Ágar-ágar é gelatina? As propriedades dessa alga nutritiva usada na dieta vegana

Ágar-ágar é muito rico em fibras, vitaminas e minerais, além de ser ótimo para quem quer emagrecer
Ágar-ágar é muito rico em fibras, vitaminas e minerais, além de ser ótimo para quem quer emagrecer

Pessoas que resolveram aderir ao veganismo muitas vezes ficam um pouco perdidas em relação ao que podem ou não comer. Afinal, alguns produtos parecem inofensivos, mas na verdade têm origem animal. Esse é o caso, por exemplo, da gelatina, que é feita a partir de cartilagem, ossos ou mesmo pele de alguns animais, como o boi. O problema é que ela não só é usada como sobremesa como também se tornou um ingrediente comum em diversas receitas. A solução? O ágar-ágar.

O ingrediente é extraído a partir de algas marinhas e já se tornou um queridinho de dietas vegetarianas e veganas. Mas não pense que ele é uma novidade! Afinal, os primeiros registros de sua extração datam do século XVII no Japão. De lá para cá o seu uso foi difundido e nos últimos tempos passou a ser muito mencionado como substituto em receitas que usam a gelatina como ingrediente. Um dos exemplos que mais se popularizou foi o bolo de vidro, que tinha uma aparência espelhada, mas cujo segredo era simplesmente o uso de ágar-ágar.

Ágar-ágar é indicado para quem quer emagrecer

Mesmo quem não é vegano encontra apenas vantagens em substituir a gelatina tradicional pelo ágar-ágar. Isso porque ele é rico em vitaminas A, B1, B2, C e D, além de ter um alto teor de sais minerais, como magnésio, cálcio e zinco. Além disso, é uma ótima fonte de proteínas, ajudando na construção muscular, aumentando o metabolismo e permitindo que o corpo queime gordura mais rapidamente.

Portanto, podemos dizer que, além de muito nutritivo, o ágar-ágar é altamente indicado tanto às pessoas que praticam exercícios quanto às que querem emagrecer. Extremamente rico em fibras, ele ajuda a regular o intestino, eliminando toxinas e evitando tanto a prisão de ventre quanto aquela sensação de inchaço no corpo. Seu consumo também produz saciedade, permitindo que a pessoa coma exatamente a quantidade necessária para o bom funcionamento do corpo sem cometer excessos. Além disso, atua como um desintoxicante, sendo muito indicado a pessoas que optaram pela alimentação detox. Por fim, ainda é um alimento com poucas calorias, algo essencial para quem quer perder peso.

Colágeno presente no ágar-ágar evita o envelhecimento da pele

Outra característica muito importante do ágar-ágar é que ele é ótimo para quem quer evitar o envelhecimento precoce. Isso porque ele possui colágeno, o que garante elasticidade à pele e evita o aparecimento de rugas e espinhas. Ao permitir que ela fique mais firme, ele acaba retardando o processo de flacidez, que se torna comum com a idade, deixando a pele mais firme e impedindo o surgimento da celulite. Essa proteína também atua em outras partes do corpo, fortalecendo unhas, dentes e dando mais vitalidade aos fios do cabelo.

Na gastronomia ele pode ser utilizado em pratos doces e salgados

Há três formas de encontrar o ágar-ágar: em tiras de algas secas, em cápsulas e em pó, sendo essa a maneira mais difundida. Embora ele seja conhecido por substituir a gelatina, não necessariamente precisa ser utilizado para fazer essa sobremesa. Geleia e musse, por exemplo, são algumas opções para quem busca algo doce, mas o ingrediente também pode ser adotado em pratos salgados, já que não altera o sabor dos alimentos. Outra grande vantagem prática no seu uso na gastronomia é que ele não derrete em temperatura ambiente e nem possui aditivos químicos. É importante destacar que o ágar-ágar possui um poder de gelificação três vezes maior que o da gelatina comum, o que significa que na hora de fazer a substituição na receita é preciso usar uma quantidade menor dessa alga para ter o mesmo resultado de firmeza.

Como fazer gelatina e chá de ágar-ágar

Embora possa ser usado em diversas receitas, não há como negar que o uso mais comum do ágar-ágar é para fazer gelatina e chá. Lembrando que para ele adquirir um aspecto viscoso é preciso que seja fervido com uma quantidade mínima de líquido. Na hora de preparar a gelatina é necessário inserir o sabor desejado fazendo um suco, que se for natural é ainda mais saudável. Já o açúcar é a gosto. A proporção é que 1 litro água pede entre 1 e 2 colheres de sopa de ágar-ágar, mas uma boa dica é ferver diretamente o suco em vez de misturá-lo com a água, já que assim o seu sabor ficará mais forte.

Para fazer o chá não é preciso ter medo, já que ele não vai passar pelo processo de gelificação se a água estiver apenas morna, e não fervendo. Para prepará-lo basta esquentar um copo de água e dissolver nela uma colher de ágar-ágar. Essa bebida detox é ótima para que o corpo absorva todos os nutrientes dessa alga sem que seja preciso preparar uma receita mais elaborada.

Últimas
Receitas
Ver Mais

Últimas Matérias

O que é glúten? Faz bem evitar? Nutricionista responde

O que é glúten? Faz bem evitar? Nutricionista responde O que é glúten? Faz bem evitar? Nutricionista responde

Você sabe o que é o glúten? Diferentemente do que é dito comumente, o glúten não é o vilão da alimentação e nem sempre ele precisa ser retirado da rotina...

> Leia mais
Lanche para noite: o que comer antes de dormir

Lanche para noite: o que comer antes de dormir Lanche para noite: o que comer antes de dormir

O lanche da noite é importante para quem costuma acordar com fome de madrugada e acaba perdendo o sono por isso. Também conhecida como ceia da noite, a...

> Leia mais
Pré treino natural com café funciona? Nutricionista responde

Pré treino natural com café funciona? Nutricionista responde Pré treino natural com café funciona? Nutricionista responde

O café está muito presente no dia a dia, mas você já ouviu falar que ele também é indicado como pré treino natural? Investir em alimentos saudáveis antes de...

> Leia mais
Molho de iogurte para salada: prepare em casa com ingredientes naturais

Molho de iogurte para salada: prepare em casa com ingredientes naturais Molho de iogurte para salada: prepare em casa com ingredientes naturais

Comer salada todo dia é um hábito super saudável, mas se o molho que acompanha as folhas não for tão natural quanto elas, o potencial nutricional do prato...

> Leia mais
Granola: benefícios para o organismo que você precisa conhecer

Granola: benefícios para o organismo que você precisa conhecer Granola: benefícios para o organismo que você precisa conhecer

A granola é um alimento orgânico que não pode faltar na cozinha. Isso porque ele é energético e extremamente versátil, podendo fazer parte de diferentes...

> Leia mais
Vegetarianismo infantil: como cuidar da alimentação de uma criança vegetariana

Vegetarianismo infantil: como cuidar da alimentação de uma criança vegetariana Vegetarianismo infantil: como cuidar da alimentação de uma criança vegetariana

O vegetarianismo é uma prática que tem se tornado cada vez mais comum entre o público infantojuvenil. O cardápio exclui qualquer tipo de carne das refeições,...

> Leia mais
Alimentos ricos em proteínas: uma opção para cada dia da semana

Alimentos ricos em proteínas: uma opção para cada dia da semana Alimentos ricos em proteínas: uma opção para cada dia da semana

Os alimentos ricos em proteínas são fundamentais para a manutenção da saúde do organismo. Afinal, os macronutrientes são responsáveis por gerar energia para...

> Leia mais
Chá de alho: para que serve e duas variações poderosas da bebida

Chá de alho: para que serve e duas variações poderosas da bebida Chá de alho: para que serve e duas variações poderosas da bebida

Já ouviu dizer que chá de alho com limão faz bem para a saúde? A bebida é conhecida popularmente como uma opção caseira para melhorar quadros de gripe e...

> Leia mais
Almoço rápido e saudável: filé de frango com shimeji e salada verde

Almoço rápido e saudável: filé de frango com shimeji e salada verde Almoço rápido e saudável: filé de frango com shimeji e salada verde

Na correria do dia a dia, às vezes o tempo fica curto para preparar as refeições, não é mesmo? É justamente nessas situações que é muito importante escolher...

> Leia mais
Como fazer salada verde com brócolis, repolho, espinafre e outros ingredientes

Como fazer salada verde com brócolis, repolho, espinafre e outros ingredientes Como fazer salada verde com brócolis, repolho, espinafre e outros ingredientes

O almoço e o jantar só ficam completos quando tem uma salada verde para acompanhar, não é mesmo? Sendo servida como entrada ou ao lado de massas, panquecas,...

> Leia mais