Pesquisa aponta: O brasileiro está mais interessado em alimentação saudável!

Foi, ao longo dos anos, um verdadeiro trabalho de "formiguinha", contudo, cada vez mais, o Brasil está mais ciente das necessidades de comer bem. De acordo com uma pesquisa recente, a rotina alimentar do brasileiro está muito mais saudável, natural e nutritiva! Confira essa nova relação!

O levantamento, produzido pelo Instituto Datafolha, para Associação das Empresas e Refeição e Alimentação Convênio para o Trabalhador (Assert), no início desse ano, apontou que o cardápio diário do brasileiro está "mais colorido, com verduras, legumes e frutas". Para comprovar a tese, o estudo abrangeu 51 cidades do país, 23 capitais, com mais 4.500 entrevistas com proprietários de restaurantes, bares, lanchonetes e padarias e, pelas análises, mais da metade dos consultados (56%) acredita que os clientes estão cada vez mais interessados no consumo de uma alimentação saudável.

Segundo os dados, do total entrevistado, 53% notaram aumento na procura por frutas; 61% observaram que os clientes estão comendo mais verduras e legumes e 65% observaram que cresceu o consumo de sucos naturais. Já a preferência pela combinação do arroz com feijão não houve alteração, segundo 58% dos consultados. A nutricionista Émilie Siqueira enaltece os números, acreditando que o brasileiro está sim mais atento à qualidade de sua alimentação:

"Realmente a alimentação do brasileiro melhorou muito. Reparo que, por exemplo, as opções que nós temos agora de restaurantes voltados para a cozinha saudável aumentaram consideravelmente. As receitas antigas estão sendo reformuladas para ficarem mais saudáveis. As farinhas brancas estão sendo substituídas por farinhas integrais e outros alimentos mais naturais. Realmente a gente vê muito isso... As saladas em potinhos e outras comidas funcionais são oferecidas em delivery", destacou a especialista, ressaltando, até mesmo, aspectos sociais dessa mudança de hábitos:

"Eu falo por mim. Por exemplo, quando almoçava em um restaurante, parecia que eu era uma estranha por colocar apenas alimentos saudáveis no prato. Hoje em dia todos estão mais voltados à saúde alimentar. Hoje em dia é legal ser saudável!", reiterou.


"Chef saudável" também vê diferenças nos hábitos alimentares dos brasileiros

Especialista em gastronomia saudável, a cozinheira Nina Lodi também concorda com os números apresentados sobre o novo conceito alimentar do brasileiro. Segundo ela, o crescimento das ofertas de comidas saudáveis acompanha naturalmente a procura da população por uma alimentação mais nutritiva:

"Como cozinheira eu vejo que as pessoas estão pedindo isso. Elas querem se alimentar bem e com praticidade para comer em casa, por conta da correria do dia a dia. Com certeza a procura está bem maior hoje em dia. A gente vê isso no crescimento das feiras orgânicas, por exemplo, e também nas casa de produtos naturais, restaurantes e lanchonetes especializadas nisso. Eu acho isso ótimo! É muito importante a população se concientizar que comida é saúde e que a gente precisa se alimentar com alimentos de verdade, resgatar os produtos orgânicos e parar de só consumir produtos industrializados", destacou a profissional.



Ver mais: Alimentação saudável, Principais matérias, Alimentos orgânicos

Últimas matérias