Gordura Trans: Aprenda mais sobre os seus efeitos e como evitá-la na alimentação

Você sabe o que é a gordura trans? Estamos sempre ouvindo falar sobre a importância de evitar, não consumir produtos que a contenham, etc... Mas, afinal, quais são os seus verdadeiros efeitos no organismo? É possível "exterminá-la" do corpo? E, melhor, como podemos substitui-la em nossa alimentação do dia a dia? Saiba mais sobre esse polêmico tema da nutrição atual!

Em linhas gerais, a gordura trans é uma gordura artificial, desenvolvida pela indústria alimentícia, há mais de 60 anos.s Ela é produzida à base de óleos vegetais que são hidrogenados e conhecidos por dar textura aos alimentos. Segundo a nutricionista Cristiane Coronel, sua função também inclui aumentar a durabilidade e até proporcionar um sabor mais agradável aos produtos:

"A gordura trans é uma gordura que foi desenvolvida na indústria, como alternativa à gordura animal (saturada). O processo de hidrogenação da gordura vegetal, faz com que ela se torne sólida em temperatura ambiente, aumenta seu tempo de prateleira e principalmente, deixa os alimentos mais saborosos e crocantes ao paladar", explica a profissional.

De acordo com a nutricionista, estudos mais recentes mostraram que a gordura hidrogenada (Trans) é pior que a gordura saturada, pois causa maior incidência de placas de ateroma nos vasos sanguíneos. "Em outras palavras, ela "plastifica" a parede de veias e artérias, levando a infartos e derrames", reitera Coronel.

Os benefícios imediatos de parar de consumir a gordura trans

- Aumento do colesterol "bom": O HDL, considerado o colesterol benéfico para a nossa saúde, além de ser portencializado, diminui os níveis do colesterol "ruim", o LDL, melhorando a flexibilidade das artérias, otimizando o fluxo sanguíneo e prevenindo as doenças cardiovasculares.

- Ajuda a emagrecer com saúde: O consumo excessivo da gordura trans acumula as indesejadas "gordurinhas" localizadas no nosso corpo. Ou seja, perdemos peso de forma natural e saudável.

- Melhora a ingestão das gorduras saudáveis: Quando diminuimos o consumo das gorduras trans, melhoramos a absorção das gorduras necessárias para o nosso corpo, como o ômega 3, por exemplo, que fortalece o nosso sistema imunológico e melhora a nossa saúde vascular.

- Mantém o corpo saudável: As gorduras trans também são responsáveis por inflamar o nosso corpo, danificando o nosso metabolismo, assim afetando a nossa disposição. Quando seu consumo é reduzido, a prática de exercícios físicos, por exemplo, torna-se mais agradável e proporciona um resultado mais notável, em menos tempo.

Veja 10 alimentos que contém a gordura trans em sua composição

Para ficarmos longe da gordura trans, o ideal é evitar ingerir esses tipos de alimentos. Substitua sua margarina comum por manteiga, utilize óleos vegetais como o de milho e girassol. "Evite frituras, os assados são mais saudáveis e mais leves. Procure alimentos mais naturais, frescos. Evite alimentos em pacotes, pagamos um preço alto com a saúde quando procuramos "praticidade" frequente na alimentação. Sua saúde agradece", destaca a Dra. Cristiane.

1 - Sorvete:
Esse é o campeão de concentração de gordura trans. É muito gostoso e extremamente saboroso, mas é altamente composto da gordura.

2 - Biscoitos: Não só os recheados, mas praticamente todos do mercado possuem um percentual significativo desta gordura, inclusive os integrais.

3 - Batata frita: Não só as feitas dos fast-foods, mas principalmente as de pacote, tipo "Chips".

4 - Pães industrializados: Principalmente os de massa mais adocicada, aonde a gordura trans é acrescida para aumentar o prazo de validade e proporcionar um sabor mais agradável.

5 - Bolos e tortas prontas ou semi-prontas: A gordura hidrogenada deixa a massa mais fofa e saborosa.

6 - Chocolate: Principalmente a linha Diet, onde são acrescidas mais gorduras em sua composição;

7 - Margarina: Quanto mais densa, mais gordura trans tem em sua composição. Opte pela manteiga, é mais saudável.

8 - Temperos prontos: Como os em tabletes ou ainda, os em pó em saches;

9 - Pipoca de microondas: Possui gordura trans para deixar a pipoca mais atrativa no paladar e durar mais tempo de prateleira.

10 - Achocolatados líquidos: Aqueles que vem na caixinha já prontos para beber. Estes estão cheios de gorduras hidrogenadas para conservar durante mais tempo o produto.

Tenha atenção aos rótulos dos produtos!

A melhor maneira de diminuir o consumo da gordura trans é estando atento ao que você ingere. Leia a tabela dos valores nutricionais, até porque, na parte da frente pode estar escrito: "Livre de gordura Trans", mas no verso você pode encontrar gordura hidrogenada ou gordura parcialmente hidrogenada, que também é gordura trans.

* A Dra. Cristiane Coronel (CRN1-4551) é nutricionista clínica e esportiva funcional e disponibiliza o seu site para contato e outras informações: Corpo Nutri

Ver mais: Alimentação saudável, Alimentos orgânicos, Bolo, Receitas com pouca gordura

Últimas matérias