5 tipos de maracujá e suas diferenças físicas e nutricionais

O maracujá-roxo é um dos tipos da fruta que podem ser consumidos in natura e possuem uma grande quantidade de vitamina C, cálcio, ferro, potássio, antioxidantes e fibras
O maracujá-roxo é um dos tipos da fruta que podem ser consumidos in natura e possuem uma grande quantidade de vitamina C, cálcio, ferro, potássio, antioxidantes e fibras

Você sabia que existem vários tipos de maracujá? Além da espécie com formato redondo e coloração amarelada, muito comum no Brasil, há diversas variações da fruta que costumam reunir características físicas e nutricionais diferentes do que estamos acostumados. O maracujá-roxo, por exemplo, popular em países europeus e conhecido pela cor roxa de sua casca, é uma variedade menos ácida que pode ser consumida in natura. Quer conhecer quais são os principais tipos de maracujá e entender o que os diferencia? Dá uma olhada nas 5 variações dessa fruta cítrica que a gente separou nessa matéria!

1. Maracujá-amarelo (ou Passiflora edulis) é o mais popular de todos os tipos

Popular no Brasil e no mundo, o maracujá-amarelo é a variação mais conhecida de todos os tipos da fruta. Ele é redondo, tipicamente azedo e, graças ao seu sabor, costuma ser usado em receitas de doces, sorvetes, geleias e sucos. Além disso, possui propriedades medicinais que são conhecidas por terem uma característica marcante em todas as variações da fruta: o clássico efeito calmante do maracujá. E, embora seja bastante famoso por isso, a fruta cítrica também é rica em antioxidantes, fibras, vitamina A e minerais, como cálcio, ferro e magnésio.

2. Maracujá-roxo é menos ácido e contém vitamina C, minerais e antioxidantes

Conhecido pela cor da sua casca, o maracujá-roxo é uma variação menor que o amarelo e não possui tanta acidez quanto o tipo mais comum que nós conhecemos. Embora tenha se tornado popular em alguns países europeus, como na Holanda e na Bélgica, a fruta costuma ser cultivada em locais de clima subtropical, como no Sul do Brasil. Vale ressaltar também que a casca roxa não é a sua principal característica: além de ser consumido in natura (diferente de outras variações), o maracujá-roxo é uma excelente fonte de vitamina C, cálcio, ferro e potássio. Também contém antioxidantes que ajudam a combater os radicais livres do organismo e, assim como o amarelo, possui uma boa quantidade de fibras.

3. Maracujá-doce tem o sabor adocicado, também é consumido in natura e contém vitaminas A e C, minerais e flavonoides

Com o formato e o tamanho de um mamão papaia, o maracujá-doce é uma variação exótica que costuma ser conhecida devido ao seu sabor adocicado. Muitas pessoas, inclusive, têm o hábito de comê-lo da mesma forma que o mamão - de colher! Ele possui a casca mais lisa que todos os outros tipos, funciona muito bem em receitas de sobremesas - como tortas, bolos e mousses - e também é dono de propriedades incríveis. Sua polpa, por exemplo, contém fósforo, potássio, cálcio, zinco e ferro, é rica em vitaminas A e C e também é fonte de flavonoides - um antioxidante muito comum na uva e na maçã.

4. Maracujá-açu pode ser encontrado na região Norte do país e é rico em diversas propriedades nutritivas

O maracujá-açu, também conhecido como granadilho gigante, granadina ou badea é a maior variação de todos os tipos da fruta. Ele tem a casca amarela-esverdeada, possui o sabor adocicado e pode pesar até 3 kg, ao contrário do maracujá-amarelo que tem o peso médio de 160 g. Por ser encontrado principalmente na região Norte do Brasil, o maracujá-açu não é tão comum quanto outras variedades, mas ainda assim possui nutrientes importantes, como a grande quantidade de fibras, as vitaminas A e C, os sais minerais como cálcio, ferro e sódio e as propriedades antioxidantes, anti-inflamatórias e digestivas.

5. Maracujá-maçã tem a casca resistente, funciona como calmante natural e possui outras propriedades

Parecido com uma maçã verde em coloração e formato, o maracujá-maçã também é uma variação doce e exótica da fruta. Ele é abundantemente rico em fibras que ajudam na digestão do organismo, possui vitaminas A, C e do complexo B em sua composição e funciona como um ótimo calmante natural (principalmente quando se trata da bebida da fruta). Graças à sua casca super-resistente, esse tipo de maracujá também é conhecido como "maracujá-de-osso". Já quanto ao sabor, tende a ser adocicado e bem menos ácido que o tipo amarelo.

Últimas
Receitas
Ver Mais

Últimas Matérias

Como aumentar o HDL, o famoso 'bom colesterol'

Como aumentar o HDL, o famoso 'bom colesterol' Como aumentar o HDL, o famoso 'bom colesterol'

A ideia de que o colesterol é gatilho para complicações cardiovasculares é muito recorrente, mas isto é apenas parcialmente verídico. Esta substância é...

> Leia mais
Os tipos de kiwi e as vantagens de cada um

Os tipos de kiwi e as vantagens de cada um Os tipos de kiwi e as vantagens de cada um

O kiwi é uma fruta muito rica em vitaminas e bastante saborosa, sendo capaz de trazer os mais diversos benefícios para a saúde de quem a consome...

> Leia mais
Como fazer alongamento iliopsoas e quais seus benefícios para o corpo

Como fazer alongamento iliopsoas e quais seus benefícios para o corpo Como fazer alongamento iliopsoas e quais seus benefícios para o corpo

Alongar músculos específicos do corpo, muitas vezes, é importante para tratar dores pontuais e evitar lesões ou distensões a longo prazo. O iliopsoas, para...

> Leia mais
6 opções de café da manhã nordestino que são deliciosas e nutritivas

6 opções de café da manhã nordestino que são deliciosas e nutritivas 6 opções de café da manhã nordestino que são deliciosas e nutritivas

A culinária nordestina é uma das mais ricas e apreciadas do Brasil, e com razão: os quitutes da região Nordeste possuem um sabor único, com direito a muito...

> Leia mais
O que não pode comer no resguardo de cesárea? Nutricionista tira a dúvida

O que não pode comer no resguardo de cesárea? Nutricionista tira a dúvida O que não pode comer no resguardo de cesárea? Nutricionista tira a dúvida

Tomar cuidados com a alimentação durante e após a gravidez é importante tanto para a saúde da mãe quanto do bebê. O puerpério, para quem não sabe, é um...

> Leia mais
Suco de beterraba com laranja, cenoura e mais! As receitas de bebidas com a raiz

Suco de beterraba com laranja, cenoura e mais! As receitas de bebidas com a raiz Suco de beterraba com laranja, cenoura e mais! As receitas de bebidas com a raiz

Usar raízes, tubérculos e diferentes hortaliças no preparo de sucos e smoothies pode trazer uma série de benefícios para o organismo. A beterraba, em...

> Leia mais
O que é mexilhão? Conheça os benefícios do seu consumo

O que é mexilhão? Conheça os benefícios do seu consumo O que é mexilhão? Conheça os benefícios do seu consumo

Frutos do mar são ótima fonte de vitaminas, minerais e proteínas de baixo teor calórico, figurando entre as opções mais saudáveis de qualquer cardápio....

> Leia mais
As características da laranja-bahia e como ela se diferencia das outras

As características da laranja-bahia e como ela se diferencia das outras As características da laranja-bahia e como ela se diferencia das outras

Você sabia que existem diferentes tipos de laranja que variam, principalmente, em termos de sabor e textura? A laranja-bahia, por exemplo, é uma alternativa...

> Leia mais
Como evitar o aquecimento global através da alimentação

Como evitar o aquecimento global através da alimentação Como evitar o aquecimento global através da alimentação

Você sabia que é possível combater o aquecimento global através de pequenas atitudes no dia a dia? Mudar hábitos alimentares, de consumo e estilo de vida é...

> Leia mais
O que é gordura visceral e como perdê-la com hábitos saudáveis

O que é gordura visceral e como perdê-la com hábitos saudáveis O que é gordura visceral e como perdê-la com hábitos saudáveis

O excesso de acúmulo de gordura no corpo pode ser prejudicial para o organismo como um todo, acarretando em doenças do coração, por exemplo. A gordura...

> Leia mais