APLV ou intolerante à lactose? Qual a diferença entre eles?

Enquanto intolerantes não possuem uma enzima que digere a lactose, os alérgicos não podem tomar leite de origem animal porque algumas de suas proteínas são vistas como agentes invasores
Enquanto intolerantes não possuem uma enzima que digere a lactose, os alérgicos não podem tomar leite de origem animal porque algumas de suas proteínas são vistas como agentes invasores

Produto recomendado

Leite longa vida zero lactose Taeq 1l

Leite longa vida zero lactose Taeq 1l

Botão do Pão de Açúcar Delivery

Alergia ou intolerância a lactose? Embora esses termos tenham se tornado comuns, na verdade o primeiro caso se trata de alergia ao leite da vaca, e não à lactose em si. Inclusive, pessoas que fazem parte desse grupo são conhecidas como APLV, sigla para Alergia à Proteína do Leite de Vaca. Mas afinal, quais alimentos podem ser consumidos por um ou por outro?

O que é a intolerância à lactose?

Quem tem intolerância à lactose na verdade possui deficiência de uma enzima chamada lactase, que é a responsável pela digestão do leite. Isso significa que caso essas pessoas tomem leite ou algum de seus derivados, como iogurte e queijo, o alimento será completamente indigesto e fará elas passarem mal. As consequências vão de cólicas a diarreia e constipação crônica. Por isso, quem possui esse problema deve procurar alimentos zero lactose para não sofrer nenhuma reação após o seu consumo.

APLV nada tem a ver com a lactose

Embora sejam conhecidas como pessoas alérgicas a lactose, os APLV podem sim ter lactase no organismo. Aqui o problema não é a enzima, mas sim as proteínas do leite. Neste caso, o corpo as vê como agentes invasores, e por isso elas são atacadas pelo sistema imunológico. O problema é que isso gera uma reação, que pode ir de problemas de pele a respiratórios e gastrointestinais. Inclusive, tudo pode ocorrer mesmo que o alérgico apenas sinta o cheiro ou toque no leite ou em seus derivados.

Leite materno está liberado para bebês APLV

Uma dúvida que se torna muito comum é: já que a proteína está no leite, isso significa que o materno não deve ser dado a bebês a APLV? A resposta é não. As proteínas que são rejeitadas pelo corpo de pessoas alérgicas não estão presentes no leite humano. A grande diferença é que a mãe terá que passar por uma dieta na qual irá excluir de vez leite de vaca e derivados da sua alimentação, pois assim ela não será transmitida para o bebê. Para isso é essencial consultar um nutricionista para que não seja cortado nenhum alimento equivocado ou inserido algum deveria estar de fora da dieta. É bom frisar que o aleitamento materno é muito importante para o bom desenvolvimento da criança, pois possui nutrientes essenciais para os primeiros meses de vida do bebê.

O que os APLV podem e o que não podem comer

Antes de mais nada, não pense que produtos zero lactose podem ser consumidos por pessoas APLV, pois é bom reforçar que elas têm problema com a proteína do leite, e não com a lactase. Mas e quanto ao leite de cabra e ao de búfala? Bem, esses dois alimentos podem ser consumidos por intolerantes, mas mais uma vez devem ficar de fora da dieta de alérgicos. Isso porque suas proteínas são praticamente as mesmas que as encontradas no leite de vaca, o que significa que a troca seria em vão.

Uma boa sugestão é optar por leites vegetais. Entre as opções mais comuns temos os de coco, de arroz, de amêndoas e de soja. Por terem sido extraídos de plantas possuem diversos outros benefícios para a saúde. Só não se esqueça de consultar um nutricionista antes de começar uma dieta APLV caso seja alérgico ou tenha um filho com esse problema. Afinal, bebês alérgicos muitas vezes deixam de ser com o passar dos anos. Além disso, é preciso repor outros nutrientes que são facilmente encontrados no leite, como o cálcio. Portanto, o acompanhamento de um profissional competente é essencial.

Mais noticias com...
Receitas:
Leite
Ver Mais

Últimas Matérias

Dia Nacional do Biscoito: as dicas para preparar o lanche de forma mais saudável

Dia Nacional do Biscoito: as dicas para preparar o lanche de forma mais saudável Dia Nacional do Biscoito: as dicas para preparar o lanche de forma mais saudável

Muita gente não sabe, mas 20 de julho (além de ser o Dia Internacional do Amigo) também é considerado o Dia Nacional do Biscoito. E quem é que não ama esse...

> Leia mais
Tomar chá em excesso faz mal à saúde? Descubra quantas xícaras beber por dia

Tomar chá em excesso faz mal à saúde? Descubra quantas xícaras beber por dia Tomar chá em excesso faz mal à saúde? Descubra quantas xícaras beber por dia

Os chás são ótimos aliados na nossa saúde - especialmente em dias frios, quando ajudam a aquecer o corpo. Entre os seus benefícios podemos citar que hidratam...

> Leia mais
Comer bem não é comer bastante! Veja dicas para se alimentar melhor

Comer bem não é comer bastante! Veja dicas para se alimentar melhor Comer bem não é comer bastante! Veja dicas para se alimentar melhor

Buscar uma alimentação saudável é a meta de muita gente, né? Só que, muitas vezes, fica difícil ponderar as quantidades e descobrir quais alimentos são...

> Leia mais
Como fazer abóbora: 4 maneiras simples de preparar esse alimento

Como fazer abóbora: 4 maneiras simples de preparar esse alimento Como fazer abóbora: 4 maneiras simples de preparar esse alimento

A abóbora é um tipo de fruto bem nutritivo e cheio de propriedades benéficas: é fonte de fibras, cálcio, magnésio, ferro, vitamina C e carboidratos (que...

> Leia mais
Existe horário ideal para tomar o café da manhã? Saiba quando ter a 1ª refeição

Existe horário ideal para tomar o café da manhã? Saiba quando ter a 1ª refeição Existe horário ideal para tomar o café da manhã? Saiba quando ter a 1ª refeição

Para facilitar o nosso dia a dia, é comum seguirmos à risca um mesmo hábito alimentar, e isso inclui fazer as refeições nos mesmos horários. Esse costume...

> Leia mais
5 apps para se exercitar que vão te ajudar a ter uma rotina mais saudável

5 apps para se exercitar que vão te ajudar a ter uma rotina mais saudável 5 apps para se exercitar que vão te ajudar a ter uma rotina mais saudável

Para ter uma rotina saudável não basta comer bem: é preciso se movimentar. A boa notícia é que, para isso, não é necessário frequentar uma academia, já que é...

> Leia mais
Como se alimentar no pós-parto? Nutricionista indica o que evitar nesse período

Como se alimentar no pós-parto? Nutricionista indica o que evitar nesse período Como se alimentar no pós-parto? Nutricionista indica o que evitar nesse período

Durante o período da maternidade é necessário ter alguns cuidados com a alimentação - tanto na gestação quanto no pós-parto/ amamentação. Existem alguns...

> Leia mais
Comer amendoim faz mal? Entenda por que é preciso consumi-lo com parcimônia

Comer amendoim faz mal? Entenda por que é preciso consumi-lo com parcimônia Comer amendoim faz mal? Entenda por que é preciso consumi-lo com parcimônia

O amendoim vem sendo incorporado cada vez mais no cardápio dos brasileiros, seja na sua forma torrada, cozida ou em pasta. Embora ele proporcione uma série...

> Leia mais
As curiosidades sobre a comida brasileira que valem a pena conhecer

As curiosidades sobre a comida brasileira que valem a pena conhecer As curiosidades sobre a comida brasileira que valem a pena conhecer

Quando falamos em culinária brasileira logo surgem na mente várias comidinhas típicas: pão de queijo, feijoada, brigadeiro, açaí e por aí vai... alimentos...

> Leia mais
Fast-food vegano: as comidas que adeptos dessa dieta podem consumir

Fast-food vegano: as comidas que adeptos dessa dieta podem consumir Fast-food vegano: as comidas que adeptos dessa dieta podem consumir

Quem conhece bem o estilo de vida vegano sabe que a alimentação desse grupo é bem restritiva - afinal, o veganismo consiste em um consumo consciente e...

> Leia mais