Olha o mate! Descubra 7 benefícios que essa bebida traz para a nossa saúde!

Olha o mate! Uma das bebidas mais consumidas pelos brasileiros em épocas de temperaturas mais quentes, como o verão, o mate, em suas mais diferentes formas e composições, é uma ótima opção, leve, saudável e extremamente nutritiva para a hidratação de nosso corpo. Veja mais benefícios dessa erva em nossa vida!

A erva-mate vem da planta Ilex paraguariensis, que se desenvolve naturalmente no sul do Brasil, norte da Argentina e no leste do Paraguai. Ela pode ser usada para preparar diferentes bebidas, como: o chimarrão ou mate, o tererê e o chá de erva. Dentre seus principais nutrientes encontram-se: derivados de cafeiol (ácido caféico, ácido clorogênico,...), flavonoides (quercetina, rutina e kaempferol), metilxantinas (cafeína, teofilina e teobromina), polifenóis, taninos, saponinas (ácido ursólico) – conferem o sabor amargo, minerais (fósforo, ferro, cálcio, potássio, manganês, magnésio) e vitaminas (tiamina, niacina, riboflavina, ácido pantotênico, C, E e beta-caroteno). A nutricionista Sara Bortoluz, destaca, abaixo, as principais razões para consumir a erva em nosso dia a dia:

Benefícios da erva-mate para a saúde


- Estimulante da atividade física e mental, devido à presença da cafeína;

- Acelera o metabolismo, provocando uma maior queima de gordura e em
última instância, levar a perda de peso, se associado a uma dieta adequada e exercícios físicos;

- Antioxidante, combatendo os radicais livres, prevenindo o envelhecimento precoce das células;

- Anti-inflamatório;

- Redução do colesterol ruim e dos triglicerídeos, prevenindo a aterosclerose. De acordo com uma pesquisa realizada na UFSC, o uso da erva-mate reduziu de 10-12% o colesterol ruim (LDL);

- Prevenção de doenças crônicas, como o câncer e doenças cardiovasculares. Há estudos em andamento com a prevenção de diabetes;

- Proteção das células hepáticas.

Qual é o consumo ideal de mate?

Segunda a Dra. Sara, não há nenhuma recomendação específica quanto ao consumo de mate, desde que não haja excesso, mas para obter os benefícios, o consumo deve ser regular. "Não adianta tomar uma vez e achar que fez milagre. Como tudo na área da nutrição, o hábito e o equilíbrio é que trazem benefícios. Mas, de modo geral, quando consumido com moderação, as pessoas podem se beneficiar de suas propriedades. Sempre lembrando que uma alimentação saudável deve estar presente para que os seus benefícios se potencializem", enfatizou a profissional.

Cuidados especiais: A erva-mate deve ser evitada por hipertensos e quem apresenta sensibilidade às substâncias presentes. Além disso, por ser diurético, esta erva auxilia o corpo a eliminar líquidos, o que pode causar desidratação. Dessa forma, não pode substituir a água que o seu corpo precisa.

"O consumo excessivo pode causar irritabilidade, insônia, gastrite, devido à presença da cafeína. Algumas propriedades cancerígenas (câncer na cavidade oral, esôfago e estômago) foram descritas em um estudo, devido à presença de hidrocarbonetos aromáticos policíclicos se consumidas em grandes quantidades (mais de 1 litro por dia) e em altas temperaturas".

Ver mais: Alimentação saudável, Bebidas, Alimentos ricos em cálcio

Últimas matérias