Anemia falciforme: como a alimentação ajuda a tratar essa doença hereditária

Para ajudar a tratar a anemia falciforme, aposte no espinafre e em outras folhas escuras, alimentos ricos em ácido fólico
Para ajudar a tratar a anemia falciforme, aposte no espinafre e em outras folhas escuras, alimentos ricos em ácido fólico
Adriana Lúcia van-Erven Ávila

Consultor:

Adriana Lúcia van-Erven Ávila

Formada em Nutrição pelo Centro Universitário São Camilo, é especialista em Nutrição em Cardiologia pelo InCor (Instituto do Coração) e em Distúrbios Metabólicos e risco Cardiovascular pelo CEU (Centro de extensão Universitária)

A anemia falciforme é uma doença hereditária que, por uma mutação genética, altera a forma dos glóbulos vermelhos, fazendo com que eles fiquem com a aparência semelhante a uma foice (por isso o nome "falciforme"). Essa doença, que não tem cura, é diferente da anemia adquirida, que é causada por carência de nutrientes como o ferro ou a vitamina B12. Os sintomas costumam ser dor nas articulações e ossos, icterícia (condição em que a pele fica amarelada), palidez e propensão a infecções.

No dia 27 de outubro é celebrado o Dia Nacional da Luta pelos Direitos das Pessoas Com Doenças Falciforme. E, para comemorar essa data importante, nós conversamos com a nutricionista Adriana Ávila, que falou sobre como a alimentação correta pode auxiliar no tratamento.

Vale destacar, ainda assim, que esse tipo de doença deve ser sempre tratado com medicamentos e o devido acompanhamento médico. A alimentação, nesse caso, funciona como um auxiliar para manter o organismo equilibrado. Confira!

Dê atenção especial às folhas escuras

De acordo com a nutricionista Adriana Ávila, existe um nutriente que não pode faltar na dieta de quem tem anemia falciforme: "O ácido fólico (vitamina B9) atua na formação de novas células sanguíneas, ou seja, de hemácias. A pessoa com anemia falciforme tende a ter a destruição das hemácias aumentada, então precisa de mais ácido fólico", explica.

A boa notícia é que é possível aumentar o consumo desse nutriente incluindo alguns alimentos naturais no cardápio: "A vitamina B9 pode ser encontrada nas hortaliças verde-escuras, tais como couve manteiga, rúcula, escarola, espinafre, mostarda, brócolis (flores, talo e folhas), nas folhas e talos da cenoura e beterraba. Além disso, leguminosas (feijões, ervilha, lentilha, grão-de-bico), semente de girassol ou de linhaça também fornecem esse nutriente", complementa Adriana.

Controle o consumo de ferro

Você sabia que quem tem anemia falciforme precisa ter atenção com o consumo de ferro? A nutricionista explica por que isso ocorre e como se adaptar a essa condição: "Com a quebra desordenada das hemácias (que ocorre no organismo do paciente com anemia falciforme), há uma liberação maior do ferro presente nas hemoglobinas. Pode ocorrer, então, o acúmulo desse mineral nos órgãos. Por isso, se faz necessário o controle do consumo de ferro", explica Adriana.

Alguns alimentos que devem ser consumidos de forma moderada são: carne vermelha, fígado, coração, peixes, gema de ovo, quinoa, aveia, cevada, leguminosas, frutas secas (figo, uva passa, pêssego, damasco) e ostras.

Vale destacar que alguns alimentos ricos em ferro também são fontes de ácido fólico. Por isso, a nutricionista destaca que eles devem ser consumidos com cautela. O ideal, para ter um plano alimentar que atenda bem às particularidades da doença, é sempre contar com o acompanhamento de um médico e um nutricionista.

Ômega 3 ajuda na saúde vascular

Segundo a nutricionista, o ômega 3 é outro nutriente que ajuda muito a tratar anemia falciforme e outras doenças sanguíneas. "Esse ácido graxo previne a obstrução (oclusão) dos vasos sanguíneos nas pessoas que têm anemia falciforme, evitando as dores que podem afetar os ossos, músculos e articulações", explica.

Para enriquecer sua rotina de alimentação, invista em peixes ricos nesse ácido graxo, como atum, salmão, sardinha, cavala, cavalinha, namorado, pescada amarela e nas oleaginosas, como amêndoas, nozes, avelãs e castanhas.

Líquidos não podem faltar na alimentação

O anêmico falciforme precisa sempre repor a quantidade de líquidos de seu corpo. A nutricionista destaca que esse é um dos pontos mais importantes. "Ter uma ótima hidratação com água ajuda a minimizar ou evitar dores - pois, com mais água, o sangue fica menos viscoso e circula melhor. A recomendação média é de 2 litros de líquido ao dia, preferencialmente de água natural potável", recomenda.

Consuma alimentos ricos em vitaminas A, do complexo B, C, D, cálcio e zinco

Além de investir no ácido fólico e no ômega 3 - nutrientes indispensáveis para quem tem anemia falciforme -, é importante aumentar o consumo de certas vitaminas e minerais. Confira as recomendações da nutricionista:

Vitamina A é necessária para a saúde da pele

"A vitamina A é importante para proteger a integridade da pele, pois a pessoa com anemia falciforme está mais sujeita a ter úlceras (lesões) principalmente nas pernas. Esse nutriente é encontrado nos seguintes alimentos: mamão, manga, damasco, abóbora, cenoura, batata doce, verduras verde-escuras, leite e derivados, fígado, entre outras fontes".

Vitamina C melhora o sistema de defesa do corpo

"A vitamina C é necessária para manter o sistema imunológico em ordem. Mas, como ela aumenta a absorção do ferro, evite consumi-la junto com alimentos ricos no mineral. As principais fontes de vitamina C são: frutas (laranja, kiwi, abacaxi, tangerina, limão, goiaba, caju, acerola, morango, limão), pimentão, couve crua e pimentão".

Vitamina B6 melhora a produção das hemácias

"A vitamina B6 (piridoxina) é necessária para a produção e maturação das hemácias. Por isso, ela é muito importante para a pessoa com anemia falciforme. Suas principais fontes são: fígado, salmão, banana, ameixa, entre outras".

Vitamina D e cálcio fortalecem os ossos

"A vitamina D e o cálcio são importantes para o crescimento de ossos fortes, o que é necessário para pessoas com anemia falciforme. A vitamina D também participa do sistema imunológico. As fontes desses nutrientes são: leite, iogurte, queijo, peixes como sardinha, cavala, cavalinha, salmão, atum, namorado ou pescada amarela".

Zinco tem ação anti-inflamatória

"O zinco também cuida da integridade da pele, reduzindo a ocorrência de infecções oportunistas, que ocorrem quando o sistema imune não está agindo plenamente. As fontes de zinco são: carne vermelha, ostras, mariscos, fígado e gema de ovo".

É necessário evitar certos alimentos e ter um estilo de vida balanceado

Para ter uma boa qualidade de vida, sem sentir os sintomas da anemia falciforme, é fundamental apostar em um plano alimentar equilibrado. Além de ter um maior controle nutricional, a nutricionista destaca que fazer algumas restrições alimentares também pode ser benéfico:

"O gasto calórico nesses pacientes é aumentado por conta de um metabolismo mais acelerado. Por isso, é importante fornecer as calorias suficientes para não haver o emagrecimento indesejado, a desproteção do sistema imunológico e, com ela, as infecções e úlceras de perna", explica.

"Tenha cuidado com o excesso de gordura saturada e colesterol na alimentação para não prejudicar ainda mais a circulação do sangue. O excesso de sal/sódio pode levar à sobrecarga dos rins, então evite esse abuso", finaliza Adriana.

Última edição: 17/09/2021

Mais noticias com...
Receitas:
Couve
Ver Mais

Últimas Matérias

O que é glúten? Faz bem evitar? Nutricionista responde

O que é glúten? Faz bem evitar? Nutricionista responde O que é glúten? Faz bem evitar? Nutricionista responde

Você sabe o que é o glúten? Diferentemente do que é dito comumente, o glúten não é o vilão da alimentação e nem sempre ele precisa ser retirado da rotina...

> Leia mais
Lanche para noite: o que comer antes de dormir

Lanche para noite: o que comer antes de dormir Lanche para noite: o que comer antes de dormir

O lanche da noite é importante para quem costuma acordar com fome de madrugada e acaba perdendo o sono por isso. Também conhecida como ceia da noite, a...

> Leia mais
Pré treino natural com café funciona? Nutricionista responde

Pré treino natural com café funciona? Nutricionista responde Pré treino natural com café funciona? Nutricionista responde

O café está muito presente no dia a dia, mas você já ouviu falar que ele também é indicado como pré treino natural? Investir em alimentos saudáveis antes de...

> Leia mais
Molho de iogurte para salada: prepare em casa com ingredientes naturais

Molho de iogurte para salada: prepare em casa com ingredientes naturais Molho de iogurte para salada: prepare em casa com ingredientes naturais

Comer salada todo dia é um hábito super saudável, mas se o molho que acompanha as folhas não for tão natural quanto elas, o potencial nutricional do prato...

> Leia mais
Granola: benefícios para o organismo que você precisa conhecer

Granola: benefícios para o organismo que você precisa conhecer Granola: benefícios para o organismo que você precisa conhecer

A granola é um alimento orgânico que não pode faltar na cozinha. Isso porque ele é energético e extremamente versátil, podendo fazer parte de diferentes...

> Leia mais
Vegetarianismo infantil: como cuidar da alimentação de uma criança vegetariana

Vegetarianismo infantil: como cuidar da alimentação de uma criança vegetariana Vegetarianismo infantil: como cuidar da alimentação de uma criança vegetariana

O vegetarianismo é uma prática que tem se tornado cada vez mais comum entre o público infantojuvenil. O cardápio exclui qualquer tipo de carne das refeições,...

> Leia mais
Alimentos ricos em proteínas: uma opção para cada dia da semana

Alimentos ricos em proteínas: uma opção para cada dia da semana Alimentos ricos em proteínas: uma opção para cada dia da semana

Os alimentos ricos em proteínas são fundamentais para a manutenção da saúde do organismo. Afinal, os macronutrientes são responsáveis por gerar energia para...

> Leia mais
Chá de alho: para que serve e duas variações poderosas da bebida

Chá de alho: para que serve e duas variações poderosas da bebida Chá de alho: para que serve e duas variações poderosas da bebida

Já ouviu dizer que chá de alho com limão faz bem para a saúde? A bebida é conhecida popularmente como uma opção caseira para melhorar quadros de gripe e...

> Leia mais
Almoço rápido e saudável: filé de frango com shimeji e salada verde

Almoço rápido e saudável: filé de frango com shimeji e salada verde Almoço rápido e saudável: filé de frango com shimeji e salada verde

Na correria do dia a dia, às vezes o tempo fica curto para preparar as refeições, não é mesmo? É justamente nessas situações que é muito importante escolher...

> Leia mais
Como fazer salada verde com brócolis, repolho, espinafre e outros ingredientes

Como fazer salada verde com brócolis, repolho, espinafre e outros ingredientes Como fazer salada verde com brócolis, repolho, espinafre e outros ingredientes

O almoço e o jantar só ficam completos quando tem uma salada verde para acompanhar, não é mesmo? Sendo servida como entrada ou ao lado de massas, panquecas,...

> Leia mais