Alimentação infantil: o que é permitido dar para crianças de até 2 anos?

Comidas naturais - como sopa de legumes e papinhas de frutas - são indicadas para crianças a partir dos 6 meses de idade
Comidas naturais - como sopa de legumes e papinhas de frutas - são indicadas para crianças a partir dos 6 meses de idade
Luciana Novaes

Consultor:

Luciana Novaes

Nutricionista mestre em Saúde Pública pela FIOCRUZ com especialização em Saúde Materna e Infantil e Nutrição Clínica e Estética pelo IPGS

Produto recomendado

Mamão papaya orgânico Taeq 600g

Mamão papaya orgânico Taeq 600g

Botão do Pão de Açúcar Delivery

Uma dúvida muito comum para quem tem criança de até dois anos em casa é em relação à alimentação. Afinal, além do leite materno, o que elas podem ou não comer? Pensando nisso, para te ajudar a tirar essa dúvida, conversamos com a nutricionista Luciana Novaes - que esclareceu essas e outras questões sobre o assunto, principalmente sobre o que não deve ser consumido, para garantir que os pequenos sejam bem cuidados nessa fase.

Alimentos naturais devem ser introduzidos depois dos 6 meses de idade

Para que a criança cresça forte e saudável, é importante começar a investir em uma alimentação rica em nutrientes importantes para o organismo já nessa primeira fase. Segundo a nutricionista Luciana Novaes, até os seis meses de idade, elas devem consumir apenas o leite materno e, a partir daí, começar a estimular a entrada de alimentos naturais - como sopinhas de legumes e frutas bem amassadas, em forma de papinhas, para que não haja risco de engasgos.

O que evitar na alimentação dos pequenos?

Enquanto os alimentos naturais trazem todos os nutrientes necessários para a saúde dos bebês, os industrializados têm efeito contrário e não devem fazer parte do cardápio. "Esses alimentos são ricos em sódio, açúcar e gorduras e podem contribuir para um ganho de peso excessivo, alterações no organismo que podem levar a um aumento da glicose e do colesterol sanguíneo, favorecendo o desenvolvimento de doenças como o diabetes", esclarece a nutricionista. Dentre os proibidos, estão cereais matinais, achocolatados, iogurte de sabores, biscoitos recheados, gelatinas de caixinha e leite condensado.

De acordo com a profissional, o leite de vaca também deve ser evitado - mesmo depois dos seis meses - por poder trazer algumas complicações para a saúde da criança. "Ele não é aconselhável porque a quantidade de proteína é muito elevada e isso aumenta as chances de desencadear a APLV (alergia à proteína do leite de vaca)", explica. Sendo assim, nos casos em que o bebê se recusa a consumir o leite materno, ela afirma que ele deve ser substituído apenas pela fórmula infantil até os dois de anos de idade.

Refeições devem ser feitas com intervalos de 3 a 4 horas no máximo

Até os seis meses, quando a criança ainda está na fase do leite materno, não existe um padrão de horário específico para a alimentação - e, inclusive, é até importante que ela seja feita em horas alternadas. "Durante a amamentação é aconselhável que ela seja dada em livre demanda, porque a criança aprende assim a controlar os estímulos de fome e saciedade", afirma a nutricionista.

Já quando começa a entrada dos alimentos, Luciana recomenda uma amamentação ao acordar, um lanche da manhã, almoço, lanche da tarde, jantar e uma amamentação antes de dormir. "Uma média é colocar para a criança de 4 a 6 refeições que ocorram em intervalos de 3 a 4 horas no máximo", diz.

Últimas
Receitas
Ver Mais

Últimas Matérias

Está com potássio alto no sangue? Como baixar através da alimentação

Está com potássio alto no sangue? Como baixar através da alimentação Está com potássio alto no sangue? Como baixar através da alimentação

Você sabia que, quando consumido em excesso, o potássio pode ser muito prejudicial à saúde? A hipercaliemia (ou hiperpotassemia), para quem não conhece,...

> Leia mais
Bolo de banana com aveia fit: conheça opções para variar na receita

Bolo de banana com aveia fit: conheça opções para variar na receita Bolo de banana com aveia fit: conheça opções para variar na receita

Preparar sobremesas saudáveis e ao mesmo tempo saborosas não precisa ser algo difícil, sabia? Usando ingredientes mais naturais - como frutas, açúcar de coco...

> Leia mais
Fruta mangostão é exótica e cheia de nutrientes! Conheça seus benefícios

Fruta mangostão é exótica e cheia de nutrientes! Conheça seus benefícios Fruta mangostão é exótica e cheia de nutrientes! Conheça seus benefícios

Originário do sudeste asiático, o mangostão (ou mangostin) é uma fruta exótica bem suculenta, de sabor suave e altamente benéfica para a saúde. Além de ser...

> Leia mais
Para que serve o chá de erva-doce? 5 motivos para passar a consumi-lo

Para que serve o chá de erva-doce? 5 motivos para passar a consumi-lo Para que serve o chá de erva-doce? 5 motivos para passar a consumi-lo

Fonte de propriedades nutritivas e calmantes, o chá de erva-doce é uma bebida cheia de benefícios para a saúde! Assim como os de camomila e alfazema, ele é...

> Leia mais
Como fazer compota de berinjela sem erros

Como fazer compota de berinjela sem erros Como fazer compota de berinjela sem erros

Feita geralmente com a polpa de frutas, legumes e outros vegetais, a compota é um tipo de conserva (que pode ser salgada ou doce) que costuma ser servida com...

> Leia mais
4 frutas com S exóticas ricas em nutrientes

4 frutas com S exóticas ricas em nutrientes 4 frutas com S exóticas ricas em nutrientes

Você já deve ter reparado que existem tantos tipos de frutas ao redor do mundo que listar todas elas parece uma tarefa impossível. Mas para explorar um...

> Leia mais
Exercício de ponte fortalece músculos e coluna! Saiba mais sobre ele

Exercício de ponte fortalece músculos e coluna! Saiba mais sobre ele Exercício de ponte fortalece músculos e coluna! Saiba mais sobre ele

Está procurando um exercício simples e eficiente para fazer em casa? Indicado para fortalecer os glúteos e a musculatura da perna, o exercício de ponte pode...

> Leia mais
Existem alimentos ricos em progesterona? Saiba como aumentar o hormônio no corpo

Existem alimentos ricos em progesterona? Saiba como aumentar o hormônio no corpo Existem alimentos ricos em progesterona? Saiba como aumentar o hormônio no corpo

Manter uma boa alimentação é fundamental para garantir o bom funcionamento dos hormônios e do organismo como um todo. A progesterona, em especial, ajuda a...

> Leia mais
6 benefícios da geleia real, espécie de mel feita para alimentar a abelha-rainha

6 benefícios da geleia real, espécie de mel feita para alimentar a abelha-rainha 6 benefícios da geleia real, espécie de mel feita para alimentar a abelha-rainha

Produzida naturalmente pelas abelhas operárias para a alimentação da abelha-rainha, a geleia real é considerada um superalimento, pois concentra uma grande...

> Leia mais
O que fazer com as folhas do rabanete? Aprenda a aproveitá-las na cozinha

O que fazer com as folhas do rabanete? Aprenda a aproveitá-las na cozinha O que fazer com as folhas do rabanete? Aprenda a aproveitá-las na cozinha

Uma das melhores formas de evitar o desperdício de alimentos - e tornar a dieta mais nutritiva - é incorporar folhas, caules, talos, cascas e partes...

> Leia mais