Grupos dos vegetais: Entenda como é a classificação nutricional desses alimentos

Dietas novas surgem a todo momento. Contudo, apesar de tantas opções, uma coisa todas têm em comum: a chave para manter a boa forma está no consumo de vegetais. Repletos de nutrientes e com pouquíssima quantidade de calorias, o consumo desses alimentos é liberado e recomendado na busca de uma vida mais saudável. Para saber as porções adequadas de cada uma das hortaliças, existe uma classificação nutricional de acordo com a quantidade de carboidratos na composição de cada ingrediente.

A Organização Mundial de Saúde (OMS) recomenda, aproximadamente, o consumo de 400 g de vegetais por dia - o que equivale a três porções - para garantir energia para o dia a dia e saúde para viver com qualidade. "O consumo adequado desses alimentos auxilia na prevenção e controle da obesidade, e outras doenças crônicas como diabetes, doenças cardíacas e alguns tipos de câncer, pois são fontes de vitaminas, sais minerais e outras substâncias essenciais para melhorar o bom funcionamento do organismo", explica a nutricionista Lidiane Gomes.

Grupos nutricionais dos vegetais

A capacidade nutricional que os vegetais têm não é novidade. Para facilitar a escolha dos alimentos adequados a cada dieta, foi feita uma separação em grupos "A, B e C" das hortaliças, baseadas na quantidade de energia que cada uma fornece. A classificação permite maior flexibilidade na hora de montar seu cardápio, permitindo que componentes do grupo sejam variados sem alteração dos valores calóricos. Veja abaixo!

GRUPO A: Os vegetais do tipo A são os que contêm pouca quantidade de carboidratos, aproximadamente 5%. A quantidade diária recomendada é de 30 g

Exemplos: Abobrinha, alcachofra, acelga, alface, agrião, aipo, aspargo, bertalha, berinjela, brócolis, cebola, cebolinha, chicória, couve, coentro, couve-flor, espinafre, funcho, jiló, maxixe, palmito, pepino, pimentão, rabanete, repolho, salsa, tomate.

GRUPO B: As hortaliças do tipo B são as que têm quantidade moderada de carboidratos, cerca de 10%. Quantidade diária recomendada: 100g

Exemplos: Abóbora, beterraba, cenoura, chuchu, ervilha verde, nabo, quiabo, vagem.


GRUPO C: Os vegetais do tipo C são os que contêm quantidade significativa de carboidratos, cerca de 20%. Quantidade diária recomendada: 50 a 80g

Exemplos: Aipim, batata inglesa, batata calabresa, batata doce, batata-baroa, cará, inhame. mandioca, milho verde, pinhão, semente de gergelim.


OBS: É importante lembrar que antes de escolher o que comer apenas baseando-se nas calorias, os micronutrientes devem ser levados em consideração. Para conseguir a maior concentração possível dessas substâncias. "Prefira os vegetais da estação, pois são mais nutritivos, além de serem mais saborosos e econômicos", finaliza a Dra. Lidiane.

Ver mais: Alimentação saudável, Vegetais, Alimentos orgânicos

Mais notícias com

Notícias: Batata

Acompanhamento para peixes: 6 opções saud...

Acompanhamento para peixes: 6 opções saudáveis e nutritivas para suas receitas

Quem gosta de comer peixe sabe que ele combina com quase tudo na cozinha. Tanto em pratos mais tradicionais, mais simples ou sofisticados, um bom peixinho é sempre uma ótima...

Vitaminas A, B, C, D, E, K... Saiba tudo ...

Vitaminas A, B, C, D, E, K... Saiba tudo sobre os benefícios desses nutrientes

Mais ânimo, disposição e energia, quem não quer se sentir assim? Para isso, as vitaminas são substâncias essenciais para a nossa vida. Encontradas nos mais diversos alimentos,...

Tênis, squash, pingue-pongue: esportes co...

Tênis, squash, pingue-pongue: esportes com raquetes são os melhores para a saúde

Você sabia que os ditos "esportes de raquetes" são as atividades mais completas para a nossa saúde? Sim, eles são. E quem diz isso é a própria Organização Mundial de Saúde...

O que são fibras alimentares? 5 mitos ou ...

O que são fibras alimentares? 5 mitos ou verdades sobre esses nutrientes

Dentre os nutrientes essenciais para o nosso corpo, as fibras alimentares merecem destaque especial. Donas de propriedades poderosas, essas substâncias são indispensáveis para o...

Alimentos orgânicos podem combater o cânc...

Alimentos orgânicos podem combater o câncer? Entenda mais sobre essa relação

A cura pela alimentação também passa pelos processos de cultivo dos ingredientes 100% naturais. Por isso, cada vez mais, os alimentos orgânicos são associados à boa saúde e ao...

Legumes e verduras: o que são? Entenda ca...

Legumes e verduras: o que são? Entenda cada grupo alimentar e os seus benefícios

Muito ouvimos falar sobre a importância de inserir os legumes e as verduras no dia a dia, certo? Afinal, ter um prato colorido e diversificado é a chave para se conquistar uma...

Arroz integral com legumes ao forno: Como...

Arroz integral com legumes ao forno: Como fazer? Aprenda 4 receitas práticas

Cada vez mais, o arroz integral é um dos alimentos mais aproveitados em dietas alimentares. Extremamente versátil, ele acompanha receitas doces e salgadas, pratos simples ou...

Cardápio da semana: 7 receitas práticas e...

Cardápio da semana: 7 receitas práticas e saudáveis para melhorar a sua dieta

Seguir uma alimentação equilibrada e fonte de nutrientes importantes para o bem-estar é mais simples do que parece. Com um pouco de organização é possível ter um cardápio rico,...

30 minutos

Salada morna de lentilha: Opção rica em f...

Salada morna de lentilha: Opção rica em fibras e ferro para a sua alimentação

Quando o inverno chega e a temperatura cai, os pratos quentes entram em ação para aquecer o nosso corpo e deixar a estação mais prazerosa. Por isso, para adaptar-se ao clima...

Caldos, cremes e sopas: 4 receitas saudáv...

Caldos, cremes e sopas: 4 receitas saudáveis para saborear durante o inverno

Dentre os pratos mais tradicionais do período de inverno, os caldos, as sopas e os cremes são opções perfeitas para aquecer a temperatura do corpo e acalentar as noites mais...

Últimas matérias