Alimentos orgânicos ou hidropônicos? Qual escolher para a sua alimentação? Saiba

Alimentos orgânicos ou hidropônicos? Você sabe as diferenças? Entenda como funciona cada tipo de produção alimentar e seus benefícios
Alimentos orgânicos ou hidropônicos? Você sabe as diferenças? Entenda como funciona cada tipo de produção alimentar e seus benefícios
Alimentos orgânicos ou hidropônicos? Você sabe as diferenças? Entenda como funciona cada tipo de produção alimentar e seus benefícios
Alimentos orgânicos ou hidropônicos? Você sabe as diferenças? Entenda como funciona cada tipo de produção alimentar e seus benefícios
Alimentos orgânicos ou hidropônicos? Você sabe as diferenças? Entenda como funciona cada tipo de produção alimentar e seus benefícios
Alimentos orgânicos ou hidropônicos? Você sabe as diferenças? Entenda como funciona cada tipo de produção alimentar e seus benefícios
Alimentos orgânicos ou hidropônicos? Você sabe as diferenças? Entenda como funciona cada tipo de produção alimentar e seus benefícios
Alimentos orgânicos ou hidropônicos? Você sabe as diferenças? Entenda como funciona cada tipo de produção alimentar e seus benefícios
Alimentos orgânicos ou hidropônicos? Você sabe as diferenças? Entenda como funciona cada tipo de produção alimentar e seus benefícios
Carine Rodrigues

Consultor:

Carine Rodrigues

Formada pela Universidade do Estado do Rio de Janeiro (UERJ), é pós-graduanda em Terapia Nutricional pela GANEP.

Dos alimentos orgânicos você já deve ter ouvido falar, não é mesmo? Mas, você também conhece os alimentos hidropônicos? Em nossa busca incessante por ingredientes saudáveis, nutritivos e 100% naturais, é preciso conhecer as diferenças entre esses dois tipos de produção e colheita, que são os mais utilizados para o nosso dia a dia.

Mais indicado para a nossa alimentação, os produtos orgânicos são conhecidos por serem livres de agrotóxicos ou qualquer outro aditivo químico em suas produções. Esses alimentos podem ser legumes (como cenoura, beterraba, abóbora, etc), verduras (como couve, espinafre, brócolis, etc), frutas (banana, maçã, mamão etc.) e até produtos de origem animal, como as carnes, leite e ovos.

Já os alimentos hidropônicos são produzidos a 80cm do solo, não tendo contato direto com a terra. Geralmente, eles são elaborados em estufas, suportes artificiais com água, em que são adicionados adubos químicos solúveis para impedir as pragas e também para incluir os nutrientes necessários nos alimentos. Os produtos absorvem essas substâncias através das raízes das plantas.

Produção e benefícios: entenda sobre a criação dos alimentos hidropônicos

Ter alimentos saudáveis a partir da hidroponia se tornou uma prática mundialmente conhecida. A técnica é utilizada em países como Holanda, Estados Unidos, França, Japão e no Brasil, tendo como maior produção no sudeste do nosso país, principalmente em São Paulo.

Segundo a ONG "O Eco", o processo de hidroponia apresenta benefícios se comparado às tradicionais formas de cultivo, tais como o crescimento mais rápido dos alimentos, resultando assim em uma maior produtividade, inclusive fora da safra. A proteção contra insetos e pragas nas plantações também é maior, já que recebem adubos químicos e são cultivadas em estufas. Outra vantagem é a economia de água, em até 70%, em relação à agricultura tradicional.

Os alimentos orgânicos são os mais saudáveis e nutritivos

Pensados diretamente na sustentabilidade ambiental, social e econômica, os alimentos orgânicos não utilizam agrotóxicos ou qualquer outro aditivo químico que altere a qualidade dos produtos. Além disso, sua produção é baseada em proteger o solo, evitando agressões em qualquer fase da produção.

Segundo a nutricionista Carine Rodrigues, eles garantem o sabor mais natural possível, cor intensa e nutrientes devidamente preservados: "Por não possuir nenhum tipo de aditivos químicos, os alimentos orgânicos são mais saudáveis e indicados para o consumo", completa a profissional.

Dica importante - Seja hidropônico ou orgânico, essa característica deve estar explícita nos rótulos dos alimentos, conforme a legislação brasileira, em vigor desde 2011, assim, os consumidores saberão se o produto adquirido é realmente orgânico ou hidropônico.

* Outras informações sobre os alimentos orgânicos e hidropônicos podem ser consultadas no site da ONG O Eco: http://www.oeco.org.br/

Receitas:
Abóbora
Ver Mais

Últimas Matérias

Vitaminas K1, K2 e K3: as diferenças e semelhanças entre elas

Vitaminas K1, K2 e K3: as diferenças e semelhanças entre elas Vitaminas K1, K2 e K3: as diferenças e semelhanças entre elas

Ter uma alimentação rica em vitaminas é fundamental para fortalecer a imunidade e garantir o bom funcionamento do organismo como um todo. O complexo K, em...

> Leia mais
Suco de graviola: 6 receitas refrescantes e nutritivas com a fruta

Suco de graviola: 6 receitas refrescantes e nutritivas com a fruta Suco de graviola: 6 receitas refrescantes e nutritivas com a fruta

Preparar sucos naturais é uma ótima alternativa para refrescar nos dias mais quentes e manter o corpo hidratado. E, para variar no cardápio de bebidas, que...

> Leia mais
Como comemorar o Dia dos Pais de forma criativa sem sair de casa

Como comemorar o Dia dos Pais de forma criativa sem sair de casa Como comemorar o Dia dos Pais de forma criativa sem sair de casa

Tem coisa melhor que passar o Dia dos Pais junto com a família contando histórias, comendo, fazendo jogos e brincadeiras? A melhor parte é que nem é preciso...

> Leia mais
Os nutrientes do eryngui e como preparar esse cogumelo

Os nutrientes do eryngui e como preparar esse cogumelo Os nutrientes do eryngui e como preparar esse cogumelo

Usar cogumelos para incrementar receitas veganas ou vegetarianas é sempre uma boa opção. Afinal, eles acrescentam muito em termos nutricionais e agregam mais...

> Leia mais
Mozarela de búfala tem lactose? Saiba tudo sobre esse queijo

Mozarela de búfala tem lactose? Saiba tudo sobre esse queijo Mozarela de búfala tem lactose? Saiba tudo sobre esse queijo

Você sabia que a mozarela de búfala é um dos tipos de queijos brancos mais consumidos do mundo? Conhecida pela sua textura cremosa e suculenta, ela tem como...

> Leia mais
Macarrão sem farinha de trigo: 4 opções ótimas para celíacos

Macarrão sem farinha de trigo: 4 opções ótimas para celíacos Macarrão sem farinha de trigo: 4 opções ótimas para celíacos

Você sabia que é possível preparar receitas de macarrão sem necessariamente usar farinha de trigo? Quem é celíaco, por exemplo, deve passar longe de pratos...

> Leia mais
6 lanches veganos supernutritivos para comer a qualquer hora

6 lanches veganos supernutritivos para comer a qualquer hora 6 lanches veganos supernutritivos para comer a qualquer hora

Às vezes pode parecer difícil seguir uma dieta vegana e ter tempo para preparar lanches sem ingredientes de origem animal durante a correria do dia a dia....

> Leia mais
O que é sagu? Conheça a fécula muito usada no preparo de sobremesas gaúchas

O que é sagu? Conheça a fécula muito usada no preparo de sobremesas gaúchas O que é sagu? Conheça a fécula muito usada no preparo de sobremesas gaúchas

Se você gosta de experimentar comidas típicas de diferentes regiões do Brasil, é bem provável que já conheça o sagu - uma sobremesa feita com vinho tinto...

> Leia mais
Pimenta-rosa: 5 benefícios dessa planta brasileira na sua alimentação

Pimenta-rosa: 5 benefícios dessa planta brasileira na sua alimentação Pimenta-rosa: 5 benefícios dessa planta brasileira na sua alimentação

Fruto da aroeira-vermelha, a pimenta-rosa é uma planta brasileira de ardência leve, sabor adocicado e aparência delicada. Mas além de características e...

> Leia mais
4 receitas com coco ralado fresco que são supernutritivas

4 receitas com coco ralado fresco que são supernutritivas 4 receitas com coco ralado fresco que são supernutritivas

Considerado um superalimento, o coco é uma fruta das frutas mais nutritivas que existe. Ele é rico em minerais importantes como cálcio, magnésio, cobre,...

> Leia mais