Grupos dos vegetais: Entenda como é a classificação nutricional desses alimentos

Dietas novas surgem a todo momento. Contudo, apesar de tantas opções, um coisa todas têm em comum: a chave para manter a boa forma está no consumo de vegetais. Repletos de nutrientes e com pouquíssima quantidade de calorias, o consumo desses alimentos é liberado e recomendado à busca de uma vida mais saudável. Para saber as porções adequadas de cada uma das hortaliças existe uma classificação nutricional de acordo com a quantidade de carboidratos na composição de cada ingridente.

A Organização Mundial de Saúde (OMS) recomenda, aproximadamente, o consumo de 400 g de vegetais por dia - o que equivale a três porções - para garantir energia para o dia a dia e saúde para viver com qualidade. "O consumo adequado desses alimentos auxilia na prevenção e controle da obesidade, e outras doenças crônicas como diabetes, doenças cardíacas e alguns tipos de câncer, pois são fontes de vitaminas, sais minerais e outras substâncias essenciais para melhorar o bom funcionamento do organismo", explica a nutricionista Lidiane Gomes.

Grupos nutricionais dos vegetais

A capacidade nutricional que os vegetais têm não é novidade. Para facilitar a escolha dos alimentos adequados a cada dieta, foi feita uma separação em grupos "A, B e C" das hortaliças, baseadas na quantidade de energia que cada uma fornece. A classificação permite maior flexibilidade na hora de montar seu cardápio, permitindo que componentes do grupo sejam variados sem alteração dos valores calóricos. Veja abaixo!

GRUPO A: Os vegetais do tipo A são os que contêm pouca quantidade de carboidratos, aproximadamente 5%. A quantidade diária recomendada é de 30 g

Exemplos: Abobrinha, alcachofra, acelga, alface, agrião, aipo, aspargo, bertalha, berinjela, brócolis, cebola, cebolinha, chicória, couve, coentro, couve-flor, espinafre, funcho, jiló, maxixe, palmito, pepino, pimentão, rabanete, repolho, salsa, tomate.

GRUPO B: As hortaliças do tipo B são as que têm quantidade moderada de carboidratos, cerca de 10%. Quantidade diária recomendada: 100g

Exemplos: Abóbora, beterraba, cenoura, chuchu, ervilha verde, nabo, quiabo, vagem.


GRUPO C: Os vegetais do tipo C são os que contêm quantidade significativa de carboidratos, cerca de 20%. Quantidade diária recomendada: 50 a 80g

Exemplos: Aipim, batata inglesa, batata calabresa, batata doce, batata-baroa, cará, inhame. mandioca, milho verde, pinhão, semente de gergelim.


OBS: É importante lembrar que, antes de escolher o que comer apenas baseando-se nas calorias, os micronutrientes devem ser levados em consideração. Para conseguir a maior concentração possível dessas substâncias. "Prefira os vegetais da estação, pois são mais nutritivos, além de serem mais saborosos e econômicos", finaliza a Dra. Lidiane.

Ver mais: Alimentação saudável, Alimentos ricos em fibras, Receitas light em calorias

Mais notícias com

Notícias: Batata

30 minutos

Salada morna de lentilha: Opção rica em f...

Salada morna de lentilha: Opção rica em fibras e ferro para a sua alimentação

Quando o inverno chega e a temperatura cai, os pratos quentes entram em ação para aquecer o nosso corpo e deixar a estação mais prazerosa. Por isso, para adaptar-se ao clima...

Caldos, cremes e sopas: 4 receitas saudáv...

Caldos, cremes e sopas: 4 receitas saudáveis para saborear durante o inverno

Dentre os pratos mais tradicionais do período de inverno, os caldos, as sopas e os cremes são opções perfeitas para aquecer a temperatura do corpo e acalentar as noites mais...

Batata doce roxa ou branca: Quais são as ...

Batata doce roxa ou branca: Quais são as diferenças entre elas? Entenda!

Batata doce: roxa ou branca? Apesar de ambas serem poderosas fontes nutricionais, as duas possuem peculiaridades bem características, sabia? Pois é, além das distintas cores, os...

Magnésio: Entenda a importância desse min...

Magnésio: Entenda a importância desse mineral para a nossa saúde alimentar

Você sabe qual é a importância do magnésio para o nosso organismo? Um dos principais componentes da família dos minerais, desempenha importantes funções para o desenvolvimento...

O que é amido? Descubra 6 alimentos dessa...

O que é amido? Descubra 6 alimentos dessa importante fonte de carboidratos!

Você, provavelmente, já ouviu falar em amido nas composições dos alimentos, certo? Mas, você sabe o que é essa substância e onde encontrá-la nos ingredientes do dia a dia? De...

Chips de hortaliças e legumes: Saiba como...

Chips de hortaliças e legumes: Saiba como preparar esses snacks saudáveis!

Quando bate aquela fome no meio da tarde ou para aquele lanchinho no intervalo das refeições principais é sempre bom estar preparado com algumas opções nutritivas e saborosas!...

Sucos detox: Verde, vermelho ou amarelo. ...

Sucos detox: Verde, vermelho ou amarelo. Qual é a diferença entre essas bebidas?

Mania entre os adeptos de dietas para emagrecer e perder peso, os sucos detox, cada vez mais, ganham opções, sabores e composições. Diferenciados pelas cores verde, vermelha e...

Vegetais congelados perdem os nutrientes?...

Vegetais congelados perdem os nutrientes? Confira 7 mitos e verdades!

Congelar alimentos se tornou tão comum hoje em dia que, às vezes, não percebemos o quanto essa prática é benefíca para a nossa vida! Contudo, apesar disso, ainda existem muitos...

Alimentação variada: Descubra como devemo...

Alimentação variada: Descubra como devemos equilibrar as refeições do dia a dia

Trocar as roupas do armário, mudar os móveis da casa de lugar, criar novos hábitos no dia a dia... Variar é sempre uma atitude saudável quando fazemos pensando em nosso...

Família dos minerais: Conheça os 12 eleme...

Família dos minerais: Conheça os 12 elementos essenciais para o organismo!

Sais minerais. Dentre todos os grupos alimentares importantes para a nossa vida, essa família de nutrientes é das mais extensas e poderosas de todas, afinal, são 12 elementos...

Últimas matérias