Alimentação e autismo: Bons hábitos alimentares ajudam no tratamento! Veja como

Uma boa alimentação, saudável, equilibrada e repleta de nutrientes, é de suma importância para o tratamento do autismo, em seus mais variados níveis. Descubra aqui como eles agem no organismo, favorecendo e melhorando a qualidade de vida dessas pessoas.
Uma boa alimentação, saudável, equilibrada e repleta de nutrientes, é de suma importância para o tratamento do autismo, em seus mais variados níveis. Descubra aqui como eles agem no organismo, favorecendo e melhorando a qualidade de vida dessas pessoas.

Você sabia que a alimentação também está diretamente ligada ao tratamento de autismo? Sim, a ciência nutricional (nutrigenômica) comprova, cada vez mais, a eficácia de bons hábitos alimentares no desenvolvimento cerebral, equilibrando as funções neurológicas, que acentuam esse transtorno. Veja como alguns nutrientes agem diretamente no problema, melhorando a qualidade de vida dessas pessoas.

O autismo, em seus mais diferentes estágios, atinge cerca de 500 mil pessoas no Brasil. Considerado um desequilíbrio neurológico, ele gera uma desordem nas atividades cerebrais que afetam na interação e na comunicação social. Ainda não há um fator comprovado de sua causa, mas leva-se em consideração desde a genética e o ambiente de criação, à poluição do ar, complicações na gravidez e infecções causadas por vírus. Mas, como a alimentação pode ajudar no autismo? Segundo a nutricionista Laura Uzunian, os cuidados com a ingestão de nutrientes para os pacientes autistas é fundamental, uma vez que, dada tal importância, certos ajustes alimentares favorecerão os comportamentos e a sociabilidade do indivíduo, prevenindo e ou amenizando as crises:

"A alimentação equilibrada e adequada para autistas pode proporcionar melhora da interação do paciente com os familiares e amigos; melhora do foco, concentração e atenção; melhora da comunicação e maior contato visual; controle de crises de raiva e reações de pânico a lugares desconhecidos; incremento da linguagem oral e função intelectual", destaca a especialista, ressaltando que a alimentação dos autistas, no entanto, devem ser determinadas individualmente, já que é de extrema relevância a individualidade bioquímica do paciente. Ela analisa os nutrientes mais importantes para esse processo:

"Diversos nutrientes são necessários para compor a alimentação saudável do paciente, dentre eles, podemos destacar as vitaminas do complexo B, a N-Acetilcisteína (NAC), a coenzima Q10, a vitamina D, o selênio, cálcio, zinco e magnésio, além do ômega 3", completa a especialista.

A importância de restringir alguns alimentos para autistas

A instabilidade da flora intestinal, também chamada de disbiose, dificulta o processo de digestão, uma vez que as proteínas do glúten como o trigo, centeio e cevada, por exemplo, quando chegam a corrente sanguínea, afetam os sistemas de neurotransmissores que agem diretamente no comportamento do indivíduo. Sendo assim, devem ser evitados o consumo de alimentos industrializados que aumentam as toxidades no organismo, leite e seus derivados e aditivos como corantes que são associados à alterações do comportamento e a hiperatividade. A Dra. Laura salienta a importância de seguir um cardápio saudável e, principalmente, equilibrado no dia a dia:

"Com a alimentação equilibrada, nota-se diminuição de sintomas gastrointestinais como gases em excesso, estufamento abdominal, cólicas intestinais e regularização do funcionamento intestinal", finaliza a nutricionista.

*A nutricionista Laura Uzunian (CRN 21506) é especialista em Nutrição Clínica Funcional e Fisiologia do Exercício. Além disso, é Mestre em Educação e Saúde na Infância e Adolescência.

Últimas
Receitas
Ver Mais

Últimas Matérias

O que é glúten? Faz bem evitar? Nutricionista responde

O que é glúten? Faz bem evitar? Nutricionista responde O que é glúten? Faz bem evitar? Nutricionista responde

Você sabe o que é o glúten? Diferentemente do que é dito comumente, o glúten não é o vilão da alimentação e nem sempre ele precisa ser retirado da rotina...

> Leia mais
Lanche para noite: o que comer antes de dormir

Lanche para noite: o que comer antes de dormir Lanche para noite: o que comer antes de dormir

O lanche da noite é importante para quem costuma acordar com fome de madrugada e acaba perdendo o sono por isso. Também conhecida como ceia da noite, a...

> Leia mais
Pré treino natural com café funciona? Nutricionista responde

Pré treino natural com café funciona? Nutricionista responde Pré treino natural com café funciona? Nutricionista responde

O café está muito presente no dia a dia, mas você já ouviu falar que ele também é indicado como pré treino natural? Investir em alimentos saudáveis antes de...

> Leia mais
Molho de iogurte para salada: prepare em casa com ingredientes naturais

Molho de iogurte para salada: prepare em casa com ingredientes naturais Molho de iogurte para salada: prepare em casa com ingredientes naturais

Comer salada todo dia é um hábito super saudável, mas se o molho que acompanha as folhas não for tão natural quanto elas, o potencial nutricional do prato...

> Leia mais
Granola: benefícios para o organismo que você precisa conhecer

Granola: benefícios para o organismo que você precisa conhecer Granola: benefícios para o organismo que você precisa conhecer

A granola é um alimento orgânico que não pode faltar na cozinha. Isso porque ele é energético e extremamente versátil, podendo fazer parte de diferentes...

> Leia mais
Vegetarianismo infantil: como cuidar da alimentação de uma criança vegetariana

Vegetarianismo infantil: como cuidar da alimentação de uma criança vegetariana Vegetarianismo infantil: como cuidar da alimentação de uma criança vegetariana

O vegetarianismo é uma prática que tem se tornado cada vez mais comum entre o público infantojuvenil. O cardápio exclui qualquer tipo de carne das refeições,...

> Leia mais
Alimentos ricos em proteínas: uma opção para cada dia da semana

Alimentos ricos em proteínas: uma opção para cada dia da semana Alimentos ricos em proteínas: uma opção para cada dia da semana

Os alimentos ricos em proteínas são fundamentais para a manutenção da saúde do organismo. Afinal, os macronutrientes são responsáveis por gerar energia para...

> Leia mais
Chá de alho: para que serve e duas variações poderosas da bebida

Chá de alho: para que serve e duas variações poderosas da bebida Chá de alho: para que serve e duas variações poderosas da bebida

Já ouviu dizer que chá de alho com limão faz bem para a saúde? A bebida é conhecida popularmente como uma opção caseira para melhorar quadros de gripe e...

> Leia mais
Almoço rápido e saudável: filé de frango com shimeji e salada verde

Almoço rápido e saudável: filé de frango com shimeji e salada verde Almoço rápido e saudável: filé de frango com shimeji e salada verde

Na correria do dia a dia, às vezes o tempo fica curto para preparar as refeições, não é mesmo? É justamente nessas situações que é muito importante escolher...

> Leia mais
Como fazer salada verde com brócolis, repolho, espinafre e outros ingredientes

Como fazer salada verde com brócolis, repolho, espinafre e outros ingredientes Como fazer salada verde com brócolis, repolho, espinafre e outros ingredientes

O almoço e o jantar só ficam completos quando tem uma salada verde para acompanhar, não é mesmo? Sendo servida como entrada ou ao lado de massas, panquecas,...

> Leia mais