Alimentação infantil: o que é permitido dar para crianças de até 2 anos?

Comidas naturais - como sopa de legumes e papinhas de frutas - são indicadas para crianças a partir dos 6 meses de idade
Comidas naturais - como sopa de legumes e papinhas de frutas - são indicadas para crianças a partir dos 6 meses de idade

Produto recomendado

Mamão papaya orgânico Taeq 600g

Mamão papaya orgânico Taeq 600g

Botão do Pão de Açúcar Delivery

Uma dúvida muito comum para quem tem criança de até dois anos em casa é em relação à alimentação. Afinal, além do leite materno, o que elas podem ou não comer? Pensando nisso, para te ajudar a tirar essa dúvida, conversamos com a nutricionista Luciana Novaes - que esclareceu essas e outras questões sobre o assunto, principalmente sobre o que não deve ser consumido, para garantir que os pequenos sejam bem cuidados nessa fase.

Alimentos naturais devem ser introduzidos depois dos 6 meses de idade

Para que a criança cresça forte e saudável, é importante começar a investir em uma alimentação rica em nutrientes importantes para o organismo já nessa primeira fase. Segundo a nutricionista Luciana Novaes, até os seis meses de idade, elas devem consumir apenas o leite materno e, a partir daí, começar a estimular a entrada de alimentos naturais - como sopinhas de legumes e frutas bem amassadas, em forma de papinhas, para que não haja risco de engasgos.

O que evitar na alimentação dos pequenos?

Enquanto os alimentos naturais trazem todos os nutrientes necessários para a saúde dos bebês, os industrializados têm efeito contrário e não devem fazer parte do cardápio. "Esses alimentos são ricos em sódio, açúcar e gorduras e podem contribuir para um ganho de peso excessivo, alterações no organismo que podem levar a um aumento da glicose e do colesterol sanguíneo, favorecendo o desenvolvimento de doenças como o diabetes", esclarece a nutricionista. Dentre os proibidos, estão cereais matinais, achocolatados, iogurte de sabores, biscoitos recheados, gelatinas de caixinha e leite condensado.

De acordo com a profissional, o leite de vaca também deve ser evitado - mesmo depois dos seis meses - por poder trazer algumas complicações para a saúde da criança. "Ele não é aconselhável porque a quantidade de proteína é muito elevada e isso aumenta as chances de desencadear a APLV (alergia à proteína do leite de vaca)", explica. Sendo assim, nos casos em que o bebê se recusa a consumir o leite materno, ela afirma que ele deve ser substituído apenas pela fórmula infantil até os dois de anos de idade.

Refeições devem ser feitas com intervalos de 3 a 4 horas no máximo

Até os seis meses, quando a criança ainda está na fase do leite materno, não existe um padrão de horário específico para a alimentação - e, inclusive, é até importante que ela seja feita em horas alternadas. "Durante a amamentação é aconselhável que ela seja dada em livre demanda, porque a criança aprende assim a controlar os estímulos de fome e saciedade", afirma a nutricionista.

Já quando começa a entrada dos alimentos, Luciana recomenda uma amamentação ao acordar, um lanche da manhã, almoço, lanche da tarde, jantar e uma amamentação antes de dormir. "Uma média é colocar para a criança de 4 a 6 refeições que ocorram em intervalos de 3 a 4 horas no máximo", diz.

* Luciana Novaes (CRN4 14100757) é nutricionista clínica com especialização em gestantes, vegetarianos e nutrição estética

Últimas
Receitas
Ver Mais

Últimas Matérias

Você sabia que há tipos de vegetarianismo? Conheça as diferenças entre eles

Você sabia que há tipos de vegetarianismo? Conheça as diferenças entre eles Você sabia que há tipos de vegetarianismo? Conheça as diferenças entre eles

Muita gente não sabe, mas existem diferentes vertentes do vegetarianismo que se baseiam em dietas alimentares distintas. A mais conhecida de todas é a...

> Leia mais
8 alimentos ricos em antioxidantes que você deve comer sempre

8 alimentos ricos em antioxidantes que você deve comer sempre 8 alimentos ricos em antioxidantes que você deve comer sempre

Os antioxidantes são substâncias importantes para a saúde de todo mundo. Isso porque eles atuam inibindo os radicais livres, de modo que conseguem retardar o...

> Leia mais
Iogurte com granola: por que essa combinação é tão saudável?

Iogurte com granola: por que essa combinação é tão saudável? Iogurte com granola: por que essa combinação é tão saudável?

Poucas coisas são tão boas quanto iniciar o dia com um café da manhã leve, saboroso e saudável. Justamente por isso, a combinação iogurte + granola é uma das...

> Leia mais
Aprenda formas de acrescentar a quinoa no cardápio do dia a dia

Aprenda formas de acrescentar a quinoa no cardápio do dia a dia Aprenda formas de acrescentar a quinoa no cardápio do dia a dia

Muito conhecida por adeptos de uma alimentação saudável, a quinoa (ou quinua) traz diversas vantagens para o organismo. Entre elas podemos citar ser rica em...

> Leia mais
Benefícios do zinco: saiba por que é importante comer alimentos ricos no mineral

Benefícios do zinco: saiba por que é importante comer alimentos ricos no mineral Benefícios do zinco: saiba por que é importante comer alimentos ricos no mineral

Que ferro evita a anemia e cálcio a osteoporose todo mundo sabe. Mas e o que dizer em relação ao zinco? A verdade é que embora o nome desse mineral seja bem...

> Leia mais
Prós e contras do veganismo que você precisa saber antes de adotar essa dieta

Prós e contras do veganismo que você precisa saber antes de adotar essa dieta Prós e contras do veganismo que você precisa saber antes de adotar essa dieta

Adotar o veganismo como estilo de vida é uma forma de valorizar a vida dos bichinhos. Afinal, a alimentação dos veganos exclui do cardápio o consumo de...

> Leia mais
Inspire-se em merendas escolares ao redor do mundo para montar a do seu filho

Inspire-se em merendas escolares ao redor do mundo para montar a do seu filho Inspire-se em merendas escolares ao redor do mundo para montar a do seu filho

Na hora de montar o cardápio escolar das crianças, uma das coisas mais importantes é selecionar alimentos que sejam mais nutritivos, saudáveis e que se...

> Leia mais
6 receitas com diferentes tipos de peixe que são uma explosão de ômega 3

6 receitas com diferentes tipos de peixe que são uma explosão de ômega 3 6 receitas com diferentes tipos de peixe que são uma explosão de ômega 3

Todo mundo sabe que o peixe é um dos alimentos mais bem-vindos em qualquer dieta. Afinal, ele é um dos fatores determinantes para o sucesso da Dieta do...

> Leia mais
Homus: os benefícios desse prato feito a partir do grão-de-bico

Homus: os benefícios desse prato feito a partir do grão-de-bico Homus: os benefícios desse prato feito a partir do grão-de-bico

Um dos pratos mais conhecidos e saborosos da cultura árabe, o homus (ou húmus) é um tipo de pasta cheia de propriedades e nutrientes que fazem muito bem à...

> Leia mais
Pode ou não pode? 5 alimentos que diabéticos devem evitar

Pode ou não pode? 5 alimentos que diabéticos devem evitar Pode ou não pode? 5 alimentos que diabéticos devem evitar

Quem possui diabetes sabe que todo cuidado é pouco quando se trata de alimentação. Não adianta tentar dar uma escapada da dieta regrada! Se consumir muito...

> Leia mais