Jejum realmente emagrece? Saiba se vale a pena ficar muitas horas sem comer

Ficar sem comer é uma prática adotada por muita gente que deseja perder peso, mas será que isso faz sentido?
Ficar sem comer é uma prática adotada por muita gente que deseja perder peso, mas será que isso faz sentido?

Ficar sem comer parece a melhor maneira de emagrecer para muita gente - afinal, é através do consumo de determinados alimentos que ganhamos peso. Mas será que a prática de fechar a boca por horas a fio realmente é eficaz ou pode acabar trazendo prejuízos para o organismo? Para te ajudar a entender se vale mesmo a pena ficar em jejum para emagrecer rapidamente, conversamos com a nutricionista Nicolle Venturi para esclarecer todas as dúvidas sobre o assunto e dar dicas do que fazer para diminuir as medidas do jeito certo.

Ficar sem comer até diminui as medidas, mas não elimina a gordura

Como engordamos por causa dos alimentos que consumimos, parece óbvia a ideia de que ficar horas em jejum é a solução mais eficaz para emagrecer. No entanto, segundo a nutricionista Nicolle Venturi, essa não é a melhor alternativa - tanto por não ser saudável quanto por não diminuir gordura. "Fechar a boca é uma maneira bem rápida de perder peso, mas não necessariamente de emagrecer. Essa perda pode ser de água ou de músculo, e o que realmente se deseja quando pensamos em emagrecer é diminuir gordura", esclarece.

Ela explica que o número da balança diminui porque, com a falta da alimentação adequada, o organismo utiliza o que está disponível para gerar a energia necessária para ficar ativo. Mas, mesmo assim, destaca que a medida não é a ideal para quem quer perder peso de maneira eficaz, e ainda pode ser prejudicial. "Um jejum realizado de forma errada leva à perda de músculo e muitos outros problemas de saúde. Perder peso em pouco tempo pode acarretar em complicações sérias", diz.

Dieta através do jejum pode gerar exagero nas porções na hora de se alimentar

Além de não contribuir para a queima de gordura, outro problema em passar muito tempo sem se alimentar pensando em emagrecer é o fato de que essa prática pode gerar o efeito contrário. O motivo é simples: ao pular uma refeição mesmo com fome - como o café da manhã, por exemplo -, é normal acabar comendo mais do que deveria na próxima, e sem prezar a qualidade na escolha do que vai para o prato. "Por fim, o prato está maior que o normal e a pessoa come tudo rapidamente por estar com muita fome e querer acabar com essa sensação. Ao comer muito depressa e sem prestar atenção o organismo não assimila o que foi alimentado e logo dá sinais de que ainda não está satisfeito", explica a nutricionista.

Outro ponto que Nicolle destaca é que simplesmente deixar de comer não faz com que os hábitos alimentares sejam modificados, porque a dieta não vem acompanhada de uma reeducação alimentar. "Assim, ao acabar o período do jejum, a pessoa volta a comer tudo normalmente, nas mesmas quantidades ou até em maiores, contribuindo para o reganho de peso", afirma.

Comer a quantidade certa de nutrientes que o organismo precisa é a maneira mais eficaz de perder peso

Agora que você já entendeu que ficar em jejum não é mesmo a melhor maneira de perder peso, deve estar se perguntando como alcançar esse objetivo. Segundo a nutricionista Nicolle Venturi, o segredo é se alimentar com os nutrientes certos na quantidade correta. "Para emagrecer de forma saudável e eficiente, é necessário mudar hábitos alimentares. Ou seja, comer a quantidade certa de nutrientes que seu organismo necessita. Comer comida de verdade, como hortaliças, frutas, grãos e carne", recomenda.

Além disso, ela também ressalta a importância de praticar regularmente uma atividade física do seu agrado e de ter o acompanhamento com um nutricionista para que ele indique a melhor opção de dieta para cada caso. "Cada corpo é de um jeito e isso deve ser analisado e considerado ao montar o planejamento alimentar individual. Apenas um profissional qualificado pode analisar todas as variáveis que envolvem um emagrecimento saudável e permanente", finaliza.

* Nicolle Venturi (CRN 17100341) é formada em Nutrição pela Universidade Federal Fluminense e disponibiliza o seu Instagram para contato

Ficar sem comer parece a melhor maneira de emagrecer para muita gente - afinal, é através do consumo de determinados alimentos que ganhamos peso. Mas será que a prática de fechar a boca por horas a fio realmente é eficaz ou pode acabar trazendo prejuízos para o organismo? Para te ajudar a entender se vale mesmo a pena ficar em jejum para emagrecer rapidamente, conversamos com a nutricionista Nicolle Venturi para esclarecer todas as dúvidas sobre o assunto e dar dicas do que fazer para diminuir as medidas do jeito certo.

Ficar sem comer até diminui as medidas, mas não elimina a gordura

Como engordamos por causa dos alimentos que consumimos, parece óbvia a ideia de que ficar horas em jejum é a solução mais eficaz para emagrecer. No entanto, segundo a nutricionista Nicolle Venturi, essa não é a melhor alternativa - tanto por não ser saudável quanto por não diminuir gordura. "Fechar a boca é uma maneira bem rápida de perder peso, mas não necessariamente de emagrecer. Essa perda pode ser de água ou de músculo, e o que realmente se deseja quando pensamos em emagrecer é diminuir gordura", esclarece.

Ela explica que o número da balança diminui porque, com a falta da alimentação adequada, o organismo utiliza o que está disponível para gerar a energia necessária para ficar ativo. Mas, mesmo assim, destaca que a medida não é a ideal para quem quer perder peso de maneira eficaz, e ainda pode ser prejudicial. "Um jejum realizado de forma errada leva à perda de músculo e muitos outros problemas de saúde. Perder peso em pouco tempo pode acarretar em complicações sérias", diz.

Dieta através do jejum pode gerar exagero nas porções na hora de se alimentar

Além de não contribuir para a queima de gordura, outro problema em passar muito tempo sem se alimentar pensando em emagrecer é o fato de que essa prática pode gerar o efeito contrário. O motivo é simples: ao pular uma refeição mesmo com fome - como o café da manhã, por exemplo -, é normal acabar comendo mais do que deveria na próxima, e sem prezar a qualidade na escolha do que vai para o prato. "Por fim, o prato está maior que o normal e a pessoa come tudo rapidamente por estar com muita fome e querer acabar com essa sensação. Ao comer muito depressa e sem prestar atenção o organismo não assimila o que foi alimentado e logo dá sinais de que ainda não está satisfeito", explica a nutricionista.

Outro ponto que Nicolle destaca é que simplesmente deixar de comer não faz com que os hábitos alimentares sejam modificados, porque a dieta não vem acompanhada de uma reeducação alimentar. "Assim, ao acabar o período do jejum, a pessoa volta a comer tudo normalmente, nas mesmas quantidades ou até em maiores, contribuindo para o reganho de peso", afirma.

Comer a quantidade certa de nutrientes que o organismo precisa é a maneira mais eficaz de perder peso

Agora que você já entendeu que ficar em jejum não é mesmo a melhor maneira de perder peso, deve estar se perguntando como alcançar esse objetivo. Segundo a nutricionista Nicolle Venturi, o segredo é se alimentar com os nutrientes certos na quantidade correta. "Para emagrecer de forma saudável e eficiente, é necessário mudar hábitos alimentares. Ou seja, comer a quantidade certa de nutrientes que seu organismo necessita. Comer comida de verdade, como hortaliças, frutas, grãos e carne", recomenda.

Além disso, ela também ressalta a importância de praticar regularmente uma atividade física do seu agrado e de ter o acompanhamento com um nutricionista para que ele indique a melhor opção de dieta para cada caso. "Cada corpo é de um jeito e isso deve ser analisado e considerado ao montar o planejamento alimentar individual. Apenas um profissional qualificado pode analisar todas as variáveis que envolvem um emagrecimento saudável e permanente", finaliza.

* Nicolle Venturi (CRN 17100341) é formada em Nutrição pela Universidade Federal Fluminense e disponibiliza o seu Instagram para contato

Últimas
Receitas
Ver Mais

Últimas Matérias

Você sabe como fazer berinjela? Aprenda 4 maneiras saudáveis de prepará-la

Você sabe como fazer berinjela? Aprenda 4 maneiras saudáveis de prepará-la Você sabe como fazer berinjela? Aprenda 4 maneiras saudáveis de prepará-la

Quem quer seguir uma alimentação saudável não pode abrir mão da berinjela! Rica em vitaminas com poder antioxidante, sais minerais - como ferro - e fibras,...

> Leia mais
Qual a refeição mais importante do dia? Saiba quando comer mais ou menos

Qual a refeição mais importante do dia? Saiba quando comer mais ou menos Qual a refeição mais importante do dia? Saiba quando comer mais ou menos

Café da manhã, almoço, lanche, jantar... Todas as refeições têm seu devido valor, principalmente na rotina de quem deseja seguir uma alimentação regrada e...

> Leia mais
Treinando para uma maratona? Inspire-se em 3 histórias de conquista em corridas

Treinando para uma maratona? Inspire-se em 3 histórias de conquista em corridas Treinando para uma maratona? Inspire-se em 3 histórias de conquista em corridas

Quem decide participar de uma maratona não está apenas se dedicando a uma atividade física, mas também desafiando seus próprios limites. É que, para se...

> Leia mais
Conheça 7 alimentos que ajudam a evitar estrias na gravidez

Conheça 7 alimentos que ajudam a evitar estrias na gravidez Conheça 7 alimentos que ajudam a evitar estrias na gravidez

Lidar com estrias é um incômodo muito grande para a maioria das mulheres - tanto que, assim que esses risquinhos aparecem, muitas começam a recorrer a...

> Leia mais
Bebida de arroz: por que vale a pena dar uma chance a esse substituto do leite?

Bebida de arroz: por que vale a pena dar uma chance a esse substituto do leite? Bebida de arroz: por que vale a pena dar uma chance a esse substituto do leite?

Apesar do leite de origem animal ser o mais conhecido e o mais consumido entre os brasileiros, existem outras alternativas para substituir a bebida - como o...

> Leia mais
Salada quente: aprenda a preparar essa entrada perfeita para os dias frios

Salada quente: aprenda a preparar essa entrada perfeita para os dias frios Salada quente: aprenda a preparar essa entrada perfeita para os dias frios

Quando a temperatura cai, a maioria das pessoas prefere apostar em pratos quentes - e, por isso, as tradicionais saladas frias acabam sendo deixadas de lado....

> Leia mais
Sucos de legumes e verduras são muito nutritivos! Veja como deixá-los deliciosos

Sucos de legumes e verduras são muito nutritivos! Veja como deixá-los deliciosos Sucos de legumes e verduras são muito nutritivos! Veja como deixá-los deliciosos

Os sucos são indispensáveis na dieta de quem quer seguir uma alimentação saudável. E não é para menos: além de serem uma alternativa fit para quem abriu mão...

> Leia mais
Conheça as 5 melhores fontes de vitamina K para uma alimentação equilibrada

Conheça as 5 melhores fontes de vitamina K para uma alimentação equilibrada Conheça as 5 melhores fontes de vitamina K para uma alimentação equilibrada

A vitamina K é um dos nutrientes indispensáveis para manter a saúde em dia. Um dos seus diferenciais é o fato de ser usada como um suplemento para tratar...

> Leia mais
Caroço faz mal? Descubra se as sementes podem ser consumidas sem restrições

Caroço faz mal? Descubra se as sementes podem ser consumidas sem restrições Caroço faz mal? Descubra se as sementes podem ser consumidas sem restrições

Você fica preocupado se engolir acidentalmente algum caroço ou já se pegou perguntando se essa prática faz mal? Bom, quem já ouviu falar na história de que a...

> Leia mais
Os 5 tipos de comida nada nutritivos que é melhor tirar do cardápio das crianças

Os 5 tipos de comida nada nutritivos que é melhor tirar do cardápio das crianças Os 5 tipos de comida nada nutritivos que é melhor tirar do cardápio das crianças

Se já é difícil para um adulto seguir uma alimentação saudável, imagine para as crianças? Afinal, por mais que dê para se deliciar com um prato de salada,...

> Leia mais