Grupos dos vegetais: Entenda como é a classificação nutricional desses alimentos

Os vegetais são dos mais importantes, nutritivos e saudáveis alimentos para a nossa alimentação cotidiana. Contudo, para facilitar a escolha adequada a cada dieta, foi feita uma separação em grupos de hortaliças (
Os vegetais são dos mais importantes, nutritivos e saudáveis alimentos para a nossa alimentação cotidiana. Contudo, para facilitar a escolha adequada a cada dieta, foi feita uma separação em grupos de hortaliças (
Os vegetais são dos mais importantes, nutritivos e saudáveis alimentos para a nossa alimentação cotidiana. Contudo, para facilitar a escolha adequada a cada dieta, foi feita uma separação em grupos de hortaliças (
Os vegetais são dos mais importantes, nutritivos e saudáveis alimentos para a nossa alimentação cotidiana. Contudo, para facilitar a escolha adequada a cada dieta, foi feita uma separação em grupos de hortaliças (
Os vegetais são dos mais importantes, nutritivos e saudáveis alimentos para a nossa alimentação cotidiana. Contudo, para facilitar a escolha adequada a cada dieta, foi feita uma separação em grupos de hortaliças ("A, B e C"), baseadas na quantidade de energia que cada uma fornece. Essa classificação permite maior flexibilidade na hora de montar seu cardápio, permitindo que componentes do grupo sejam variados sem alteração dos valores calóricos.
Os vegetais são dos mais importantes, nutritivos e saudáveis alimentos para a nossa alimentação cotidiana. Contudo, para facilitar a escolha adequada a cada dieta, foi feita uma separação em grupos de hortaliças (
Os vegetais são dos mais importantes, nutritivos e saudáveis alimentos para a nossa alimentação cotidiana. Contudo, para facilitar a escolha adequada a cada dieta, foi feita uma separação em grupos de hortaliças (
Os vegetais são dos mais importantes, nutritivos e saudáveis alimentos para a nossa alimentação cotidiana. Contudo, para facilitar a escolha adequada a cada dieta, foi feita uma separação em grupos de hortaliças (
Os vegetais são dos mais importantes, nutritivos e saudáveis alimentos para a nossa alimentação cotidiana. Contudo, para facilitar a escolha adequada a cada dieta, foi feita uma separação em grupos de hortaliças (

Dietas novas surgem a todo momento. Contudo, apesar de tantas opções, uma coisa todas têm em comum: a chave para manter a boa forma está no consumo de vegetais. Repletos de nutrientes e com pouquíssima quantidade de calorias, o consumo desses alimentos é liberado e recomendado na busca de uma vida mais saudável. Para saber as porções adequadas de cada uma das hortaliças, existe uma classificação nutricional de acordo com a quantidade de carboidratos na composição de cada ingrediente.

A Organização Mundial de Saúde (OMS) recomenda, aproximadamente, o consumo de 400 g de vegetais por dia - o que equivale a três porções - para garantir energia para o dia a dia e saúde para viver com qualidade. "O consumo adequado desses alimentos auxilia na prevenção e controle da obesidade, e outras doenças crônicas como diabetes, doenças cardíacas e alguns tipos de câncer, pois são fontes de vitaminas, sais minerais e outras substâncias essenciais para melhorar o bom funcionamento do organismo", explica a nutricionista Lidiane Gomes.

Grupos nutricionais dos vegetais

A capacidade nutricional que os vegetais têm não é novidade. Para facilitar a escolha dos alimentos adequados a cada dieta, foi feita uma separação em grupos "A, B e C" das hortaliças, baseadas na quantidade de energia que cada uma fornece. A classificação permite maior flexibilidade na hora de montar seu cardápio, permitindo que componentes do grupo sejam variados sem alteração dos valores calóricos. Veja abaixo!

GRUPO A: Os vegetais do tipo A são os que contêm pouca quantidade de carboidratos, aproximadamente 5%. A quantidade diária recomendada é de 30 g

Exemplos: Abobrinha, alcachofra, acelga, alface, agrião, aipo, aspargo, bertalha, berinjela, brócolis, cebola, cebolinha, chicória, couve, coentro, couve-flor, espinafre, funcho, jiló, maxixe, palmito, pepino, pimentão, rabanete, repolho, salsa, tomate.

GRUPO B: As hortaliças do tipo B são as que têm quantidade moderada de carboidratos, cerca de 10%. Quantidade diária recomendada: 100g

Exemplos: Abóbora, beterraba, cenoura, chuchu, ervilha verde, nabo, quiabo, vagem.


GRUPO C: Os vegetais do tipo C são os que contêm quantidade significativa de carboidratos, cerca de 20%. Quantidade diária recomendada: 50 a 80g

Exemplos: Aipim, batata inglesa, batata calabresa, batata doce, batata-baroa, cará, inhame. mandioca, milho verde, pinhão, semente de gergelim.


OBS: É importante lembrar que antes de escolher o que comer apenas baseando-se nas calorias, os micronutrientes devem ser levados em consideração. Para conseguir a maior concentração possível dessas substâncias. "Prefira os vegetais da estação, pois são mais nutritivos, além de serem mais saborosos e econômicos", finaliza a Dra. Lidiane.

Receitas:
Batata
Ver Mais

Últimas Matérias

Jambo ajuda a evitar diversas doenças! Conheça todas as vantagens desse fruto

Jambo ajuda a evitar diversas doenças! Conheça todas as vantagens desse fruto Jambo ajuda a evitar diversas doenças! Conheça todas as vantagens desse fruto

Encontrado facilmente na região Norte do país, poucos sabem que jambo não é originalmente brasileiro, mas sim asiático. E embora o nome em geral esteja...

> Leia mais
Ginkgo biloba: as propriedades medicinais dessa planta que é símbolo no Japão

Ginkgo biloba: as propriedades medicinais dessa planta que é símbolo no Japão Ginkgo biloba: as propriedades medicinais dessa planta que é símbolo no Japão

Você conhece a fitoterapia? Essa prática é conhecida por utilizar as plantas como medicamento ao invés de optar pelos remédios produzidos pela indústria....

> Leia mais
Para quem tem pressa: 10 lanches práticos que ficam prontos em até 15 minutos

Para quem tem pressa: 10 lanches práticos que ficam prontos em até 15 minutos Para quem tem pressa: 10 lanches práticos que ficam prontos em até 15 minutos

Na correria do dia a dia muita gente acaba pulando refeições simplesmente por acreditar que não possui tempo para preparar nada. Só que isso não é nada...

> Leia mais
Xilitol é saudável? Descubra se esse adoçante é uma boa alternativa ao açúcar

Xilitol é saudável? Descubra se esse adoçante é uma boa alternativa ao açúcar Xilitol é saudável? Descubra se esse adoçante é uma boa alternativa ao açúcar

É difícil encontrar quem não goste de um bom doce. Mesmo quando a pessoa possui um paladar mais voltado para o salgado em geral ela ainda aprecia uma...

> Leia mais
Nabo: conheça os benefícios desse legume que ajuda na saúde do coração

Nabo: conheça os benefícios desse legume que ajuda na saúde do coração Nabo: conheça os benefícios desse legume que ajuda na saúde do coração

Embora não seja tão popular assim na nossa gastronomia, o nabo é plantado no Brasil desde a época em que éramos colônia de Portugal. Afinal, por mais que não...

> Leia mais
Aprenda a incluir alimentos termogênicos na dieta e emagreça de forma saudável

Aprenda a incluir alimentos termogênicos na dieta e emagreça de forma saudável Aprenda a incluir alimentos termogênicos na dieta e emagreça de forma saudável

Quem nunca evitou comer determinado alimento porque ele é "ruim para a digestão"? O problema é muita gente acaba confundindo comidas indigestas com as que...

> Leia mais
Seriguela é a fruta rica em vitaminas e minerais que você deve passar a consumir

Seriguela é a fruta rica em vitaminas e minerais que você deve passar a consumir Seriguela é a fruta rica em vitaminas e minerais que você deve passar a consumir

Algumas plantas são conhecidas por diversos nomes, e esse é o caso da seriguela, que é chamada também de ciriguela, ceriguela, ameixa da Espanha e cajá...

> Leia mais
Qual panela é melhor? Saiba as vantagens e desvantagens dos tipos mais comuns

Qual panela é melhor? Saiba as vantagens e desvantagens dos tipos mais comuns Qual panela é melhor? Saiba as vantagens e desvantagens dos tipos mais comuns

Como já dizia a música de Sérgio Reis, "Panela velha é que faz comida boa". Mas será mesmo? É muito comum escutarmos que as feitas de barro são as melhores...

> Leia mais
Sal do Himalaia, negro e mais: veja tipos que possuem menos sódio que o refinado

Sal do Himalaia, negro e mais: veja tipos que possuem menos sódio que o refinado Sal do Himalaia, negro e mais: veja tipos que possuem menos sódio que o refinado

O sal é um ingrediente tão comum na dieta dos brasileiros que muitas vezes o seu uso acaba sendo exacerbado. Por causa disso diversas pessoas passaram a...

> Leia mais
Quer emagrecer se divertindo? Veja 7 danças que ajudam a perder peso

Quer emagrecer se divertindo? Veja 7 danças que ajudam a perder peso Quer emagrecer se divertindo? Veja 7 danças que ajudam a perder peso

Existem várias maneiras de emagrecer de forma saudável. A primeira delas é passar a ter uma alimentação equilibrada e rica em nutrientes, deixando os...

> Leia mais