7 alimentos que você pode (e deve) comer com casca

Para aproveitar todas as vitaminas, minerais, fibras e antioxidantes de alimentos como batata, abobrinha e cenoura, é importante que você os consuma junto com as suas casca
Para aproveitar todas as vitaminas, minerais, fibras e antioxidantes de alimentos como batata, abobrinha e cenoura, é importante que você os consuma junto com as suas casca

Para aproveitar todos os nutrientes que os alimentos têm a oferecer, é importante que você consuma não apenas a polpa, mas também as suas cascas e sementes. Em muitos casos, inclusive, a casca é a maior fonte de vitaminas e minerais do alimento. Por isso, é importante que você faça um esforcinho para não descartá-la! Para que você se inspire a consumir mais os alimentos com casca, nós listamos 7 deles que não só podem, como devem ser consumidos por inteiro. Confira!

1. Casca de batata é fonte de fibras e minerais importantes

A batata é aquele tipo de alimento que faz sucesso de qualquer forma, né? Pode ser cozida, frita, grelhada, ensopada... São muitas as opções de receitas e preparos deliciosos! Na maioria das vezes, no entanto, as pessoas costumam remover a casca e consomem apenas a sua polpa.

Mas, para usufruir melhor os benefícios do alimento, o ideal é que você consuma todas as partes da batata - a casca, em especial, é fonte de fibras, minerais como fósforo, potássio e zinco, fundamentais para a saúde. Vale destacar que existem diferentes tipos de batata: inglesa, doce, baroa, yacon e por aí vai. A melhor parte é que todas elas podem ser consumidas por completo.

2. Quando consumida com casca, a cenoura fornece quantidade maior de betacaroteno

Na hora de preparar receitas com cenoura (saladas, caldos e até mesmo bolos), o mais indicado é não descartar a casca do alimento. Afinal, ela é fonte importante de betacaroteno - um antioxidante que pode ser convertido em vitamina A e que combate a atuação dos radicais livres. A cenoura pode ser cozida junto com a casca e usada no preparo de diferentes pratos. Fica a dica!

3. Fonte de licopeno, tomate com casca é ótimo para a prevenção do câncer

Na hora de cozinhar, algumas pessoas têm o costume de tirar as sementes e a casca do tomate. No entanto, esse não é um hábito muito inteligente, tendo em mente que a casca do fruto é uma das principais fontes de licopeno - antioxidante conhecido por auxiliar na prevenção do câncer (em especial, o de próstata). Além disso, é na casca que se concentram as fibras do alimento, e esse nutriente é importante para manter o bom funcionamento do sistema digestivo.

4. Você pode preparar diferentes receitas com casca de abobrinha

Já experimentou abobrinha assada (ou frita na airfryer) com sal e pimenta? Para preparar essa receita, basta fatiar o legume em fatias finas, temperar e colocar no forno. O segredo, no entanto, é não retirar a casca - afinal, essa parte tem uma concentração grande de fibras e vitaminas. O lado bom é que existem diversas receitas que podem ser feitas com casca de abobrinha - pastas, molhos, risotos, massas e por aí vai.

5. Casca de maçã pode ser consumida in natura, usada no preparo de bolos, geleias e diferentes doces

Tem gente que já tem o costume de comer maçã com casca - no entanto, algumas pessoas ainda insistem em remover essa parte da fruta na hora de comer e preparar doces. Por ser fonte de fibras e antioxidantes, no entanto, a casca da maçã ser considerada é algo indispensável. A nossa dica é também usá-la para preparar saladas de frutas, tortas, geleias e outros doces.

6. Berinjela com casca cozida é uma importante fonte de vitaminas, minerais e antioxidantes

Muitos e não sabem, mas a casca da berinjela é uma das mais benéficas que existem: é rica em vitaminas A, C do complexo B e em minerais, como cálcio, potássio e zinco, além de possuir o antioxidante antocianina (ótimo para combater os radicais livres).

Mas atenção! É importante que você consuma a casca da berinjela apenas cozida. Quando crua, ela pode ser tóxica para o organismo, pois possui a substância solanina (um tipo de toxina natural do fruto). Mas, após o cozimento, pode ficar tranquilo que a toxina é eliminada! Você pode preparar receitas de berinjela refogada, recheada, à milanesa e por aí vai.

7. Casca de kiwi tem uma concentração muito maior de antioxidantes

O kiwi é outra fruta que deve ser consumida sempre com a casca. Afinal, essa parte do alimento possui três vezes mais antioxidantes que a polpa. Por isso, na hora de preparar sucos, saladas de frutas e outras receitas com kiwi, lembre-se de não descartar a casca. Fica a dica!

Receitas:
Cenoura
Ver Mais

Últimas Matérias

Arginina: para que serve e onde encontrar

Arginina: para que serve e onde encontrar Arginina: para que serve e onde encontrar

As refeições diárias estão cheias de nutrientes essenciais e superimportantes que nem imaginamos, como é o caso da arginina! Essa substância está presente no...

> Leia mais
Barra de frutas: o que é e como consumir

Barra de frutas: o que é e como consumir Barra de frutas: o que é e como consumir

A barra de frutas é uma fonte de energia e tanto, principalmente em dias mais corridos! Incluir o alimento no cardápio é sinônimo de saúde e saciedade para o...

> Leia mais
Iogurte natural: 6 motivos para consumir diariamente

Iogurte natural: 6 motivos para consumir diariamente Iogurte natural: 6 motivos para consumir diariamente

Ótimo para preparar vitaminas, smoothies e incrementar saladas, o iogurte natural é um ingrediente bem nutritivo que ajuda a manter o organismo em...

> Leia mais
Patê de berinjela: aprenda 3 formas de preparar

Patê de berinjela: aprenda 3 formas de preparar Patê de berinjela: aprenda 3 formas de preparar

Você já conhece o sabor do patê de berinjela? Além de todos os benefícios que o alimento apresenta para o organismo, o legume também agrada o paladar de um...

> Leia mais
Dieta sem carboidratos funciona? Veja a opinião de uma especialista

Dieta sem carboidratos funciona? Veja a opinião de uma especialista Dieta sem carboidratos funciona? Veja a opinião de uma especialista

Já ouviu falar da dieta cetogênica? Em outras palavras, as pessoas que seguem esse cardápio diferenciado se adequam a uma dieta sem carboidrato. É uma...

> Leia mais
Café da manhã saudável e rápido: 4 ideias para não pular essa refeição

Café da manhã saudável e rápido: 4 ideias para não pular essa refeição Café da manhã saudável e rápido: 4 ideias para não pular essa refeição

Conciliar um café da manhã saudável com uma rotina mais corrida não precisa ser um problema. Você sabia que existem opções nutritivas bem rápidas de...

> Leia mais
Pimentão verde: truques para evitar indisgestão ao consumir o alimento

Pimentão verde: truques para evitar indisgestão ao consumir o alimento Pimentão verde: truques para evitar indisgestão ao consumir o alimento

Muito usado no preparo de saladas, refogados, molhos (como o vinagrete), risotos e moquecas, o pimentão verde é um tipo de vegetal bem nutritivo e saboroso,...

> Leia mais
Pão ou tapioca? Qual é o melhor para a saúde?

Pão ou tapioca? Qual é o melhor para a saúde? Pão ou tapioca? Qual é o melhor para a saúde?

Para reduzir o consumo de carboidratos, muita gente prefere evitar pães (e outras massas) e dar preferência a receitas com tapioca nos lanches. Mas será que...

> Leia mais
Leite de castanha do pará: como fazer e quais são seus benefícios

Leite de castanha do pará: como fazer e quais são seus benefícios Leite de castanha do pará: como fazer e quais são seus benefícios

Que tal fazer leite de castanha do Pará para aproveitar os benefícios da oleaginosa? É sempre bom ter opções diferentes de receitas para incluir na rotina...

> Leia mais
Ervilha congelada: 3 receitas simples para o dia a dia

Ervilha congelada: 3 receitas simples para o dia a dia Ervilha congelada: 3 receitas simples para o dia a dia

Quantas receitas com ervilha você conhece? E com ervilha congelada? Apesar da enorme praticidade que o legume apresenta, nem todos sabem como usá-lo no dia a...

> Leia mais