Alimentação infantil: o que é permitido dar para crianças de até 2 anos?

Comidas naturais - como sopa de legumes e papinhas de frutas - são indicadas para crianças a partir dos 6 meses de idade
Comidas naturais - como sopa de legumes e papinhas de frutas - são indicadas para crianças a partir dos 6 meses de idade

Produto recomendado

Mamão papaya orgânico Taeq 600g

Mamão papaya orgânico Taeq 600g

Botão do Pão de Açúcar Delivery

Uma dúvida muito comum para quem tem criança de até dois anos em casa é em relação à alimentação. Afinal, além do leite materno, o que elas podem ou não comer? Pensando nisso, para te ajudar a tirar essa dúvida, conversamos com a nutricionista Luciana Novaes - que esclareceu essas e outras questões sobre o assunto, principalmente sobre o que não deve ser consumido, para garantir que os pequenos sejam bem cuidados nessa fase.

Alimentos naturais devem ser introduzidos depois dos 6 meses de idade

Para que a criança cresça forte e saudável, é importante começar a investir em uma alimentação rica em nutrientes importantes para o organismo já nessa primeira fase. Segundo a nutricionista Luciana Novaes, até os seis meses de idade, elas devem consumir apenas o leite materno e, a partir daí, começar a estimular a entrada de alimentos naturais - como sopinhas de legumes e frutas bem amassadas, em forma de papinhas, para que não haja risco de engasgos.

O que evitar na alimentação dos pequenos?

Enquanto os alimentos naturais trazem todos os nutrientes necessários para a saúde dos bebês, os industrializados têm efeito contrário e não devem fazer parte do cardápio. "Esses alimentos são ricos em sódio, açúcar e gorduras e podem contribuir para um ganho de peso excessivo, alterações no organismo que podem levar a um aumento da glicose e do colesterol sanguíneo, favorecendo o desenvolvimento de doenças como o diabetes", esclarece a nutricionista. Dentre os proibidos, estão cereais matinais, achocolatados, iogurte de sabores, biscoitos recheados, gelatinas de caixinha e leite condensado.

De acordo com a profissional, o leite de vaca também deve ser evitado - mesmo depois dos seis meses - por poder trazer algumas complicações para a saúde da criança. "Ele não é aconselhável porque a quantidade de proteína é muito elevada e isso aumenta as chances de desencadear a APLV (alergia à proteína do leite de vaca)", explica. Sendo assim, nos casos em que o bebê se recusa a consumir o leite materno, ela afirma que ele deve ser substituído apenas pela fórmula infantil até os dois de anos de idade.

Refeições devem ser feitas com intervalos de 3 a 4 horas no máximo

Até os seis meses, quando a criança ainda está na fase do leite materno, não existe um padrão de horário específico para a alimentação - e, inclusive, é até importante que ela seja feita em horas alternadas. "Durante a amamentação é aconselhável que ela seja dada em livre demanda, porque a criança aprende assim a controlar os estímulos de fome e saciedade", afirma a nutricionista.

Já quando começa a entrada dos alimentos, Luciana recomenda uma amamentação ao acordar, um lanche da manhã, almoço, lanche da tarde, jantar e uma amamentação antes de dormir. "Uma média é colocar para a criança de 4 a 6 refeições que ocorram em intervalos de 3 a 4 horas no máximo", diz.

* Luciana Novaes (CRN4 14100757) é nutricionista clínica com especialização em gestantes, vegetarianos e nutrição estética

Últimas
Receitas
Ver Mais

Últimas Matérias

Foco e equilíbrio: mulheres contam como a meditação mudou as suas vidas

Foco e equilíbrio: mulheres contam como a meditação mudou as suas vidas Foco e equilíbrio: mulheres contam como a meditação mudou as suas vidas

Com todo o estresse e a correria do dia a dia, desacelerar é o caminho. Por isso, além de procurar atividades físicas para liberar endorfina e manter a saúde...

> Leia mais
Os exercícios que ajudam quem sofre com asma a respirar melhor

Os exercícios que ajudam quem sofre com asma a respirar melhor Os exercícios que ajudam quem sofre com asma a respirar melhor

Engana-se quem pensa que as pessoas que têm asma devem ficar longe de exercícios físicos: algumas atividades podem ser até aliadas para melhorar o problema...

> Leia mais
7 temperos que você deveria usar com mais frequência na cozinha

7 temperos que você deveria usar com mais frequência na cozinha 7 temperos que você deveria usar com mais frequência na cozinha

Temperos são indispensáveis para que a refeição ganhe um gostinho a mais, além de também aparecerem como aliados para quem precisa diminuir a quantidade de...

> Leia mais
Você sabe o que é endro? Conheça os benefícios dessa erva na nossa alimentação

Você sabe o que é endro? Conheça os benefícios dessa erva na nossa alimentação Você sabe o que é endro? Conheça os benefícios dessa erva na nossa alimentação

Com o nome científico de Anethum Graveolens, o endro é uma planta que entrega vários benefícios para a saúde. Embora não seja tão conhecida no Brasil, essa...

> Leia mais
Hortaliças de dezembro: descubra quais os melhores orgânicos para o mês

Hortaliças de dezembro: descubra quais os melhores orgânicos para o mês Hortaliças de dezembro: descubra quais os melhores orgânicos para o mês

Dezembro já chegou e além do período das festas de final de ano, é hora de ficar atento aos principais alimentos do mês para usufruir o melhor da alimentação...

> Leia mais
Vai fazer tatuagem? Entenda como a alimentação saudável ajuda a evitar infecções

Vai fazer tatuagem? Entenda como a alimentação saudável ajuda a evitar infecções Vai fazer tatuagem? Entenda como a alimentação saudável ajuda a evitar infecções

Escolher o desenho ou a frase ideal é uma das principais preocupações de quem vai fazer tatuagem - afinal, é algo que irá ficar marcado na pele para sempre....

> Leia mais
Você conhece o kiwi amarelo? Saiba mais sobre essa fruta que ganhou popularidade

Você conhece o kiwi amarelo? Saiba mais sobre essa fruta que ganhou popularidade Você conhece o kiwi amarelo? Saiba mais sobre essa fruta que ganhou popularidade

O kiwi tradicional, de cor verde, já é conhecido pelo sabor delicioso e por entregar vários benefícios para a saúde - como aumento da imunidade, melhora na...

> Leia mais
Vida sem pão: como celíacos podem substituir o alimento na dieta diária

Vida sem pão: como celíacos podem substituir o alimento na dieta diária Vida sem pão: como celíacos podem substituir o alimento na dieta diária

Celíacos - ou seja, intolerantes ou alérgicos ao glúten - precisam seguir uma dieta regrada para ficarem bem longe de todos os alimentos que contam com essa...

> Leia mais
Água de berinjela faz bem ou mal? Saiba mais sobre esse inusitado ingrediente

Água de berinjela faz bem ou mal? Saiba mais sobre esse inusitado ingrediente Água de berinjela faz bem ou mal? Saiba mais sobre esse inusitado ingrediente

Sabia que a berinjela é um alimento tão nutritivo e versátil que pode ser aproveitada até mesmo como água? A água de berinjela é uma infusão com o legume e...

> Leia mais
Os benefícios do orégano e por que passar a usá-lo mais no preparo dos pratos

Os benefícios do orégano e por que passar a usá-lo mais no preparo dos pratos Os benefícios do orégano e por que passar a usá-lo mais no preparo dos pratos

Pizza, macarrão, saladas, salgadinhos... São várias preparações que podem contar com o orégano como tempero. No entanto, você sabia que esse ingrediente, que...

> Leia mais