Alimentos anti-inflamatórios e cicatrizantes: uma lista completa

Entre os principais alimentos anti-inflamatórios e cicatrizantes, vale destacar as frutas vemelhas e cítricas, como morango, amora, framboesa, laranja e limão
Entre os principais alimentos anti-inflamatórios e cicatrizantes, vale destacar as frutas vemelhas e cítricas, como morango, amora, framboesa, laranja e limão

Que tal incluir alimentos anti-inflamatórios e cicatrizantes no seu cardápio diário? Existem vegetais, frutas, peixes e especiarias, por exemplo, que são fontes de antioxidantes, ômega 3 e outras substâncias que ajudam a prevenir problemas inflamatórios, fortalecem a imunidade e são fundamentais para evitar doenças cardiovasculares. Para te ajudar nesse sentido, nós separamos uma lista completa de alimentos cicatrizantes e anti-inflamatórios que podem ser usados em todas as refeições do dia. Dá uma olhada!

1. Frutas vermelhas têm ação antioxidante, anti-inflamatória e são ricas em vitaminas do complexo B

Morango, amora, framboesa, cereja, mirtilo... São muitas as frutas vermelhas que pertencem à lista de alimentos anti-inflamatórios e cicatrizantes. Isso porque elas são fontes de antocianinas, carotenóides, flavonoides (composto antioxidantes) e substâncias anti-inflamatórias que protegem as células do corpo. Por serem fontes de vitaminas do complexo B, essas frutas também auxiliam na saúde do coração e do cérebro.

2. Abacate é uma fruta rica em gorduras boas e substâncias anti-inflamatórias

Outra fruta que tem grande potencial anti-inflamatório é o abacate. Além de ser fonte de gorduras boas, como o ômega 3, ele contém uma substância natural chamada beta-sitosterol, que ajuda a regular o cortisol (hormônio do estresse), tem forte efeito anti-inflamatório no organismo e ainda ajuda a regular o índice glicêmico e os níveis de colesterol. Por ser uma fruta rica em antioxidantes, o abacate ajuda a reduzir a produção de substâncias inflamatórias, protegendo melhor a saúde do coração.

3. Frutas cítricas são ricas em vitamina C, têm potencial cicatrizante e anti-inflamatório

Quando se trata de fortalecer o sistema imunológico e combater inflamações, as frutas cítricas, como limão, laranja, abacaxi, acerola, ameixa e kiwi, funcionam como grandes aliadas. Elas são ricas em vitamina C, nutriente que cumpre forte ação antioxidante, e ainda outros flavonoides e carotenoides que protegem as células contra substâncias inflamatórias.

As frutas cítricas também auxiliam na síntese do colágeno - proteína fundamental para a regeneração e saúde da pele, sendo importante para o processo de cicatrização, por exemplo. Por isso, uma boa dica é consumir essas frutas in natura, usá-las no preparo de sucos, vitaminas, saladas e outras receitas saudáveis.

4. Peixes são fontes de ômega 3, proteínas e zinco

Salmão, atum, truta e sardinha são alguns exemplos de peixes nutritivos que podem estar presentes na sua alimentação diária. Eles são ricos em proteínas, zinco, cálcio, magnésio, ferro e cumprem importante papel anti-inflamatório no organismo.

Isso porque os peixes têm um alto teor de ômega 3, ácido-graxo que, depois de ingerido, é metabolizado e convertido em compostos ativos de ação anti-inflamatória, como as resolvinas, protectinas e maresinas. Esses compostos conseguem combater inúmeras substâncias inflamatórias, previnem danos nas células e são essenciais para evitar doenças cardiovasculares, como diabetes e hipertensão e também câncer.

5. Alho tem ação antifúngica, antioxidante, cicatrizante e anti-inflamatória

Além de ser um tempero versátil bastante utilizado na culinária brasileira, o alho é um ingrediente rico em propriedades terapêuticas. Isso porque ele tem compostos como a alicina - substância que melhora a pressão arterial, tem função anti-inflamatória, antioxidante, combate fungos, bactérias e vírus, sendo importante para combater sintomas de gripes, resfriados, alergias e evitar processos inflamatórios no organismo. Para usufruir bem dos poderes medicinais do alho, uma boa dica é usá-lo para fazer compotas e chás, por exemplo

6. Gengibre é um termogênico natural, tem forte efeito anti-inflamatório e auxilia em processos de cicatrização

Muito usado no preparo de chás, sucos, sopas e molhos, o gengibre é uma raiz medicinal que cumpre ação termogênica (acelera o metabolismo), antifúngica, antibacteriana, antioxidante, anti-inflamatória e cicatrizante.

O chá de gengibre, por exemplo, é ótimo para amenizar inflamações na garganta, ajuda a fortalecer a imunidade - pois é rico em vitaminas e antioxidantes - e elimina as toxinas do corpo, melhorando de forma significativa a saúde dos vasos sanguíneos.

O gengibre possui compostos ativos, como o gingerol (parente da capsaicina), que cumprem justamente essas funções medicinais e fazem muito bem para a saúde da pele: ajudam a combater manchinhas e até a curar feridas com mais rapidez. Interessante, né?

7. Açafrão-da-terra é uma especiaria que cumpre várias funções medicinais

Também conhecido como cúrcuma ou gengibre amarelo, o açafrão-da-terra é um tipo de tempero medicinal que pode ser usado no preparo de frangos, peixes, risotos, sopas e diferentes molhos.

Ele contém compostos ativos importantes, como a curcumina (um tipo de pigmento antioxidante) que atua como anti-inflamatório, antiviral, antibacteriano e cicatrizante natural, ajudando a tratar feridas e a amenizar sintomas inflamatórios, como dores de garganta.

Uma boa dica, por exemplo, é preparar chá de açafrão junto com outras especiarias, como gengibre, canela, pimenta, mel e limão, compondo misturas que ajudam a limpar o organismo, fortalecem a imunidade e combatem inflamações crônicas.

8. Chocolate amargo tem alto teor de triptofano e substâncias antioxidantes

Você sabia que o chocolate amargo é um grande aliado contra inflamações? Por conter um teor mais alto de cacau, ele é bastante rico em flavonoides, catequinas e outras substâncias antioxidantes que cumprem função anti-inflamatória no organismo. Esse tipo de chocolate também é fonte de triptofano - aminoácido precursor da serotonina (hormônio da felicidade), que ajuda a melhorar o humor e a tratar problemas como ansiedade e depressão.

9. Oleaginosas são alimentos bons para cicatrização e saúde do sistema cardiovascular

Castanhas, amêndoas, nozes e amendoins são alimentos que ajudam na cicatrização, têm ação antioxidante, anti-inflamatória e podem trazer uma série de benefícios à saúde - fortalecem os sistemas circulatório, nervoso, imunológico e são bastante nutritivos.

O grande diferencial das oleaginosas é que elas são ricas em ômega 3 - ácido-graxo que é convertido em substâncias anti-inflamatórias no organismo - e também têm um alto teor de zinco, mineral que ajuda a manter uma boa produção de colágeno para a cicatrização de feridas e ainda ajuda a reduzir a dor de processos inflamatórios.

10. Sementes de chia, linhaça e gergelim são ricas em ômega 3

Assim como as oleaginosas e peixes, as sementes de linhaça, chia e gergelim são fontes importantes de ômega 3 - um dos nutrientes mais importantes para combater inflamações, melhorar o sistema de cicatrização e fortalecer o sistema cardiovascular. Essas sementes também são ricas em fibras, proteínas, vitaminas e minerais (como zinco, ferro, fósforo e magnésio) que são importantes para o funcionamento do organismo como um todo.

Outros alimentos anti-inflamatórios e cicatrizantes: tomate, beterraba, berinjela, couve, brócolis, uva e especiarias como a canela.

Tenha uma alimentação balanceada, evitando alimentos ricos em gorduras trans e saturadas

Além de incluir alimentos cicatrizantes e anti-inflamatórios no cardápio, é importante planejar uma alimentação balanceada e variada, dando preferência a alimentos naturais - frutas, legumes, verduras, sementes, leguminosas e oleaginosas. Em vez de comer biscoitos recheados, alimentos congelados e outros produtos ultraprocessados - que contêm muito açúcar, gorduras trans e saturadas -, que tal comer frutas e barrinhas de cereais, por exemplo?

Para realmente evitar inflamações e garantir uma boa saúde da pele (contribuindo para a recuperação de feridas, por exemplo), é essencial evitar alimentos que contribuem para o surgimento de processos inflamatórios. A nossa dica é justamente tentar se programar ao máximo para comer da forma mais saudável possível, fugindo dos exageros.

Últimas
Receitas
Ver Mais

Últimas Matérias

Piquenique simples: 7 lanches saudáveis para fazer com as crianças nas férias

Piquenique simples: 7 lanches saudáveis para fazer com as crianças nas férias Piquenique simples: 7 lanches saudáveis para fazer com as crianças nas férias

Fazer um piquenique simples com as crianças é uma das melhores formas de curtir as férias escolares em um dia de calor! Para montar a cesta de piquenique,...

> Leia mais
Como fazer suco com polpa de fruta? Saiba preparar e veja 13 sabores para provar

Como fazer suco com polpa de fruta? Saiba preparar e veja 13 sabores para provar Como fazer suco com polpa de fruta? Saiba preparar e veja 13 sabores para provar

Preparar um suco a partir da polpa de fruta é uma opção rápida e prática para quem está na correria do dia a dia, mas não quer deixar de se alimentar bem. A...

> Leia mais
5 benefícios do iogurte natural na alimentação do dia a dia

5 benefícios do iogurte natural na alimentação do dia a dia 5 benefícios do iogurte natural na alimentação do dia a dia

O iogurte natural costuma estar presente na dieta de todo mundo que deseja perder peso ou quer apenas melhorar a saúde. Além de ser um alimento bem versátil,...

> Leia mais
5 receitas com tapioca fáceis e saudáveis para experimentar

5 receitas com tapioca fáceis e saudáveis para experimentar 5 receitas com tapioca fáceis e saudáveis para experimentar

Receitas com tapioca são sempre um sucesso! A tapioca é uma iguaria brasileira, já utilizada pelos povos indígenas antes da colonização e bastante popular na...

> Leia mais
O que é glúten? Faz bem evitar? Nutricionista responde

O que é glúten? Faz bem evitar? Nutricionista responde O que é glúten? Faz bem evitar? Nutricionista responde

Você sabe o que é o glúten? Diferentemente do que é dito comumente, o glúten não é o vilão da alimentação e nem sempre ele precisa ser retirado da rotina...

> Leia mais
Lanche para noite: o que comer antes de dormir

Lanche para noite: o que comer antes de dormir Lanche para noite: o que comer antes de dormir

O lanche da noite é importante para quem costuma acordar com fome de madrugada e acaba perdendo o sono por isso. Também conhecida como ceia da noite, a...

> Leia mais
Pré treino natural com café funciona? Nutricionista responde

Pré treino natural com café funciona? Nutricionista responde Pré treino natural com café funciona? Nutricionista responde

O café está muito presente no dia a dia, mas você já ouviu falar que ele também é indicado como pré treino natural? Investir em alimentos saudáveis antes de...

> Leia mais
Molho de iogurte para salada: prepare em casa com ingredientes naturais

Molho de iogurte para salada: prepare em casa com ingredientes naturais Molho de iogurte para salada: prepare em casa com ingredientes naturais

Comer salada todo dia é um hábito super saudável, mas se o molho que acompanha as folhas não for tão natural quanto elas, o potencial nutricional do prato...

> Leia mais
Granola: benefícios para o organismo que você precisa conhecer

Granola: benefícios para o organismo que você precisa conhecer Granola: benefícios para o organismo que você precisa conhecer

A granola é um alimento orgânico que não pode faltar na cozinha. Isso porque ele é energético e extremamente versátil, podendo fazer parte de diferentes...

> Leia mais
Vegetarianismo infantil: como cuidar da alimentação de uma criança vegetariana

Vegetarianismo infantil: como cuidar da alimentação de uma criança vegetariana Vegetarianismo infantil: como cuidar da alimentação de uma criança vegetariana

O vegetarianismo é uma prática que tem se tornado cada vez mais comum entre o público infantojuvenil. O cardápio exclui qualquer tipo de carne das refeições,...

> Leia mais