Alergia ao trigo e doença celíaca não são a mesma coisa! Entenda suas diferenças

Quem é celíaco ou tem alergia ao trigo precisa cortar o consumo de pães, bolos, biscoitos e de outras massas
Quem é celíaco ou tem alergia ao trigo precisa cortar o consumo de pães, bolos, biscoitos e de outras massas

Muitas pessoas costumam confundir alergia com intolerância alimentar, sabia? Só que os dois problemas são distintos e causam sintomas diferentes no organismo. Os celíacos, por exemplo, têm intolerância ao glúten (proteína presente no trigo e em diversos cereais). Mas, o que muita gente não sabe, é que também existe alergia ao trigo - um problema mais específico, que não necessariamente tem relação com o glúten. Aqui, nós listamos as principais diferenças entre alergia e intolerância. Dá uma olhada!

Afinal, qual é a diferença entre alergia e intolerância alimentar?

Diferenciar alergia de intolerância alimentar é mais fácil do que parece! Alergias alimentares, de uma forma geral, costumam surgir na infância e podem ser diagnosticadas com testes cutâneos ou através do RAST - exame de sangue que identifica anticorpos específicos e, assim, aponta se alguma substância causa (ou não) alergia no indivíduo. A intolerância alimentar, por outro lado, costuma aparecer em crianças maiores ou já na fase adulta - e, assim como a alergia, é um problema irreversível.

Além disso, enquanto a alergia é um problema mais raro (geralmente tem relação com o histórico familiar da pessoa), a intolerância ao glúten é algo mais frequente. Muitas pessoas tornam-se celíacas por conta de hábitos alimentares (por cortar o glúten de forma desnecessária, por exemplo) ou por conta de alguma doença ou problema no intestino.

Caso a pessoa tenha alergia ao trigo, por exemplo, o organismo encara a alimento como um agente invasor - o que causa sintomas como coceiras na pele, nos olhos e na garganta. No caso da intolerância ao glúten, por outro lado, as reações costumam se dar mais no aparelho gastrointestinal (com inchaço e dores abdominais, por exemplo).

Vale destacar que a alergia ao trigo nem sempre tem relação com o glúten em si, pois é possível que a pessoa seja alérgica a outra substância presente no alimento. Mesmo assim, na maioria das vezes, a gliadina (componente do glúten) é a causadora da alergia. Por isso, é muito importante fazer exames para identificar corretamente o alérgeno - isto é, a substância presente no trigo que causa alergia.

Com a intolerância alimentar o nutriente não é digerido corretamente, causando dores abdominais e uma série de sintomas

Quando há intolerância ao glúten, a ingestão da proteína pode causar uma série de sintomas: vômito, diarreia, inchaço abdominal, cólicas, dores mais intensas e até sintomas mais extremos. Por isso, quem é celíaco precisa tomar muito cuidado para não entrar em contato com o glúten - isto é, deve-se cortar o consumo de diferentes biscoitos, pães, bolos, massas, cereais e alimentos que possam conter a proteína.

Alergia ao trigo costuma causar reações na pele e na garganta

A alergia ao trigo é considerada um problema mais grave que a intolerância ao glúten, sabia? Caso a pessoa seja alérgica e entre em contato com o trigo, os sintomas podem ser bem graves: coceiras na pele, nos olhos, irritação na garganta, urticária e, em casos mais graves, até mesmo choques anafiláticos que podem levar à morte. Por isso, quem sofre com esse tipo de alergia precisa tomar todos os cuidados e fazer o devido acompanhamento com um médico.

Últimas
Receitas
Ver Mais

Últimas Matérias

Mozarela de búfala tem lactose? Saiba tudo sobre esse queijo

Mozarela de búfala tem lactose? Saiba tudo sobre esse queijo Mozarela de búfala tem lactose? Saiba tudo sobre esse queijo

Você sabia que a mozarela de búfala é um dos tipos de queijos brancos mais consumidos do mundo? Conhecida pela sua textura cremosa e suculenta, ela tem como...

> Leia mais
Macarrão sem farinha de trigo: 4 opções ótimas para celíacos

Macarrão sem farinha de trigo: 4 opções ótimas para celíacos Macarrão sem farinha de trigo: 4 opções ótimas para celíacos

Você sabia que é possível preparar receitas de macarrão sem necessariamente usar farinha de trigo? Quem é celíaco, por exemplo, deve passar longe de pratos...

> Leia mais
6 lanches veganos supernutritivos para comer a qualquer hora

6 lanches veganos supernutritivos para comer a qualquer hora 6 lanches veganos supernutritivos para comer a qualquer hora

Às vezes pode parecer difícil seguir uma dieta vegana e ter tempo para preparar lanches sem ingredientes de origem animal durante a correria do dia a dia....

> Leia mais
O que é sagu? Conheça a fécula muito usada no preparo de sobremesas gaúchas

O que é sagu? Conheça a fécula muito usada no preparo de sobremesas gaúchas O que é sagu? Conheça a fécula muito usada no preparo de sobremesas gaúchas

Se você gosta de experimentar comidas típicas de diferentes regiões do Brasil, é bem provável que já conheça o sagu - uma sobremesa feita com vinho tinto...

> Leia mais
Pimenta-rosa: 5 benefícios dessa planta brasileira na sua alimentação

Pimenta-rosa: 5 benefícios dessa planta brasileira na sua alimentação Pimenta-rosa: 5 benefícios dessa planta brasileira na sua alimentação

Fruto da aroeira-vermelha, a pimenta-rosa é uma planta brasileira de ardência leve, sabor adocicado e aparência delicada. Mas além de características e...

> Leia mais
4 receitas com coco ralado fresco que são supernutritivas

4 receitas com coco ralado fresco que são supernutritivas 4 receitas com coco ralado fresco que são supernutritivas

Considerado um superalimento, o coco é uma fruta das frutas mais nutritivas que existe. Ele é rico em minerais importantes como cálcio, magnésio, cobre,...

> Leia mais
5 livros para relaxar a mente e deixar os dias mais tranquilos

5 livros para relaxar a mente e deixar os dias mais tranquilos 5 livros para relaxar a mente e deixar os dias mais tranquilos

Criar o hábito de ler livros de diferentes temas no dia a dia pode ser mais benéfico do que você imagina. Além de ser uma forma de aprender, desenvolver...

> Leia mais
Pré-diabetes tem como reverter? Aprenda a tratá-la da forma adequada

Pré-diabetes tem como reverter? Aprenda a tratá-la da forma adequada Pré-diabetes tem como reverter? Aprenda a tratá-la da forma adequada

Para muitas pessoas, receber o diagnóstico de diabetes é sinônimo de restrições alimentares e complicações de saúde a longo prazo. Basta receber a notícia...

> Leia mais
Tempo de molho do feijão, da lentilha e mais! Saiba o ideal para as leguminosas

Tempo de molho do feijão, da lentilha e mais! Saiba o ideal para as leguminosas Tempo de molho do feijão, da lentilha e mais! Saiba o ideal para as leguminosas

Deixar leguminosas (como feijão, lentilha ou ervilha) e outros grãos de molho é fundamental para eliminar os antinutrientes - substâncias que podem...

> Leia mais
Para que serve a bromelina? Conheça essa enzima boa para a digestão

Para que serve a bromelina? Conheça essa enzima boa para a digestão Para que serve a bromelina? Conheça essa enzima boa para a digestão

Presente em todas as partes do abacaxi (polpa, casca e caule), a bromelina é um tipo de enzima que auxilia na digestão e também é usada para fins medicinais....

> Leia mais