar o brócolis com arroz, macarrão, refogado na manteiga e até mesmo suflês de couve-flor e brócolis gratinados no forno. Tudo isso fica uma delícia!

Rúcula e espinafre também devem estar com as folhas firmes

Assim como as verduras que já citamos, a rúcula e o espinafre devem ser escolhidos seguindo as mesmas dicas: as folhas devem estar firmes e sem manchas e os talos mais duros (nunca quebradiços). Além disso, uma boa dica é verificar a ponta dos caules das plantas - pois, caso eles estejam amarelados, significa que os vegetais já passaram do ponto. Na hora de lavar, você também deve separar as folhas que estão murchas e lavar as outras em água corrente. Seguindo essas dicas, não tem como errar na escolha das verduras!

Últimas
Receitas
Ver Mais

Últimas Matérias

Mel ou melado de cana? Conheça os benefícios e formas de usar esses ingredientes

Mel ou melado de cana? Conheça os benefícios e formas de usar esses ingredientes Mel ou melado de cana? Conheça os benefícios e formas de usar esses ingredientes

As diferenças entre mel e melado de cana vão além da maneira como os ingredientes são produzidos, viu? Ambos são ótimas alternativas ao açúcar cristal para...

> Leia mais
Natação: saiba o que comer antes e depois do treino para aproveitar benefícios

Natação: saiba o que comer antes e depois do treino para aproveitar benefícios Natação: saiba o que comer antes e depois do treino para aproveitar benefícios

A natação é um esporte aquático muito famoso ao redor do mundo. A prática física acontece majoritariamente em piscinas e é considerada uma atividade...

> Leia mais
Mitos e verdades sobre comida congelada: veja a opinião de uma nutricionista

Mitos e verdades sobre comida congelada: veja a opinião de uma nutricionista Mitos e verdades sobre comida congelada: veja a opinião de uma nutricionista

Comida congelada e saudável existe e pode ser muito bem aproveitada no dia-a-dia! Apesar dos mitos a respeito dos produtos conservados no freezer, é fato que...

> Leia mais
Suco de limão: os benefícios e 3 versões para fazer em casa

Suco de limão: os benefícios e 3 versões para fazer em casa Suco de limão: os benefícios e 3 versões para fazer em casa

Suco de limão é aquela opção refrescante para quem quer hidratar o corpo e garantir boas doses de energia para o organismo! No verão e em qualquer outra...

> Leia mais
Comida mediterrânea: 4 novas receitas para seu cardápio

Comida mediterrânea: 4 novas receitas para seu cardápio Comida mediterrânea: 4 novas receitas para seu cardápio

Quer dar uma diferenciada no cardápio no fim de semana? A comida mediterrânea é uma opção saudável para curtir uma noite de receitas estrangeiras com a...

> Leia mais
Benefícios do brócolis: 5 razões para comer mais esse vegetal

Benefícios do brócolis: 5 razões para comer mais esse vegetal Benefícios do brócolis: 5 razões para comer mais esse vegetal

Dentre os vegetais, a lista de benefícios do brócolis é uma das mais extensas! O legume é supernutritivo e oferece muita versatilidade para as refeições...

> Leia mais
Suco de caixinha não é tudo igual! Nutricionista ensina como escolher

Suco de caixinha não é tudo igual! Nutricionista ensina como escolher Suco de caixinha não é tudo igual! Nutricionista ensina como escolher

Você já deve ter ouvido falar que suco de caixinha faz mal, não é? Assim como diversos produtos vendidos no mercado e consumidos na rotina alimentar, existem...

> Leia mais
Lanches saudáveis: o que levar para comer na praia

Lanches saudáveis: o que levar para comer na praia Lanches saudáveis: o que levar para comer na praia

Ter lanches saudáveis na bolsa é sempre uma boa ideia para quem quer curtir um dia ensolarado com toda a família na praia. Além de ser mais econômica, essa é...

> Leia mais
Quais os benefícios da maçã e 4 motivos para comer a fruta desidratada

Quais os benefícios da maçã e 4 motivos para comer a fruta desidratada Quais os benefícios da maçã e 4 motivos para comer a fruta desidratada

Você sabe quais os benefícios da maçã? E no caso da maçã desidratada, o que você sabe sobre o alimento? A primeira coisa a se dizer é que as frutas...

> Leia mais
Óleo de coco x azeite: qual o óleo mais saudável?

Óleo de coco x azeite: qual o óleo mais saudável? Óleo de coco x azeite: qual o óleo mais saudável?

Entre óleo de coco e azeite, qual você prefere? É possível que você já tenha se perguntado qual o óleo mais saudável, pois essa questão é bem comum para quem...

> Leia mais