Alimentos inflamatórios: a lista com os principais a serem evitados na dieta

Entre os alimentos inflamatórios que devem ser evitados na dieta podemos citar frituras, gorduras e carnes processadas
Entre os alimentos inflamatórios que devem ser evitados na dieta podemos citar frituras, gorduras e carnes processadas
Caroline Miranda

Consultor:

Caroline Miranda

Formada em Nutrição pela UNIRIO, possui pós-graduação em Clínica Funcional, em Fitoterapia Funcional e é coach de Emagrecimento e Qualidade de Vida

Se você pensa que o carboidrato é o grande vilão da dieta saudável, é possível que ainda não tenha ouvido falar dos alimentos inflamatórios. Muitas vezes são eles os responsáveis por causar aquela sensação de inchaço e desconforto no estômago, além de gerarem sintomas como azia, enxaqueca e outros problemas mais sérios relacionados à doenças como hipertensão, obesidade e diabetes. Para entender melhor o assunto, nós conversamos com a nutricionista funcional Caroline Miranda, que esclareceu quais são os principais alimentos inflamatórios que devem evitados na dieta. Dá uma olhada!

O que são alimentos inflamatórios e de que forma eles atuam no organismo?

De acordo com a nutricionista, "alimentos inflamatórios estão ligados ao processo de estresse oxidativo que acontece no nosso organismo. Ele é baseado em uma cascata de reações químicas que produzem substâncias capazes de gerar um ambiente inflamatório no corpo e a exposição frequente causa um desequilíbrio culminando em danos nas proteínas, lipídios e DNA das células".

Pois é, como o próprio nome indica, os alimentos inflamatórios atuam de uma forma nada benéfica ao organismo, especialmente no que diz respeito à pele. "As consequências vão desde envelhecimento, aterosclerose até doenças autoimunes. Nas células da pele, os açúcares dos alimentos de alto índice glicêmico fixam nas fibras de colágeno deixando as junções rígidas e danificando de maneira irreversível. Por isso a pele perde sua elasticidade e as rugas se instalam. Ou seja, quanto mais inflamatória for a alimentação, mais este processo é acelerado, por exemplo", complementa Caroline Miranda.

Quais são os principais alimentos inflamatórios que devem ser evitados?

A especialista afirma que "alimentos que utilizam altas temperaturas na produção e que necessitam de muitos conservantes para maior durabilidade pertencem ao grupo dos alimentos de maior poder inflamatório". Com isso, alguns exemplos como biscoitos industrializados, frituras e embutidos derivados de carne estão na lista dos alimentos inflamatórios que devem ser evitados. Veja a lista de quais evitar:

1. Frituras e alimentos muito gordurosos

Por serem ricos em gorduras saturadas, qualquer uma dessas opções pode fazer mal ao organismo se você consumir exageradamente. Além das sensações de desconforto, frituras e gorduras também são responsáveis por reduzir os níveis de triptofano no nosso organismo - aminoácido que ativa o hormônio da serotonina e que, se estiver em níveis muito baixos, pode causar mau humor.

2. Biscoitos industrializados

Os biscoitos industrializados que não são voltados para uma alternativa de snack saudável e que possuem muitos conservantes em sua composição também são considerados alimentos inflamatórios. A dica procurar por opções leves e realmente nutritivas que podem fazer bem ao organismo (mesmo que sejam consumidas em poucas quantidades).

3. Embutidos derivados da carne vermelha

Algumas carnes processadas como salame, presunto, bacon, linguiça e salsicha também devem ser cortadas da dieta. Embora proteicas, elas normalmente são ricas em sódio e podem aumentar o colesterol "ruim" (LDL).

4. Refrigerantes e bebidas alcoólicas

Extremamente ricos em açúcar, os refrigerantes e as bebidas alcoólicas (principalmente as mais fermentadas, como a cerveja) costumam contribuir bastante para o desenvolvimento de doenças como hipertensão e diabetes. O melhor mesmo é substituí-los por opções mais saudáveis, feitas com o suco da fruta e outras alternativas!

5. Alimentos açucarados

Doces, sorvetes, caldas e qualquer outro tipo de alimento açucarado e industrializado são cheios do que chamamos de "açúcar invertido" - substância que faz muito mal para o organismo e que é produzida industrialmente para melhorar o sabor e a textura desses alimentos. Por isso, o ideal é que você guarde as opções açucaradas apenas para os finais de semana e tenha um consumo moderado delas!

Alimentos anti-inflamatórios podem ajudar a equilibrar a dieta

Alguns alimentos anti-inflamatórios e antioxidantes - como gengibre, cúrcuma, alho, limão e mel - podem ajudar a equilibrar a dieta e a diminuir a reação dos alimentos que causam inflamações no organismo.

De acordo com a nutricionista Caroline Miranda, "uma forma de equilibrar a alimentação é substituir esses alimentos por opções menos gordurosas e naturais. Dar preferência para carne de aves, suínos e peixes. Mais importante do que reduzir o consumo é incluir nutrientes com ação anti-inflamatória para ajustar esse desequilíbrio".

Mais noticias com...
Receitas:
Carne bovina
Ver Mais

Últimas Matérias

Está com potássio alto no sangue? Como baixar através da alimentação

Está com potássio alto no sangue? Como baixar através da alimentação Está com potássio alto no sangue? Como baixar através da alimentação

Você sabia que, quando consumido em excesso, o potássio pode ser muito prejudicial à saúde? A hipercaliemia (ou hiperpotassemia), para quem não conhece,...

> Leia mais
Bolo de banana com aveia fit: conheça opções para variar na receita

Bolo de banana com aveia fit: conheça opções para variar na receita Bolo de banana com aveia fit: conheça opções para variar na receita

Preparar sobremesas saudáveis e ao mesmo tempo saborosas não precisa ser algo difícil, sabia? Usando ingredientes mais naturais - como frutas, açúcar de coco...

> Leia mais
Fruta mangostão é exótica e cheia de nutrientes! Conheça seus benefícios

Fruta mangostão é exótica e cheia de nutrientes! Conheça seus benefícios Fruta mangostão é exótica e cheia de nutrientes! Conheça seus benefícios

Originário do sudeste asiático, o mangostão (ou mangostin) é uma fruta exótica bem suculenta, de sabor suave e altamente benéfica para a saúde. Além de ser...

> Leia mais
Para que serve o chá de erva-doce? 5 motivos para passar a consumi-lo

Para que serve o chá de erva-doce? 5 motivos para passar a consumi-lo Para que serve o chá de erva-doce? 5 motivos para passar a consumi-lo

Fonte de propriedades nutritivas e calmantes, o chá de erva-doce é uma bebida cheia de benefícios para a saúde! Assim como os de camomila e alfazema, ele é...

> Leia mais
Como fazer compota de berinjela sem erros

Como fazer compota de berinjela sem erros Como fazer compota de berinjela sem erros

Feita geralmente com a polpa de frutas, legumes e outros vegetais, a compota é um tipo de conserva (que pode ser salgada ou doce) que costuma ser servida com...

> Leia mais
4 frutas com S exóticas ricas em nutrientes

4 frutas com S exóticas ricas em nutrientes 4 frutas com S exóticas ricas em nutrientes

Você já deve ter reparado que existem tantos tipos de frutas ao redor do mundo que listar todas elas parece uma tarefa impossível. Mas para explorar um...

> Leia mais
Exercício de ponte fortalece músculos e coluna! Saiba mais sobre ele

Exercício de ponte fortalece músculos e coluna! Saiba mais sobre ele Exercício de ponte fortalece músculos e coluna! Saiba mais sobre ele

Está procurando um exercício simples e eficiente para fazer em casa? Indicado para fortalecer os glúteos e a musculatura da perna, o exercício de ponte pode...

> Leia mais
Existem alimentos ricos em progesterona? Saiba como aumentar o hormônio no corpo

Existem alimentos ricos em progesterona? Saiba como aumentar o hormônio no corpo Existem alimentos ricos em progesterona? Saiba como aumentar o hormônio no corpo

Manter uma boa alimentação é fundamental para garantir o bom funcionamento dos hormônios e do organismo como um todo. A progesterona, em especial, ajuda a...

> Leia mais
6 benefícios da geleia real, espécie de mel feita para alimentar a abelha-rainha

6 benefícios da geleia real, espécie de mel feita para alimentar a abelha-rainha 6 benefícios da geleia real, espécie de mel feita para alimentar a abelha-rainha

Produzida naturalmente pelas abelhas operárias para a alimentação da abelha-rainha, a geleia real é considerada um superalimento, pois concentra uma grande...

> Leia mais
O que fazer com as folhas do rabanete? Aprenda a aproveitá-las na cozinha

O que fazer com as folhas do rabanete? Aprenda a aproveitá-las na cozinha O que fazer com as folhas do rabanete? Aprenda a aproveitá-las na cozinha

Uma das melhores formas de evitar o desperdício de alimentos - e tornar a dieta mais nutritiva - é incorporar folhas, caules, talos, cascas e partes...

> Leia mais