Alimentos de novembro: descubra quais são os peixes mais consumidos nesse mês

Os pescados estão em alta no mês de novembro. Saiba quais são os peixes mais comuns nesse mês e os seus benefícios para a saúde
Os pescados estão em alta no mês de novembro. Saiba quais são os peixes mais comuns nesse mês e os seus benefícios para a saúde
Carolina Xavier

Consultor:

Carolina Xavier

Nutricionista clínica e esportiva graduada pela UFRJ, possui pós-graduação em Nutrição Esportiva e Estética voltada para o Wellness

Se considerarmos a safra de alimentos de novembro, os peixes merecem destaque especial. Com dias mais quentes da primavera e a proximidade do verão, o mês é super indicado à alimentação leve, menos calórica e gordurosa, por isso, os pescados devem estar no topo da lista de compras. Descubra quais são os peixes recomendados para esse período e os seus principais benefícios para a saúde.

Sejam peixes de água doce ou salgada, os pescados são carnes mais saudáveis, altamente nutritivas e sempre recomendadas para dietas. Segundo a nutricionista Carolina Xavier, para adquirir os melhores benefícios desses alimentos, a orientação do consumo é, no mínimo, de duas porções de peixes por semana.

"Os peixes são fontes de cálcio, proteína e ômega 3 para o nosso organismo e ajudam a melhorar a saúde óssea e muscular. Nesse mês de novembro, poderemos encontrar os peixes: bonito, corvina, dourado, espada e manjuba com preços mais acessíveis e de boa qualidade", analisa a profissional.

Quais são os peixes mais comuns em novembro?

1 - Bonito: O peixe de água salgada é muito conhecido por ser "parente" do atum. As suas diferenças estão no tamanho, uma vez que o bonito não ultrapassa 10 kg e o atum pode chegar até a 500 kg. Suas qualidades nutricionais incluem o cálcio, mineral responsável por melhorar a saúde óssea e muscular, favorecendo o desenvolvimento infantil e, na fase adulta, prevenindo à osteoporose.

2 - Corvina: Encontrado nas águas doces do país, a corvina é um peixe de carne branca e macia. O alimento é uma boa fonte de proteínas para o organismo, substâncias de suma importância, já que atua na formação de hormônios e anticorpos. Além disso, a corvina também é uma boa fonte de ômega 3, ácido graxo essencial para melhorar a saúde do coração e do sistema nervoso.

3 - Dourado: Um dos mais consumidos pelos brasileiros, o dourado é um peixe saboroso, ideal para ser consumido assado e servido em postas com alguns legumes. Chamado de "rei dos rios", ele é encontrado nas águas doces e possui minerais como cálcio e potássio que agem controlando a pressão arterial e beneficiando o sistema cardiovascular. O peixe também possui uma quantidade considerável de vitamina D, favorecendo a saúde dos ossos e músculos.

4 - Peixe-espada: O peixe magro é ideal para quem quer diminuir a quantidade de gorduras ingeridas em uma dieta saudável. O peixe-espada é saboroso e possui a carne branca e altamente delicada, sendo servido geralmente frito ou grelhado. Seus benefícios incluem a presença da vitamina B1, nutriente importante para gerar energia para o corpo e melhorar a saúde do sistema nervoso central.

5 - Manjuba: Também chamada carinhosamente de "manjubinha", esse peixe é encontrado nas águas salgadas do litoral brasileiro. Geralmente é servida frita, como petisco, por ser pequenina. Rica em minerais importantes para o bem-estar, o destaque vai para os altos níveis de potássio, que age na formação das células do corpo, controla a pressão arterial e ajuda na absorção de outros nutrientes, como os carboidratos e as gorduras boas.

Listinha de compras para novembro: frutas, legumes e hortaliças também estão em ótimas safras!

- Frutas: Abacaxi, ameixa, goiaba, laranja, mamão, manga, melancia e pêssego.

- Legumes: Abobrinha, alcachofra, beterraba, cebola, cebolinha, cenoura e pepino.

- Hortaliças: Alface, alho-poró, almeirão, chicória, couve e espinafre.

Carolina Xavier destaca a importância do consumo desses alimentos: "As verduras e hortaliças são fonte de fibras, vitaminas e minerais que regulam nossa saúde e devem estar presente diariamente, sendo incluídas de 4 a 5 porções", finaliza a profissional.

Mais noticias com...
Receitas:
Cebola
Ver Mais

Últimas Matérias

Alimentação para quem está com dengue: o que priorizar se estiver doente

Alimentação para quem está com dengue: o que priorizar se estiver doente Alimentação para quem está com dengue: o que priorizar se estiver doente

Causada por um arbovírus transmitido pela picada do mosquito Aedes aegypti, a dengue é uma doença infecciosa que precisa ser tratada com seriedade. Ela causa...

> Leia mais
Como ocorre o processo de absorção dos nutrientes? Aprenda a aumentá-lo

Como ocorre o processo de absorção dos nutrientes? Aprenda a aumentá-lo Como ocorre o processo de absorção dos nutrientes? Aprenda a aumentá-lo

Entender como o nosso corpo absorve os nutrientes é um passo importante para quem quer montar uma dieta mais eficiente. Afinal, algumas substâncias podem...

> Leia mais
Para que serve a canela de velho? 5 benefícios dessa planta incomum

Para que serve a canela de velho? 5 benefícios dessa planta incomum Para que serve a canela de velho? 5 benefícios dessa planta incomum

Popularmente conhecida por auxiliar em tratamentos contra artrose, artrite e dores nas articulações, a canela de velho (Miconia albicans) é uma planta cheia...

> Leia mais
O que não pode comer no jejum? Descubra o que evitar para não passar mal

O que não pode comer no jejum? Descubra o que evitar para não passar mal O que não pode comer no jejum? Descubra o que evitar para não passar mal

Ficar muitas horas sem comer - como na prática do jejum intermitente - e depois ingerir uma refeição de estômago vazio, pode ser algo extremamente...

> Leia mais
5 alimentos com glutamato monossódico para deixar de consumir

5 alimentos com glutamato monossódico para deixar de consumir 5 alimentos com glutamato monossódico para deixar de consumir

Identificado como realçador de sabor, MSG ou umami, o glutamato monossódico é um aditivo químico presente em diversos alimentos industrializados que pode...

> Leia mais
Como o corpo desenvolve intolerância alimentar? Descubra se é possível evitá-la

Como o corpo desenvolve intolerância alimentar? Descubra se é possível evitá-la Como o corpo desenvolve intolerância alimentar? Descubra se é possível evitá-la

Você já deve ter ouvido falar na intolerância à lactose (açúcar presente nos leites e derivados) - problema que pode acometer pessoas em diferentes fases da...

> Leia mais
Almoço japonês: conheça os pratos populares na culinária nipônica

Almoço japonês: conheça os pratos populares na culinária nipônica Almoço japonês: conheça os pratos populares na culinária nipônica

Você também gosta de experimentar comidas de culinárias diferentes? A gastronomia japonesa, para quem não conhece, costuma usar muitos legumes, vegetais,...

> Leia mais
Como cozinhar mandioca e deixar o alimento macio

Como cozinhar mandioca e deixar o alimento macio Como cozinhar mandioca e deixar o alimento macio

Presente na nossa alimentação antes mesmo de o Brasil ser descoberto pelos portugueses, a mandioca (também chamada de macaxeira ou aipim) é uma raiz...

> Leia mais
6 aplicativos de meditação que vão te ajudar a acalmar a mente

6 aplicativos de meditação que vão te ajudar a acalmar a mente 6 aplicativos de meditação que vão te ajudar a acalmar a mente

Separar poucos minutos do dia para meditar, relaxar o corpo e a mente pode ser algo muito benéfico, sabia? Cuidar da saúde mental e emocional requer pequenos...

> Leia mais
Os problemas causados pela falta de fósforo no organismo

Os problemas causados pela falta de fósforo no organismo Os problemas causados pela falta de fósforo no organismo

Os minerais, de uma forma geral, são muito importantes para a saúde dos sistemas nervoso, muscular, esquelético e digestivo, além de garantirem equilíbrio...

> Leia mais